Brincar

Há pouco lemos uma publicação da CPCJ que colocava a questão: “As crianças hoje sabem tudo, inglês, francês, música, dominam as tecnologias mas será que sabem brincar?”. É, sem dúvida, uma questão pertinente, mas parece-nos que deveria ser reformulada. Mais do que saber se as crianças sabem ou não brincar, a questão que nos parece…

Veja mais

Para-quedas

Estamos em período pré-eleitoral e começam a ver-se as acções de campanha de alguns candidatos. Como não podia deixar de ser, parte das suas acções passam por se mostrarem junto de instituições e colectividades para irem ‘beber’ informações e entrarem em contacto com a realidade local. À primeira vista isto não teria nada de mal,…

Veja mais

O que se diz por aí

Nesta fase em que apenas os cabeça de lista são conhecidos, muitos têm sido os nomes que têm sido falados para serem o número dois. Se no MpM é mais ou menos seguro que venha a ser a Ana, nos demais ‘concorrentes’ não há assim tanta certeza. No PS foi adiantado o nome do Santos,…

Veja mais

De contente…

“De contente te dói um dente” é uma expressão popular que reflecte o que às vezes lemos por aí. Ontem lemos uma publicação no Facebook que tinha por título “ser da terra é tramado…”. Mais à frente, nos comentários, surge um que diz que “Às Peixeiras da Vieira foi prometida uma actuação nas festas da…

Veja mais

Saída

Quando ontem a reunião começou e havia lugares vazios, pensámos que tinha a ver com atrasos de alguns deputados. Esperámos e esperámos, mas os lugares continuaram vazios. A bancada do PCP contou com a ausência de três deputados que, pelo que foi possível perceber, não deram justificação para a ausência. Essa ausência deverá ter sido…

Veja mais

Surpresa!

Realizou-se ontem mais uma Assembleia Municipal. Um dos pontos importantes da discussão era a votação da revisão do orçamento. Não houve surpresas! Cada um dos deputados votou no mesmo sentido que o vereadores tinham votado e a revisão passou. Há, no entanto, a surpresa do que foi a votação da revisão por comparação com o…

Veja mais

Sem placas

Quem vem ao concelho, a menos que tenha GPS, não sabe quando aqui entrou. Não há uma única placa de sinalização que indique que entrámos no concelho. Já não é a primeira vez que o assunto é abordado em reunião de câmara, mas a resposta de quem manda tem sido sempre a mesma. Como já…

Veja mais

Lido por aí CVIII

«A Junta de Freguesia da Marinha Grande fez esta nota sobre o aniversário da Coletividades das Trutas. E bem! Mas se a intenção é fazer reporte dos acontecimentos, e não mera campanha eleitoral de promoção da Presidente em exercício e candidata a novo mandato, teria sido de bom tom referir a presença no mesmo evento…

Veja mais

Carta por escrever

este fim-de-semana podia ler que as “competências que até agora a maioria das câmaras municipais só detinham a nível do pré-escolar e do 1.º ciclo – como a propriedade física das escolas, a tutela do pessoal não docente e a responsabilidade pela Ação Social Escolar, refeições, pequenas e grandes obras nos estabelecimentos, segurança e até…

Veja mais

Mau estado

Não temos fotos por isso decidimos usar uma que se assemelha ao que existe. Referimos ao estado em que se encontram as cadeiras do autocarro da TUMG que é usado para transportes ocasionais das colectividades. O estado em que se encontram é lastimável. Além de estarem grande parte delas rasgadas, os encostos de cabeça têm…

Veja mais

Abandono

Quando ontem vimos o estado em que o cemitério do Casal Galego se encontra, lembrámos do jazigo que está à anos para ser resolvido. É provável que estejam à espera que o assunto caia no esquecimento para que depois nada tenha que ser feito, não sejam pedidas responsabilidades a quem permitiu que aquilo acontecesse. Quando…

Veja mais

Ingovernável

As eleições estão ainda a alguns meses, mas é possível já prever o que irá acontecer depois das eleições. A câmara irá continuar ingovernável. Muito à semelhança do que tem acontecido nestes quatro anos, não se vislumbra um futuro risonho. A condução da autarquia irá continuar sem que seja possível que se avance com grandes…

Veja mais

Desmazelo

Fomos ontem chamados à atenção para o estado em que se encontra o cemitério do Casal Galego. Hoje passámos lá. O que nos tinha sido contado ficou aquém do que se vê! O exterior descuidado, com ervas nos passeios. No interior a ‘capela’ dá sinal de desprezo, com paredes sem tinta. Parte do terreno ainda…

Veja mais

Perguntámos!

Há uma hora o PS escreveu o seguinte: “Qual a diferença das Festas da Cidade dos anos anteriores para este ano? Perguntem às Associações e Coletividades que vão ter os seus espaços e poder angariar fundos para as suas atividades habituais e as suas infraestruturas!”. Foi o que fomos fazer, perguntámos! Eis o que muda: os…

Veja mais

1250

A câmara parece ter fixado a bitola dos patrocínios nos 1250 euros! Foi esse o valor há dois anos, foi esse o valor o ano passado e será esse o valor este ano! Pelo que a Cidália deu a conhecer na última reunião, os patrocinadores foram ‘convidados’ pela câmara e, tal como no ano passado,…

Veja mais

Equilíbrio

Pelo que se podia ler ontem na inauguração da sede do MpM, entendem que aquele movimento “é como andar de bicicleta, só o movimento consegue o equilíbrio“. Nunca vimos o candidato andar de bicicleta e desconhecemos se tem jeito para isso ou não, mas parece ser claro que se esqueceram que há muitos que, mesmo…

Veja mais