Outra nulidade

Ontem ouvimos o Seguro falar e afirmar que não quer ir para o governo sem eleições. Ao ouvirmos isso lembrámos que ele poderá mesmo ser o próximo primeiro ministro do país. Ficámos assustados! Já tínhamos ouvido falar que ele era uma nulidade mas fomos confirmar qual era o seu curriculum. Ficámos ainda mais assustados. Aquele…

Veja mais

Prestar contas

Sábado assistimos ao que é por muitos considerada como a maior demonstração de insatisfação do povo desde o 25 de Abril. Tudo tem a ver com o que são anos de governação e de despesa do Estado e a necessidade de agora tentar minimizar os efeitos desse despesismo e má gestão. Se Sábado reclamámos pelo…

Veja mais

Preparar a fuga

Há um ano no governo, Passos não conseguiu, mesmo depois da austeridade que impôs, reduzir o défice; não fez reformas; não reduziu a despesa do Estado; não negociou as parcerias; não eliminou fundações… não conseguiu nada do que disse que iria conseguir. Agora com as novas medidas, há quem diga que são inconstitucionais e que…

Veja mais

Não aprendemos

Apesar de não deixarmos entrar em casa qualquer um, desta vez abrimos uma excepção e deixamos que o Passos entrasse, não pela porta mas na televisão. Os quatro mil euros que ele fez a televisão publica gastar para não ter que sair e ser vaiado não conseguiram ser o suficiente para que a sua imagem saísse melhorada.…

Veja mais

Sem dinheiro?

Temos ouvido, por mais do que uma vez, que a câmara está sem dinheiro para fazer alguma coisa. Não percebemos muito bem essa justificação quando há uns meses atrás havia informação de que as contas da câmara eram boas e que estava até desafogada. Houve mesmo quem dissesse que a câmara era uma das poucas…

Veja mais

É já Sábado

Depois de tudo o que temos vindo a ter conhecimento do que são as intenções do governo, não podemos senão tomar posição e juntarmos ao coro de indignação que circula pelo país. A ilegalidade que agora o governo nos quer impor de aumentar a taxa social única em troco de nada é o melhor exemplo de que…

Veja mais

Silêncio do vereador

Nunca, como agora, se sentiu tanta contestação às medidas aplicadas pelo governo. Na terra, até o Pedro já saiu do PSD! Numa altura em que o PSD nos despeja os bolsos, começa a ser necessário perceber algumas coisas. Ser-se independente por um partido significa que a ele não se está filiado mas que existe alguma…

Veja mais

País de luto

As últimas medidas que têm sido tomadas pelo governo do país têm sido de tal modo gravosas que não nos têm permitido ver qualquer viabilidade para uma solução a médio prazo. Somos um povo pacifico e que muitos apelidam de manso. Mas somos um povo de causas. Fomos quando Timor precisou. Fomos quando Scolari foi…

Veja mais

Mais uma queda

Desta vez conhecem-se os fundamentos de mais uma baixa no PSD local. Em comunicação que anunciou no Facebook, o Pedro desvinculou-se do partido por razões que se prendem com discordância com o que o Passos tem vindo a fazer. Já antes tínhamos lido a sua intenção de se afastar da política. Desta vez, sem papas…

Veja mais