Listas de pedófilos

Ontem lemos o Marinho Pinto dizer que é contra a colocação de chips nos pedófilos. Numa altura em que está em cima da mesa a possibilidade de serem criadas listas de molestadores de crianças, estas afirmações parecem chocar por parecer que se atribuem mais direitos aos pedófilos do que às crianças. Já há uns tempos aqui foi…

Veja mais

O enigma do protocolo

A pintura do Da Vinci continua a ser aquela que mantém a expressão mais misteriosa e enigmática, como que se não conseguisse saber o que se passa. Por cá é mais ou menos o mesmo! Depois de sabermos que a bronca com o negócio do UDL tinha rebentado, ficámos na expectativa do que iria acontecer. Até ameaças…

Veja mais

O silêncio do PCP

Nos últimos tempos temos ficado deveras preocupados com que tem sido a ausência de notícias da oposição, em especial da CDU. Já antes tínhamos notado que não estavam presentes mas pensamos que seria algo passageiro. Infelizmente tudo se mantém como antes. Ainda que possam ter o argumento de que as eleições estão a um ano…

Veja mais

Vereadora do que não existe

A propósito do que tem sido a acção cultural da câmara, lembrámos-nos de uma história que se passou há muito num país árabe. Um faraó tinha uma filha e um filho. A filha era ministra da cultura. Era uma pessoa com algumas qualidades. O filho nunca tinha ocupado lugares públicos mas tinha inveja da irmã. Um dia foi ter com…

Veja mais

O negociador

Com o PS local e a câmara a começarem a mostrar sinais de entrar em campanha, começam a notar-se algumas movimentações junto da oposição para não ficarem atrás. Apesar de se saber que o Santos está indeciso na decisão de aceitar renovar a candidatura, há já quem esteja em campo a tentar formar equipa que…

Veja mais

Parquímetros para droga

Há uns anos a terra era um dos maiores locais de consumo e passagem de substâncias ilegais. Com o encerramento das instalações da Ivima, pareceu que algum desse movimento desapareceu. Apercebemos-nos agora que esse fenómeno está a voltar. Sabemos também que por cá, se queremos ver a PSP em acção, é dar-lhes locais onde multar,…

Veja mais

Revisão do PDM

Muitos anos depois de ter sido aprovado e posto em prática o PDM, terminou esta semana o ciclo de contacto com a população. Numa primeira vista, esta parece ser uma iniciativa produtiva. Mas, bem visto, é apenas um pouco de folclore para tapar a falta de contacto que tem existido com a população durante estes…

Veja mais

Futebol, só em casa

Lembramos-nos quando, noutros anos, houve jogos de futebol em que o país jogava num campeonato, quem estava na câmara teve a boa ideia de colocar telas para projectar os jogos e criar ambiente que permitiu a quem lá esteve esquecesse os problemas do dia-a-dia. A partir de Sábado, Portugal vai jogar do europeu e as…

Veja mais

Obras paradas

Já antes aqui falamos naquilo que achamos ser uma aberração. As obras na estrada dos Guilhermes, na Zona Industrial. Continuamos a não conseguir entender como alguém com dois palmos de testa projecta algo assim. Mas, como não somos engenheiros (mesmo com curso tirado ao domingo) lá temos que gramar as asneiras que os outros projectam. Como se…

Veja mais

Não há recurso a empréstimo

Apesar de nada ter saído de informação por parte da câmara, soubemos que não irá ser necessário recorrer ao empréstimo que foi negociado com a Associação de Municípios. Isso significa que a câmara não terá que nos impôr as medidas que foram acordadas e que levam ao aumento para o máximo das taxas aplicáveis a cada um dos impostos locais, uma…

Veja mais

Mercado novo

Não temos por hábito ir fazer compras ao mercado mas este fim-de-semana passámos lá. Apesar das criticas que foram feitas à colocação das tendas, as condições são melhores do que eram no velho mercado. As tendas que eram apenas provisórias parece que, infelizmente, são para ficar. Se as condições do mercado são melhores do que eram,…

Veja mais

Impostos no máximo?

Foi agora criada a possibilidade de os municípios poderem recorrer a ajuda financeira, como forma de serem resgatados da situação de rotura. Essa possibilidade implica que as autarquias tenham que colocar as taxas de tributação dos diversos impostos locais nos valores máximos. Ouvimos o Ruas, da câmara de Viseu, anunciar que poderá até reduzir a carga fiscal.…

Veja mais