Projectos fora

Esta é uma imagem que provavelmente iremos ver em breve. Já nos tinham contado que iria haver obras no estabelecimento que está instalado no jardim e é já público que a câmara contratou a “elaboração de projetos de arquitetura e especialidades para reabilitação de estabelecimento de restauração e de bebidas do jardim Luís de Camões“.…

Veja mais

Não pagamos

Como há dias escrevemos, a câmara tem muito dinheiro parado mas também deve muito. Ontem, na reunião de vereadores, ficou-se a saber que, afinal, não se sabe quanto se deve! Em Abril deste ano, pode ler-se numa acta, que o valor que estava em dívida era de 1.816.687 €. Ontem ninguém sabia qual o valor exacto…

Veja mais

O esquentador

O Governo anunciou que quer que passe para as câmaras as funções relativas “a análise e a atribuição de todos os programas de apoio social a nível nacional”. Assim à primeira vista parece ser uma medida ajustada já que deveriam ser as câmaras as entidades com maior conhecimento das realidades locais. Também deveriam ser as…

Veja mais

Assunto arrumado

Na reunião da passada semana ficou arrumado um assunto. O Atrium vai mesmo ser destinado à instalação das conservatórias. É assim posto um ponto final sobre o assunto e sobre as questões que ainda se poderiam colocar sobre o eventual aproveitamento daquele espaço para o mercado. Resta saber se irão mudar o nome do edifício…

Veja mais

Relaxing

É bom quando sentimos que os nossos autarcas andam descontraídos e relaxados. É sinal que estão bem, sem pressas e sem urgências. Depois da reunião de ontem dos vereadores, nas quatro horas que ali estiveram fechados, conseguiram avançar… (como é o exacto termo)… nada! Como não há urgência na resolução do assunto, o Vicente marcou…

Veja mais

Quando o telefone toca

Já várias vezes tínhamos recebido reclamações relativas à dificuldade que existe em contactar os serviços da câmara. Hoje tentámos! Tentámos reportar uma ocorrência na via, falar com o operador, falar com a acção social e educação, falar com alguém do urbanismo, das taxas e até da contabilidade. O resultado é o que se pode ouvir.…

Veja mais

Inveja

Inveja é um sentimento que nenhum de nós sabe o que é. Melhor dizendo, é um sentimento que nenhum de nós sabia o que era até hoje lermos num dos jornais diários que um dos concelhos aqui vizinhos “assinou um acordo de colaboração com o Governo no valor de 2,9 milhões de euros para levar…

Veja mais

Continua hoje

Mais logo os vereadores vão reunir novamente para tentarem limar as últimas arestas na revisão ao orçamento. Pelo que conseguimos saber, é neste momento possível chegar-se a um entendimento e até mesmo do lado do PCP não voltará a ser apresentada a proposta de revisão. A questão que poderia causar maiores dificuldades, o Centro Escolar,…

Veja mais

Finalmente

Três anos depois, a declaração de interesses do Logrado foi finalmente entregue onde deveria ter sido logo após as eleições. Agora já pode dizer que cumpriu tudo o que lhe era exigido. Fê-lo depois de ter sido obrigado pelo Tribunal Constitucional e dentro do prazo que lhe foi concedido para esse efeito. Quando surgem nas notícias…

Veja mais

Divisão do ‘bolo’

Um dos problemas que ainda não foi resolvido diz respeito à forma como os apoios aos clubes e associações são feitos. A ausência de critérios objectivos que permitam aos clubes e associações saberem aquilo com que podem contar é um dos problemas que diariamente ouvimos queixas. A forma como o ‘bolo’ é distribuído entre os…

Veja mais

Situações estranhas

Há uns meses o Pedro afirmou publicamente que existe corrupção no seio da câmara. Como seria de esperar, esse foi um assunto que nunca mais deu em nada. Ontem lemos aqui dois comentários que, a propósito da obra de S. Pedro, fizerem uma referência grave sobre factos que poderão ou não ter acontecido. De um…

Veja mais

O inquérito

Na reunião da semana passada o assunto da obra de S. Pedro deu que falar. Não se percebeu porque motivo a Alexandra se declarou impedida para discutir o assunto quando antes não o fez. Apesar de poder ter agido como devia, fica por explicar porque motivo não o fez em deliberações anteriores! Mas o assunto…

Veja mais

Desgaste

Há pequenos sinais que vão dando conta do estado em que as pessoas estão. Ontem enquanto assistíamos à reunião de câmara começámos a ficar preocupados com o que íamos ouvindo. Não nos referimos aos assuntos que ontem foram discutidos. Esses são preocupantes mas referimos ao facto de o Vicente ter mostrado sinais de imenso desgaste.…

Veja mais

Não fica por aqui!

A questão do ex-vereador Artur ter ganho o processo à câmara não deverá ficar por aqui. A questão remonta há muitos anos e, resumindo, trata-se de ele afirmar que é dono de três lotes que a câmara ocupou. O tribunal terá dado razão em parte ao ex-vereador e reconheceu que ele seria dono de dois…

Veja mais

Xeque

Sabe-se que a política é, em muito, semelhante ao xadrez. Tem que se jogar pensando sempre qual irá ser a jogada do adversário e sempre com algumas jogadas de antecipação. Ontem foi isso que o Vítor fez. Para ontem estava prevista a discussão e votação da proposta de revisão do PCP. Já sobre ela se…

Veja mais

Perda de mandato

Ontem a câmara quase decidiu o que poderá levar à perda de mandato. Depois de um longo processo, ontem quase foi decidido anular a licença de obra que havia sido concedida para construção de uma moradia em S. Pedro. A tão falada obra foi licenciada em violação do PDM. Quem não se recorda da história…

Veja mais

Cada cavadela…

Há uma expressão popular que reflecte muito do que se passa na câmara: cada cavadela, cada minhoca. Ontem o inacreditável ficou a conhecer-se. Quantos foram aqueles que já foram obrigados a pagar estacionamentos para poderem ir aos CTT ou para irem à conservatória? Muitos por certo. Todos os que pagaram fizeram-no acreditando que estavam a…

Veja mais

Triste(s)

Não haverá quem não gostasse de ver o centro tradicional sempre activo, com gente nas ruas e muito movimento. Longe vão os tempos em que isso acontecia. Também não haverá quem não encoraje e incentive quem queira dinamizar aquela zona morta da terra. Mas surgem depois o exemplos que fazem repensar tudo. Meses já passaram…

Veja mais