O namoro

Quem esteve atento ao que se passou nesta semana, terá ficado com a clara noção de que todos os textos que saíram do PS e dos seus apoiantes foram exclusivamente dirigidos aos vereadores do MpM. A posição do PCP, igual e até comunicada na reunião antes, não mereceu qualquer tipo de ‘ataque’ por parte do…

Veja mais

Até sempre

Este blog começou há muitos anos. Nem sempre tem que haver uma razão, mas tem sempre que haver uma qualquer inspiração. O hábito de ler blogs, de saber o que outros pensam começou cedo e muito inspirado por alguns bloggers que achavam que escrever na blogosfera era algo interessante. Vêm do tempo em que o…

Veja mais

As despesas

O problema que foi levantado há dias com os números da execução orçamental vai fazer com que a Cidália esteja a reforçar as cargas das canetas para poder assinar muitos cheques. Daqui até ao final do ano vai ser pagar tudo e mais alguma coisa para que haja muita despesa e possam mostrar que a…

Veja mais

O que o MpM disse

“Um orçamento deveria ser um documento fundamental para a vida do município, ser rigoroso e concreto, e basear-se numa orientação estratégica e numa visão de medio/longo prazo, onde se tomassem as decisões mais corretas com vista à satisfação das necessidades dos munícipes. No seguimento dos anteriores, o orçamento 2019, incluirá as despesas fixas com pessoal,…

Veja mais

O que a CDU disse

“Em primeiro lugar não podemos deixar de lamentar a forma como a discussão dos documentos provisionais foi gerada. É de lamentar que os mesmos nos cheguem às mãos com uns escassos 4 dias para análise, e que a reunião para discussão dos documentos aconteça no último dia possível, o último dia para a sua aprovação.…

Veja mais

O calendário

É normal os partidos e os políticos verem a realidade que lhes interessa. Se não fosse assim corriam o risco de nunca serem eleitos ou de nem sequer terem entrada nas máquinas partidárias. Não nos espanta, por isso, que se leiam versões diferentes dos mesmos factos. Quarta e ontem leram-se muitas afirmações sobre o que…

Veja mais

O que se lê

Fomos dar uma vista de olhos ao que se escreve nas redes sociais sobre o chumbo do orçamento e eis o que encontrámos: R. Testa “Crescimento com investimento na qualidade de vida dos cidadãos. O primeiro ano do nosso mandato mostra claramente uma mudança de ritmo e rumo na Marinha Grande.!” PS “A 24 de…

Veja mais

Vamos clarificar!

Parece existir alguma informação e contra-informação sobre o que foi a execução orçamental até ao momento. De um lado vem uma informação, de outro vem outra. Mas não há nada como falar com números. O que está na imagem são os dados da câmara. O mapa não necessita de grandes esclarecimentos, mas vamos tentar dar…

Veja mais

Ainda piores!

A propósito da rejeição do orçamento, o PS veio afirmar que este executivo “já realizou mais que nos últimos 4 anos!”. Quem aqui vive sente que nada está a ser feito para além das reparações urgentes. Há muito para fazer e, no entanto, está, segundo o partido, a fazer mais do que nos quatro anos…

Veja mais

O gráfico

Como se previa, não tardou até que a defesa do executivo permanente surgisse. Não conseguimos entender porque motivo a defesa é feita com total exclusão do que foi a intervenção do PCP, virando-se as atenções apenas para aquilo que o MpM fez. Será que não contam? Não se entende. Mas há algo que não deixámos…

Veja mais

Loucura

“Uma coisa eu sei, as próximas eleições vão ser disputadas entre o PSD e o PS, a Marinha Grande precisa de mim e do PSD”. Esta é a afirmação do actual presidente da concelhia que, caso consiga chegar à frente dela até ás próximas eleições, se prepara para ser o candidato. É essa a leitura que se…

Veja mais

Culpa sua

A ausência de uma estratégia para o concelho determinou que a Cidália visse o seu orçamento chumbado. É o primeiro que apresenta desde que se pode avaliar o seu mandato e a posição da oposição foi clara: chumbo. Naturalmente que ainda há tempo para que possa ser novamente apresentado e para que tente passar, mas…

Veja mais

Lixo

A imagem é de uma rua em S. Pedro. O assunto foi discutido na reunião de câmara, mas não se chegou a conclusão alguma. Acreditamos que irá continuar assim durante mais algum tempo porque há sempre a desculpa de que se trata de um local onde não chegam os carros do lixo. Mas o que…

Veja mais

Com o Governo ao colo

É indiscutível que há coisas que a terra necessita que sejam feitas. É indiscutível que o Governo se tem alheado de muitas funções que lhe cabiam. É também indiscutível que a Cidália tem andado com os elementos do Governo ao colo. O último exemplo surgiu na reunião de segunda. A propósito de obras que têm…

Veja mais

Caos

Já algumas vezes nos aconteceu ficarmos parados no transito quando se vem, ao final da tarde, da zona industrial para o centro. Para além do trânsito normal, grande parte do trânsito que se acumula deve-se ao facto de alguns condutores fazerem o percurso dos semáforos até ao túnel a passo de caracol e depois, em…

Veja mais

Nada

Sempre que aqui vêm ao concelho Ministros ou Secretários de Estado ficamos com a dúvida em relação ao que vêm efectivamente cá fazer. Além das mariscadas, não se tem visto nada de concreto. Ontem a Cidália e o Caetano explicaram que não os particulares não podem contar com o Governo para nada em relação ao…

Veja mais

Embaraço

O embaraço da Cidália é evidente. Desde há muito que se nota que sempre que o assunto tem a ver com o grupo da Construtora do Lena que não há respostas. Vai-se arrastando o assunto da Resinagem, sempre sem uma resposta concreta. Hoje o assunto foi puxado pela Alexandra, mas uma vez mais foi empurrado…

Veja mais

Desta vez

Desde há muito que todos, ou quase todos, os que andam na política dizem que não conhecem este espaço, que não lêem o que aqui se escreve e nem dão importância. Afinal há quem dê e quem acuse o toque! Em vez de desmentido, porque não havia como desmentir a verdade, desta vez foi apenas…

Veja mais

Orçamento

Está convocada para quarta a reunião para aprovação do orçamento. Mesmo no último dia, lá irá ser levado a discussão e votos. Contrariamente ao que pensávamos, conseguiram fazer tudo de modo a ir dentro do prazo. A dúvida agora reside no facto de poder ser ou não aprovado. Sem grande novidades e com um arrastar…

Veja mais

São soberanos

A eleição do novo presidente do Brasil poderia não ter grandes efeitos para o nosso pais, para a terra onde vivemos, não fosse o facto de, caso ele concretize as ideias que defendeu (as poucas que tem) em relação à Amazónia. Aí será mais uma catástrofe, igual a tantas outras que têm vindo a dar…

Veja mais

Votada ao abandono

O temporal passou, mas os vestígios permanecem inalterados. Numa das rotundas com maior movimento, o que se vê é o que a imagem mostra. Vários dias depois de ter sido deitada abaixo pelo vento, a árvore mantém-se no chão, sem que alguém da câmara se tenha lembrado que talvez ficasse melhor de tivesse já sido…

Veja mais

Taxa de execução

Um dos indicadores mais importantes num governo ou numa autarquia é a taxa de execução. É por aí que se vê até que ponto o que está previsto está a ser cumprido ou não. Para que se tenha uma ideia de como funciona basta que se imagine que uma determinada autarquia executa num ano todas…

Veja mais

Convocatória

Invocando o estatuto da oposição, a Cidália chamou ontem à câmara os partidos. Pelo que fomos informados por quem percebe do assunto, a convocatória feita ao abrigo do estatuto aplica-se apenas ao órgão deliberativo – AM – e não aos partidos, pelo que a convocatória não fará sentido para aquele fim. Ainda assim, eles lá…

Veja mais

Afinal…

Tivemos informação de que ontem os três vereadores com pelouro terão reunido separadamente com as diversas forças politicas representadas na AM, não para discutir o orçamento, mas para ser apresentado o que está feito. Apesar da informação que tínhamos de que não tinham sido aceites os convites para contribuírem para a elaboração do documento, ontem,…

Veja mais

Suposta elite

Teve hoje lugar mais um espectáculo na Casa da Cultura. Foi para celebrar mais um aniversário. À primeira vista poderia pensar-se que foi um espectáculo dirigido à população do concelho, com algo que nos diga respeito. Poderia ser algo com artistas locais, com canções que nos digam respeito ou algo que tivesse a ver com…

Veja mais

Temos oposição?

Como já se escreveu, o orçamento para 2019 deveria ser aprovado até quarta-feira. Para a reunião de segunda não está prevista a sua discussão e votação o que significa que, se por milagre, for levado a votos até ao final do mês terá que o ser em reunião extraordinária, longe dos olhares dos munícipes. Naturalmente…

Veja mais

Incompreensível

Ano, após ano, após ano é sempre a mesma coisa. O documento mais importante da autarquia, o orçamento, não é entregue dentro do prazo. Poderão dizer que é algo que não trás grande problema porque o que importa é que no dia 1 de Janeiro possa estar aprovado, mas não é assim. Por um lado,…

Veja mais

Anúncio

Alguns dos que aqui passam e escrevem acusam-nos de pouco fazermos para ajudar o desenvolvimento do concelho. Depois de muito pensarmos qual seria a melhor forma, pensámos que a melhor solução seria com a colocação de um anúncio. Agora resta-nos esperar que haja quem queira licitar. Numa altura em que nos outros concelhos já se…

Veja mais

As mudanças

Tem-se falado alguma coisa sobre a questão da orgânica da câmara, do facto de ter sido aprovada em Maio e de cinco dias depois de publicada no Diário da República ter sofrido nova alteração. As mudanças são sempre boas quando são para melhorar o serviço que é prestado aos munícipes. Quando assim não é, há…

Veja mais

138

Durante quatro anos a Casa da Cultura teve, em média, pouco mais do que meia casa de espectadores. 138 é o número exacto de acordo com o que é a informação veiculada pela câmara. Não se pode dizer que seja um número muito elevado uma vez que se trata de uma sala relativamente pequena. Isto…

Veja mais

O valor de um cartão

A reorganização dos serviços camarários passou por mexer nas competências de algumas divisões, no afastamento de um chefe de divisão e na admissão de uma nova chefe a quem não são conhecidos conhecimentos em termos de organização de uma divisão camarária tão complexa como é a que vai chefiar. Naturalmente que não podemos ainda avaliar…

Veja mais

Boys & Girls

Já é mais ou menos público que o chefe de divisão, o Crespo, não está mais a desempenhar essas funções. Tem existido alguma especulação sobre quem poderá ir ocupar o lugar e, pelo que tivemos conhecimento, o lugar vai ser entregue a uma ex-candidata pelo PS nas listas do concelho de Óbidos que, porque não…

Veja mais

Apontar o dedo

Normalmente é nos cafés onde se têm as conversas mais informais entre amigos ou conhecidos mais íntimos e também onde se dizem as verdades que não se podem dizer noutros locais. este fim-de-semana um de nós calhou ficar sentado ao lado da mesa onde estava sentado num café na Praia da Vieira, entre outros, o…

Veja mais

Séquito

Sempre que há visitas de Ministros há quem sinta a necessidade de fazer parte do séquito. Nunca conseguimos entender a necessidade que algumas pessoas sentem de fazerem o papel que tão bem é desempenhado pelo Fernando Alves. Foi por isso que nos pareceu que a imagem estava incompleta e demos-lhe um retoque para que fique…

Veja mais

Mão cheia de nada

Hoje mais um ministro veio ao concelho, o da administração interna. Acompanhado das televisões, foi mais um momento para que a Cidália, vereadores com pelouros, chefe, adjunto, Álvaro, Rodrigues e até o Pedrosa pudessem andar no beija mão e a tentar ficar no enquadramento das objectivas. Proveito palpável para o concelho: nada. Foi mais um…

Veja mais

O email

Tivemos acesso a um e-mail que foi enviado ontem ao início da tarde sobre a questão que está semana foi noticiada relativa ao que se terá passado na assembleia de freguesia. Transcrevemos e tire cada um as devidas conclusões. “Boa tarde, Sr. º Esmeraldo Pedreiro, Depois do nosso contato de ontem onde o Sr., me…

Veja mais

Eucaliptos

“O Presidente da República deu esta terça-feira o exemplo, que espera venha a ser seguido, de arrancar eucaliptos que nasceram após os incêndios de outubro e substituí-los por espécies autóctones, de forma a minimizar o risco de novas tragédias” lia-se na imprensa nacional. Juntamente com a notícia vinham algumas fotos dele a arrancar eucaliptos. No…

Veja mais

Falta de chá

Dos eleitos esperamos que tratem ou falem com os munícipes de uma forma educada, calma e sem exaltação. Deve ser assim quando estão em exercício de funções ou quando escrevem em locais institucionais. A câmara usa o Facebook para divulgar informação e pode considerar-se como sendo um local institucional. Ontem, ao final da tarde, lemos…

Veja mais