De volta ao passado

Cada dia que passa sentimos que estamos a voltar ao passado. Não que estejamos a ficar mais novos mas sentimos que há um evidente retrocesso nas condições que tínhamos e agora temos. Os problemas pelos quais o país está a passar não nos dão uma perspectiva de futuro e sentimos que cada vez mais estamos…

Veja mais

Saco de dinheiro

Todos os dias somos forçados a passar ao lado do que irá ser a Casa da Cultura. Além de agora sermos forçados a quase ali passar de jipe, tal é o buraco que ali deixaram, não conseguimos deixar de pensar no que ali irá aparecer. Lembramos, todos os dias, que aquelas duas obras, de acordo…

Veja mais

Direitos dos animais

Estivemos a ler a petição que anda a circular para que um cão que provocou a morte de uma criança – pelo que dizem os resultados da autopsia. Nela, os defensores de que o cão não seja abatido colocam o cão e a criança no mesmo patamar, ambos inocentes na história que terminou com a…

Veja mais

Só para Março

Esta semana já vamos ficar a saber quem são os que vão dar a cara por um dos grupos de independentes. Da parte do PS já se sabe que o Álvaro será quem irá encabeçar a lista. No PSD ainda nem concelhia têm e o candidato que queriam ainda não se decidiu. O MCI anda…

Veja mais

Banho de loja

Há uns dias comentámos o facto do Álvaro nem sempre andar com um aspecto muito apresentável. Como referimos, gostamos de o ver apresentável. Tivemos conhecimento que algo já mudou e que alguém próximo terá tido a coragem de lhe dizer que devia mudar alguma coisa. Parece que o Álvaro terá decidido  fazer aquilo que os…

Veja mais

Novo espaço de compras

Ainda nos recordamos da batalha que o Barros travou para que não viesse para cá uma nova superfície comercial. Há quem diga que foi esse braço de ferro para que não fosse feita a obra que levou a que fosse afastado. A semana passada a câmara aprovou a instalação de um novo supermercado. O terreno que está vazio entre…

Veja mais

Alguém a conhece?

Sexta feira assinala-se mais um aniversário da revolução dos vidreiros. A câmara associou-se às comemorações que são organizadas pelo sindicato. Achamos que fez bem mas há coisas que temos alguma dificuldade em entender. A revolução dos vidreiros foi algo local, com pessoas da terra. É bom que se comemore e que se recorde o que…

Veja mais

Responsáveis pelo deserto

Há muitos anos este era um local movimentado. Havia pessoas. Hoje há locais abandonados, sem ninguém. As apostas que foram feitas pelos diversos executivos têm levado a uma constante desertificação.Desde que o actual executivo tomou posse que não se vêem ser tomadas quaisquer medidas para incentivar o repovoamento do centro histórico.Foram colocados os parques pagos…

Veja mais