Nada fazer

Ontem na reunião de câmara a Cidália deu a conhecer porque motivo a autarquia não faz estradas ou arruamentos. Segundo a Presidente a câmara está impedida de realizar obras com base, segundo ela, nuns artigos que a técnica foi ler à reunião. Se para um qualquer munícipe afirmar algo deste género pode ser aceitável, quando…

Veja mais

Pirueta

Hoje teve lugar mais uma reunião de câmara. Foi mais um espectáculo pouco prestigiante daqueles que nos governam. Há quinze dias um dos assuntos que estava para discussão voltou atrás porque a oposição quis que o assunto fosse revisto pela comissão que atribui a pontuação. Hoje a Cidália apareceu com uma não proposta! Ou seja,…

Veja mais

Ainda sem relatório!

Em Março do ano passado, em reunião de câmara, a Alexandra disse que “ao fim de muitos pedidos recebeu um dossier com a informação pedida, tem-no analisado, e há ali graves problemas, que constam de um auto de vistoria de 2014 de que resultam patologias muito graves e aí identificadas. Por exemplo, entrada de água em vários locais,…

Veja mais

Integração! Onde?

Diz-se por vezes que há uns que são mais iguais do que outros no que diz respeito ao tratamento que o Estado dá a uns e outros cidadãos. Uns pagam impostos, outros recebem apoios. Claro que há logo quem venha clamar pelos membros de etnias e quem quer que critique alguns elementos de etnias levam…

Veja mais

O tractorista

Sábado o Álvaro andava num tractor a cortar relva numa zona cuja manutenção, podemos estar errados, é da competência da câmara! Se por um lado se pode dizer que o Presidente da Junta está empenhado, por outro fica-se sem perceber porque motivo o ‘chefe’ da Junta sente a necessidade de ser ele a estar atrás…

Veja mais

Desmazelo

Quem passa no estacionamento onde na Vieira as caravanas estacionam pode ter noção clara do que é o desmazelo. Um espaço que deveria estar imaculado, está repleto de ervas secas, dando sensação de que foi abandonado há muito. É mais uma ‘belo’ cartão de visita para quem aqui vem e aqui quer passar uns dias.…

Veja mais

Não é com vinagre

A foto foi partilhada pelo ex-vereador Santos no que pareceu ser um momento de desespero pelo que se assiste todos os anos na Praia da Vieira. Ano após ano os que mandam têm optado por colocar um mamarracho preto bem na zona central da Praia onde há barulho até tarde. De forma incompreensível, os que…

Veja mais

É preciso coragem!

É preciso coragem para alguém apostar no centro tradicional. Quando agora se passa já se consegue ver algo que até agora não se via, ideia de que há vida. Ao longo dos anos os diferentes executivos têm vindo a ‘matar’ o centro tradicional e é apenas graças à coragem de alguns que algo ainda vai…

Veja mais

DEVER… SOCIAL!

DEVER… SOCIAL! Temos vindo desde há alguns dias a esta parte a trocar “pontos de vista”, com um anónimo a quem desde já cumprimentamos, sobre um “post”, que aqui escrevemos com o titulo, “QUEM APOIA O DESPORTO”? Os comentários no entanto vêm noutro “post” (Dor de Cabeça), em que fala da questão da definição clara…

Veja mais

Ausente, mas solidária!

Ontem “Deputados do PS eleitos pelo circulo eleitoral de Leiria, Presidente da CIM Oeste e Presidentes de Câmara, Vereadores, membros de Assembleias Municipais, Presidentes de Juntas de Freguesia eleitos pelo Partido Socialista foram recebidos hoje no gabiente do Ministro Pedro marques no final da ação que realizaram de valorização da Linha do Oeste“. Parece que…

Veja mais

Jogada de antecipação

Seria supostamente aqui que se estaria a entrar quando se quisesse ir às conservatórias. Em vez disso, tem que se subir escadas com degraus partidos. Nada disto é novo. Desde há muito que se sabe que o PS tem vindo a fazer bandeira do facto de terem conseguido resolver o problema e terem feito um…

Veja mais

Para abater?

Os anteriores presidentes de câmara nos últimos dois mandatos têm feito questão de marcar a sua gestão por cortes de árvores. Foram as que ladeavam o cemitério e depois as que embelezavam a avenida principal. Tudo porque dá menos trabalho mandar cortar as árvores do que reparar o que as suas raízes vão fazendo aos…

Veja mais

Sem ideias

A Cidália deu a conhecer que a câmara vai comprar as antigas instalações da FEIS “assim que estejam formalizadas todas as questões com o actual proprietário“. Vão ser 1,2 milhões de euros que irão ser usados para aquela compra. Não somos contra a compra, mas ficamos com a ideia de que quem vai comprar sabe…

Veja mais

Chegou ao destino

Há dias o Caetano disse que as placas de sinalética estavam já prontas a ser colocadas. Ao fim de muitos anos de promessa, parece que finalmente encontraram o caminho para aqui. Parece-nos, no entanto, que é algo desnecessário. Qualquer pessoa consegue saber quando chegou ao concelho. Ao longo dos últimos anos de mandato os que…

Veja mais

Coutada

A época balnear começou há alguns dias e, por cá, não se nota que isso tenha acontecido. Se na Vieira houve abertura da época balnear e até houve festival, em S. Pedro nada acontece. Falam os políticos que há a perspectiva de uma solução para as piscinas, para a areia que falta, mas tem-se notado…

Veja mais

Bailarico

Ainda que possamos querer evitar fazer comparações entre o que se passa aqui na terra e o que se passa nos concelhos vizinhos, é inevitável fazê-las. Os que mandam dizem que o turismo é uma das apostas para desenvolvimento do concelho, mas quando comparamos o que fazem em prol dele e o que vemos que…

Veja mais

+ Mato

Muitos por certo já não se lembrarão do + Concelho, aquele movimento que prometeu tudo, até deu a entender que vinha para ficar, mas que nas últimas eleições levou uma valente tareia. O cariz populista que o ex-líder e ex-vereador colocou naquele movimento teve frutos nas primeiras eleições, mas não deu resultado há uns meses,…

Veja mais

Dor de cabeça

Um dos assuntos que não se compreende porque motivo está ainda resolvido tem a ver com a questão da definição clara de regras quanto à atribuição de apoios aos clube e colectividades. Ainda no mandato do ex-vereador Vítor foi afirmado que o regulamento estava pronto, mas quem lhe sucedeu, a Cidália, não deu seguimento. Agora,…

Veja mais

O silêncio

Por vezes há a sensação de que os eleitos são meros ‘verbos de encher’. De algum modo pensámos que aos eleitos eram prestadas contas daquilo que o representante da câmara na CPCJ fazia, daquilo que lá acontecia. Não nos referimos, como é óbvio, às situações confidenciais que ali são tratadas, mas sempre pensámos que, em…

Veja mais