PSD de volta ao que era

Durante muito tempo o PSD aqui na terra foi o caos que se conheceu. A ambição pelo poder levou a que andassem meses a tentar encontrar um rumo. Chegámos a pensar que nem sequer iriam a eleições! Os últimos acontecimentos têm mostrado que, pelo menos, internamente terão começado a ter um novo rumo. Apesar do…

Veja mais

MpM arrisca multa

Já antes o tínhamos dito e confirma-se: estas eleições vão ser diferentes de tudo o que até agora tínhamos visto. A falta de acompanhamento por quem esteja habituado a este tipo de coisas leva a que os movimento independentes cometam erros que lhes podem sair caros. Estamos ainda numa fase que é de uma quase…

Veja mais

Perigo, cadeiras

Desde há algum tempo que se sabe que o ambiente na câmara anda de cortar à faca. Muitas têm sido as informações que nos vão chegando do ambiente estar pesado. Já nem falamos no que aconteceu na reunião da passada semana em que uma funcionária, que não foge ao estigma de ser da máquina partidária…

Veja mais

A contar com o ovo…

A semana passada pensámos que se iria discutir o assunto do mercado de uma forma mais abrangente. As trinta pessoas que estiveram no SOM não foram as suficientes para que se discutisse algo de modo a poder chegar à população. Ali faltaram os demais candidatos e ter-se-ia feito um debate útil. Quando lemos que iriam…

Veja mais

Imagem é tudo

Estivemos a dar uma leitura à “revista” de campanha do PS. Sem surpresas, o Álvaro pede que o deixem acabar o programa eleitoral de há quatro anos. Pensávamos que o programa que tinha apresentado era apenas para um mandato mas, pelos vistos, é para dois! Mas além disso, há uma coisas que notámos. Na foto…

Veja mais

Feira de vaidades

Este fim de semana pensámos ir passar por uma das festas que nesta altura tem lugar nas colectividades. Má hora aquela em que isso nos ocorreu. Sabemos que estamos em período de pré-campanha e que tudo vale para que os candidatos apareçam mas chega uma altura em que nos cansamos de não ter descanso. Quando…

Veja mais

“Coragem política”

Há um ano atrás escrevemos sobre a poluição visual que existe ali na rotunda mais conhecida e movimentada da terra. Nessa altura lemos aqui o Constâncio escrever que “No local referenciado no post do “Curioso”, independentemente do que estiver colado naqueles painéis, eles nunca lá deveriam estar. Se houvesse coragem política, que também faltou de 2001…

Veja mais

Silly season

Em anos anteriores diríamos que estamos a entrar na silly season, este ano não dizemos porque nunca chegámos a sair. Mas se assim fosse devemos fazer uma avaliação do que se passa com as autárquicas na Marinha tendo em conta que vamos todos a banhos. Na televisão já se começa a perceber isso e ontem…

Veja mais

Não saem de casa

Desde há algum tempo que pouco ou nada se sabe do Vítor e do que é a sua acção de campanha. Depois da inauguração da sede de campanha parece que desapareceu. Apesar de não estarem em casa nova, pensámos que o facto de inaugurarem a sede iria fazer com que começassem a aparecer, a serem…

Veja mais

CDS com turbo ligado

Os recentes acontecimentos nacionais e o que o Portas conseguiu para o partido depois da crise política que atravessamos poderá ter sido uma das razões que levou a que aqui pela terra também o CDS tenha metido o turbo. Pelo que tivemos conhecimento, o Micael anda numa roda viva para conseguir formar a lista que…

Veja mais

Baile de máscaras

Quando o Aurélio decidiu avançar e lançou a ideia de que que queria que os apoiantes pensassem como queriam que a terra fosse em 2025 ficámos na expectativa de que em breve iríamos saber o que pensavam. As semanas foram passando e fomos lendo alguns escritos nos jornais sem que, no entanto, nos tenha sido…

Veja mais

Homem estátua

Depois da confusão que foi criada com a escolha dos que deverão acompanhar o Santos na corrida à câmara, pensámos que a campanha iria para a rua. Acreditámos que iríamos começar a ver alguma movimentação. Pensámos mal. A campanha, se já começou, não se vê! Quando agora passamos em frente à sede de campanha estamos…

Veja mais

Mercado onde?

Hoje irá ser discutido o assunto do mercado na perspectiva que o Constâncio tem vindo a defender, reavivando a ideia de que o mercado deverá ser instalado no edifício do Atrium. Não prevemos surpresas naquilo que o Constâncio irá defender. É, naturalmente, uma discussão necessária. Parece-nos, no entanto, que teria sido mais útil para todos…

Veja mais

185 dias depois

“A omissão de tal dever é uma opção inaceitável e irresponsável” dizia o Álvaro em Abril a propósito da inacção do Governo em relação à remoção e limpeza das árvores que estão ainda espalhadas pelas matas. Tinha toda a razão. Há deveres que são impostos a quem manda que, quando são omitidos, tornam-se numa opção…

Veja mais

Museu da floresta,

Ontem lembrámos de ir tentar saber como estava a evoluir a construção do Museu da Floresta. Pura perda de tempo! Nada conseguimos encontrar que dê indícios de que alguma coisa está a ser feita, ou sequer pensada! Fomos então ler o que o Pedrosa escreveu em 21/2/2010 e dizia ele que “Este executivo municipal iniciou…

Veja mais

Bailinho do Amândio

“O que se passou na Marinha Grande, nos últimos 35 anos, salvo raras e merecidas excepções, é mau de mais para ser verdade. Tem que se mudar a relação da população com os órgãos autárquicos, têm que nos ouvir, têm que saber que se espera tempo demais nos departamentos da Câmara, há pessoas à espera…

Veja mais

Atrasado, muito atrasado

Um dos filmes que permanecem na nossa lembrança de infância é o da Alice no País das Maravilhas. Um dos personagens que sempre achámos muita piada foi ao coelho que, olhando sempre para o relógio, andava sempre a queixar-se de estar atrasado. Este personagem da nossa infância veio-nos de novo à mente quando, depois de…

Veja mais

Estalou o verniz

Já tínhamos falado no problema que existe com a relva que foi colocada no campo do ACM. A falta do certificado que a empresa colocou o relvado deveria entregar está a criar problemas graves ao clube. Tudo isto porque a empresa não recebeu! Como a câmara quis sacudir a água de cima e empurrar os…

Veja mais

Ruínas do centro tradicional

Durante o fim de semana andámos pelo centro da terra. Depois de sabermos que está a ser iniciada a demolição da J. Ferreira Custódio para permitir aliviar a carência de estacionamento no centro, fomos ver quais os espaços comerciais que estavam a sentir carência de estacionamento. Um qualquer centro tradicional, numa qualquer terra minimamente desenvolvida,…

Veja mais