Jazigo que queima

Desde há algum tempo que se tem vindo a falar na obra polémica: o jazigo que foi feito sem supervisão da câmara. Houve até munícipes que foram à reunião de câmara para saber o que se passava. Ouvimos o Álvaro dizer que os serviços estavam a analisar e que na próxima reunião já iria dar…

Veja mais

Questões de Abril

A chegar-se ao 40º aniversário do 25 de Abril parece-nos que pode fazer-se o balanço do que foram estes quarenta anos de “democracia”. Na escola pouco ou nada se ensina sobre o que aconteceu nem sobre as razões que levaram a que se desse a revolução. Os principais protagonistas são esquecidos e nem no local…

Veja mais

O custo do Circo

Surgiu há pouco um comentário que dava a conhecer que a câmara teria cobrado a quantia de quatro mil euros pela utilização do espaço onde o circo está instalado, despesa que tinha sido suportada pelos bombeiros. Tratava-se de informação que não dispúnhamos e que nos apareceu como surpresa. Fomos tentar saber o que se passava…

Veja mais

Os candidatos

Numa altura em que estamos a dias de começar a campanha para as europeias e quando se sabe que o interesse que há nessas eleições é reduzido, fomos ver o curriculum de cada um dos cabeças de lista dos principais partidos. Escusado será dizer que a vontade que temos é de fugir! Francisco Assis: Estudou…

Veja mais

Discurso no plural

A curiosidade que tínhamos começa a ficar mais dissipada. Fomos fazer uma leitura mais atenta do programa das comemorações do 25 de Abril que agora aparece no portal da câmara e, além de estar mais completo, apercebemo-nos que vem já dar uma luz sobre o que deverá acontecer e que nos tinha passado despercebido. A…

Veja mais

Cansados

Hoje estamos assim, cansados. Foi um fim-de-semana intenso. Apeteceu-nos ir ao teatro e fomos. Fomos também ao cinema. Ainda tivemos tempo de ir ver exposições novas de arte. À noite aproveitámos para ir para a rua. Aproveitamos para conviver com as muitas pessoas que andavam como nós pela rua. Podermos estar junto de pessoas amigas…

Veja mais

Quem vai falar?

As comemorações do 25 de Abril vão ter o seu ponto alto, como sempre, quando perto da meia noite se ouvir a Grândola Vila Morena e se seguirem os discursos. Este ano terá um significado acrescido depois do muito pelo qual temos vindo a ser obrigados a passar com as medidas que têm vindo a…

Veja mais

História de sangue!

Estalou o verniz! Essa é a conclusão que se chega depois de quinta termos lido que a exposição de marionetas não era senão o prolongamento do que se passa no edifício da câmara! De uma forma muito pouco polida, os membros do executivo foram chamados de fantoches (entre outros). Tudo isso porque o Álvaro terá…

Veja mais

Horário especial

O país está mergulhado numa crise que alguns criaram agravada pelo que têm sido as políticas seguidas por aqueles que dizem que mandam. Entre o PS e PSD/CDS será difícil saber a quem atribuir as culpas. Se de um lado está mal, do outro não está melhor e as perspectivas não são as melhores. É…

Veja mais

Figura de parvos

De todos os personagens que nos últimos anos têm aparecido, deverá haver poucos que tenham conseguido interpretar melhor a figura de parvo do que o Mr. Bean. Até ontem pensamos que ele seria o expoente máximo de alguém que faz asneiras sem que se aperceba que as faz. Quando ontem lemos o comunicado do PCP…

Veja mais

Culpados

Já antes tínhamos sido alertados para o facto de a terra ir ficar privada de serviços no que diz respeito ao tribunal que aqui funciona. Até hoje não houve uma palavra que fosse da parte da câmara sobre o assunto. É como se não importasse que os munícipes tivessem que ir para fora da terra…

Veja mais

Estacionamento… mas pouco

Esta seria a ideia inicial para o estacionamento da antiga JF Custódio. Isto foi, pelo menos, o que foi apresentado como sendo o que iria ser construído. Tivemos entretanto conhecimento que esta ideia começou a ter alterações. Com cada um a querer dar “contributos”, o estacionamento, que iria ser a alavanca para a “reabilitação urbana…

Veja mais

Quem manda?

Sexta ouvimos aquilo que os vereadores independentes tiveram a dizer no programa que passou na rádio. Sem grande novidades e com o Logrado ainda fora, foram defendendo as suas visões  e o que consta nos seus programas. A parte que achámos mais interessante foi quando, a propósito de quem manda na câmara, o Aurélio tentou…

Veja mais

A teoria Jonet

Há uns dias a Jonet, a que manda no Banco Alimentar, veio dizer que os desempregados passam o tempo nas redes sociais. Veio uma onda de criticas. Admitimos que não nutrimos nenhuma simpatia pela senhora e o que a forma como disse o que disse lhe ficou mal. Há, no entanto, algo com o qual…

Veja mais

Santos ausente

Quando ontem entrámos na sala de reuniões da câmara vimos o que não contávamos! O Santos tinha sido substituído! Claro que a primeira ideia que nos ocorreu foi a de que poderia ter ido fazer companhia ao Logrado. Também nos ocorreu que poderia ter-se visto de manhã ao espelho e ter constatado que, apesar do…

Veja mais

Aprender não custa

É habitual dizer-se que só não aprendem os burros. Temos algumas vezes dificuldade em conseguir entender o que vai na cabeça dos políticos. Podendo ser pessoas iguais a qualquer outro cidadão, têm às vezes comportamentos que não lembram ao diabo! Quando soubemos que a proposta do Aurélio de alterar o programa de incentivos ao investimento…

Veja mais