E agora?

As Festas terminaram e o balanço, em termos de presenças, não pode senão ser classificado como positivo. Pelas nossas contas, nos três dias terão estado mais de 80.000 pessoas no recinto das Festas e pelo que fomos sabendo a receita das tasquinhas foi superior à do ano passado. É normal que assim seja e que…

Veja mais

A invenção da roda

Hoje todos apreciam os carros, as motas ou bicicletas e todas as novidades que vão surgindo. Ninguém agradece a quem inventou a roda que permite que hoje todos se desloquem e usufruam do que alguém se lembrou de criar. Lembrámos disto quando ontem vimos que estavam mais de 35.000 pessoas nas Festas. Está a correr…

Veja mais

Lido por aí

«Vale a pena pensar nisto. Quando pretendemos falar ou escrever sobre algo de um passado recente e não existem documentos, recorremos às pessoas que na época viveram esse acontecimento. A isto chama-se memória colectiva. Vem isto a propósito do mercado municipal. O mercado no edifício da resinagem, que por ordem da ASAE foi encerrado e…

Veja mais

Mentiu

No final do ano passado era afirmado que «o índice de transparência da Câmara não aumenta com a divulgação dos dados pessoais de cada um. Faz aquilo que a lei exige e mais nada. Estes seus dados a Câmara nunca os terá. Isto não é transparência, é coscuvilhice e não alinha nisso». Há uma lei…

Veja mais

Dupla personalidade

No post que publicámos antes fizemos referência à ausência de comunicação da contagem decrescente dos dias para as Festa da Cidade. Um comentador atento chamou-nos a atenção e fomos procurar saber o que se passava e em que tínhamos errado. A informação que demos estava correcta. O que não sabíamos era que a câmara tinha…

Veja mais

Esquecidos

Hoje começam as Festas da Cidade. Não é nenhuma novidade mas parece que há quem se tenha esquecido disso. Quando faltavam sete dias para o início das Festas a câmara começou a publicar um aviso com uma espécie de contagem decrescente. É uma ideia que vem já dos anos anteriores e que é interessante. Vai…

Veja mais

Sugestão

As redes sociais têm coisas engraçadas. Se há aqueles comentários com os quais até se pode aprender alguma coisa (infelizmente poucos), outros há que têm o mérito de fazerem rir o mais rabujento. Algures no Facebook encontrámos quem defenda que a câmara deveria tratar com igual dignidade os que trabalham durante todo ano em benefício…

Veja mais

As opções

Hoje pode ler-se em todos os jornais a questão do mercado. Para discussão parece que vão dois locais: onde estão as barracas e os estaleiros. Quando em Março deste ano o Vicente dizia que “foi candidatado um local nos estaleiros, na zona do estacionamento.” no âmbito do PEDU por certo que o afirmava com a…

Veja mais

Pateta

A última vez que tivemos notícias do deputado municipal e ex-deputado da nação foi quando afirmou que o Aurélio tinha mau carácter. Hoje voltamos a ler uma sua preciosidade. No ‘Sol’ ele afirma que o deputado do PAN é «um verdadeiro pateta». Diz ele que «de início até simpatizei com a causa, proteger e valorizar…

Veja mais

O citador

Perguntarão os mais atentos: que tem o Kennedy a ver com o concelho ou com o que se passa aqui? A resposta é simples: nada. Há dias lemos um texto onde o autor dizia que recorrer a frases ou citações de outras pessoas não é o mesmo que ter ideias, é apenas ter memória. Esse…

Veja mais

Horário dos estabelecimentos

O Vicente parece estar com alguma pressa em que seja aprovado o regulamento dos horários dos estabelecimentos. Na última reunião o projecto de regulamento esteve para ser aprovado mas foi retirado depois de ter sido confrontado com algumas questões que foram colocadas. A proposta vai no sentido de serem impostas restrições nos horários de funcionamento…

Veja mais

A manifestação

“Ontem realizou-se mais uma manifestação dos professores. Na qualidade de psico-insider, fiz o acompanhamento de um dos autocarros que saíram de Leiria, com destino ao Terreiro do Paço. Um dos sindicatos, a FENPROF, anunciava que levava 700 autocarros: o número de 100 mil professores da manifestação de Março seria suplantado. As palavras de ordem eram:…

Veja mais

Já está!

Está nos Jogos Olímpicos. Um marinhense que vai levar o nome do país além mar. Nem uma palavra da câmara sobre este assunto até ao momento. Parece que o silêncio é equivalente ao pouco apoio que lhe foi dado quando o Saraiva ainda treinava aqui na terra. Da nossa parte seguem para ele os parabéns…

Veja mais

Que tontos que são!

A imagem tem meia hora e ela mostra o quão tontos são os da câmara de Leiria que puseram a fonte luminosa a funcionar. Que maluqueira a dos que mandam por lá porem uma fonte a funcionar. Vê-se bem que não seguem os ensinamentos de quem aqui manda! Por cá que é feito como deve…

Veja mais

A contar com o ovo

Não adianta repetir-se várias vezes que a campanha começou. Isso é tão evidente que vamos evitar repetir o que é já do conhecimento geral. Não deixa, no entanto, de ser algo estranho que a oposição ande tão distraída e que deixe isso passar quase despercebido. De todos os lados da oposição parecem estar adormecidos. Lembramos…

Veja mais

Sob as luzes

De repente o Vicente parece querer estar sob as luzes da ribalta com o seu nome associado a tudo o que acontece na câmara. Forma mais óbvia de tentar manter-se na câmara e até tentar poder aspirar a ser o próximo presidente eleito é difícil de encontrar. Durante seis anos e meio as praias foram…

Veja mais

Costas voltadas

O clima entre o PSD local e o distrital já terá tido melhores dias. O apoio, natural, que o PSD local tem dado à deputada aqui da terra estará na base alguma discórdia entre as duas direcções. Pelo que é possível saber, a ambição política da deputada e algumas das exigências que tem feito, quiçá…

Veja mais

Ténis novo

Apesar de nada ter sido discutido em reunião de câmara – da leitura que fizemos, não aparece em lado nenhum -, é já público que vão ser gastos cento e sessenta mil euros na “reabilitação dos campos de ténis”. Não conhecemos o projecto até porque deve apenas tivemos conhecimento ao lermos o concurso mas é…

Veja mais

Assinar sem saber

Como é sabido, a câmara candidatou-se a fundos comunitários no âmbito do PEDU. Era nesta candidatura que estava integrado o mercado. Na quarta ficou-se a saber que dos onze milhões aos quais se havia candidatado, apenas foram aceites seis milhões e oitocentos mil euros. Na quarta o protocolo foi para assinar e era previsível que…

Veja mais

Afinal…

Hoje pode ler-se no jornal aqui da terra que “a edição deste ano tem um custo provisório de cerca de cem mil euros“. Quem o afirmou foi a Cidália. O ano passado o custo foi mais ou menos esse. Hoje na reunião de câmara a versão apresentada, a muito custo, foi diferente. O custo será…

Veja mais

Mercado reprovado

Quem hoje ler as notícias fica com a ideia de que a câmara vai fazer uma coisa boa ao por em discussão pública o assunto do mercado. À primeira vista parecia isso. Depois da reunião de hoje percebe-se que a discussão apenas surge porque não sabem o que fazer em relação ao facto de não…

Veja mais

Levado ao colo

Desde há algum tempo que se tem notado que o Vicente está a ser levado ao colo. Começou quando ainda estava com a qualidade de vice-presidente e tudo começou a ser feito para que a vida do ex-presidente na câmara fosse complicada. Sem apoio dos mais próximos e do próprio partido, conjugado com questões de…

Veja mais

Tarefa Herculiana

Foi anunciado que a câmara irá colocar asfalto em 52 quilómetros de estradas em dois anos. O anúncio é feito com a clara intenção de poder ser deixado já um argumento para as eleições do próximo ano de que deverão obter os votos para poderem continuar o trabalho que está pendente. É uma técnica eleitoral…

Veja mais

O preço para estar lá

À medida que vamos tendo conhecimento do que se vai passando, o encanto que as Festas da Cidade deveriam ter vai-se esbatendo cada vez mais, estando agora quase como se fosse só um borrão. As Festas da Cidade deveriam ser um evento que deveria permitir agregar o máximo de pessoas possível, devendo a câmara ter…

Veja mais

Praias ouro sem azul

Na semana passada foram anunciadas quais as praias que, segundo a Quercus, tinham qualidade ouro e houve duas praias no concelho que tiveram essa classificação. É sempre bom quando isso acontece e pena é que não seja atribuída a todas. Hoje a câmara dá a isso algum destaque por ser uma coisa boa. Quanto a…

Veja mais

Uns e os outros

Há uns meses, quando foi vandalizada a sede do PSD, foram igualmente feitos uns grafitis nas paredes da rodoviária. Hoje passámos por lá e notámos que já está tudo limpo. Aproveitámos e passámos também na sede do PSD e também lá não há vestígios do que quer que seja. Foi quando nos lembrámos de que…

Veja mais

Jotinhas confusos

A imagem foi há pouco colocada na página da JSD da qual a jotinha parece ainda fazer parte. Num texto mais ou menos longo, os jotinhas defendem que deve continuar a existir subsidiação das escolas e colégios particulares por parte do Estado. Aquele texto não deixa de ser interessante porque consegue ter nele algo que…

Veja mais

E se…

A semana passada saiu uma notícia sobre o que o presidente da secção regional de saúde disse, tendo classificado o estado do Centro de Saúde como sendo “arrasadora”. Não ficámos sensibilizados com o que disse não apenas porque não fez mais do que uma leitura daquilo que os utentes passam todos os dias como já…

Veja mais

Tratamento desigual

Termina hoje o prazo que foi dado aos interessados que queiram expor nas festas que começam na outra semana se inscreverem. Foram dados três dias para que isso acontecesse. Bom, três dias mas não para todos! Pelo que nos foi enviado, houve quem tivesse recebido há cerca de uma semana e pouco uma comunicação por…

Veja mais

Vacas a voar

Esta semana vimos a reportagem que deu nas televisões sobre o anúncio do Costa sobre a implementação de mais medidas que irão facilitar a vida de quem tem que aceder aos serviços públicos. Foi quando vimos o Costa anunciar que se há vacas que voam, também os serviços podem ser simplificados. Foi aí que nos…

Veja mais

Falta de respeito

As Festas começam a perder a cor que deveriam ter à medida que se vai conhecendo que tudo está a ser feito sem planeamento. Hoje foi divulgado no mural da câmara, no Facebook, que os interessados em ocupar os espaços de exibição (50 apenas) podem inscrever-se para ocuparem esses lugares, estando as inscrições abertas até…

Veja mais