“Sede vacante”

De acordo com as regras da igreja católica, sempre que um lugar que deveria estar com um membro da igreja está vazio, o nome que se dá é de “sede vacante”. Lembrámos disto depois de termos conhecimento que algo semelhante está a acontecer na câmara. Por razões que para aqui não são chamadas, o Álvaro…

Veja mais

Pelos cabelos

O ex-Primeiro Ministro continua detido. Há os que o querem transformar em “preso político” outros que o querem ver pagar por aquilo que o país passou após a sua saída do Governo. Há quem o idolatre e pareça fazer a sua vida em torno do que acontece àquele cidadão enquanto outros pouco se importam com…

Veja mais

Ilegalidade

Uma vez mais assiste-se a uma “batalha” nas redes sociais entre o Aurélio e o Álvaro. Na última reunião, a propósito do concurso para a direcção da DCD, o Aurélio votou a favor a abertura do concurso mas fez uma declaração de voto onde se mostrou contra a forma como ele tinha sido aberto. No…

Veja mais

Sim mas não!

Desde que este mandato começou que temos notado que tem existido uma forma de agir por parte de alguns autarcas que não se compreende. Bem sabemos que o regimento permite que assim seja mas não tem lógica que um qualquer vereador vote num sentido um qualquer assunto mas faça uma declaração de voto que diz…

Veja mais

Repreender

Com os ânimos ao rubro entre o Álvaro e o Aurélio, prevê-se que amanhã os problemas surjam logo quando a reunião começar. Na última reunião, sem público, a forma como os vereadores se sentaram não foi com a preocupação de poderem estar virados para a plateia. Como não estava lá ninguém a assistir, não houve…

Veja mais

Roubar o lugar

Quem tem estado minimamente atento ao que tem sido escrito pelo Álvaro no Facebook tem-se apercebido que ele está atentar tirar o lugar ao Aurélio. Se até agora era este quem, nas reuniões de câmara, dava os parabéns a quase toda a gente, agora é o Álvaro quem está a fazê-lo. Nota-se uma necessidade súbita…

Veja mais

As estradas

Em Agosto do ano passado, a propósito de uma questão que lhe foi colocada sobre o estado da estrada de S. Pedro, o Álvaro afirmou que aquela estrada não era da câmara, que nada seria feito para reparar os problemas existentes porque ele não sentia muito o problema porque cumpre os limites de velocidade. Não…

Veja mais

Ausentes

Este fim-de-semana foi aberto o passeio pedestre na Vieira. Onze quilómetros durante os quais pudemos ver muito do que já nem nos lembrávamos. É algo que faltava e que, esperamos, se alastre aos restantes pontos da mata. Quando lemos que iria haver este passeio pensámos que ele faria parte daquela ideia que a Alexandra há…

Veja mais

Corta-fitas

Durante muito anos fomos habituados a ver alguns políticos de tesoura na mão a cortar as fitas das muitas inaugurações que faziam. Um dos exemplos mais recentes vinha da Madeira. Os partidos mais à esquerda sempre criticaram essa forma de agir. O tempo que os políticos perdem a cortar fitas é tempo em que poderiam…

Veja mais

O Segredo na Casa

No início de Março recebemos um convite para a estreia da sequela de um filme de produção local. Ainda não tinha data marcada nem local definido. À data tivemos a esperança que o Vítor não deixasse passar a oportunidade de estrear a Casa da Cultura, na vertente do cinema, com uma produção local. Pelo que…

Veja mais

Tratamento especial

Quem assistiu aos noticiários da televisão o fim-de-semana que passou teve a oportunidade de ver o Álvaro a dar uma entrevista rápida. Não disse nada de especial mas também não disse nada de errado. Foi na Vieira na abertura da época balnear. O que na entrevista não foi dito foi que ele tinha deixado o…

Veja mais

Vontade de fugir

Quem vive aqui há muitos anos não pode deixar de se recordar do estado em que as instalações da vidreira estavam antes de serem mandadas reparar. O estado era degradante. Hoje o estado começa a ser semelhante! Não nos referimos à fachada. Essa está em boas condições e dá para encher o olho. Referimos mesmo…

Veja mais

De popó para casa!

Já há muito que nos apercebemos que há uma coisa estranha na câmara. Dirão alguns que andamos distraídos por acharmos que há apenas uma! Terão razão mas esta tem a ver, mais uma vez, com a utilização que se faz dos meios que a câmara tem. Os eleitos têm direito a receber ajudas de custo…

Veja mais

Excepto familiares

A época balnear começou e com ela vai começar o tormento de conseguir estacionar. Todos gostamos de levar o carro quase até à areia mas entende-se que não possa ser assim. Nos locais de difícil passagem é normal que não se possa estacionar. Claro que há os que conseguem ter um tratamento diferente do que…

Veja mais

Dêem-lhes corda

Depois do que tem sido escrito nos últimos dias pelo Aurélio e pelo Álvaro, temos alguma curiosidade em saber como estará o ambiente na reunião extraordinária que agora está a ter lugar. Estarão a conseguir fingir que não leram ou escreveram tudo o que todos nós lemos ou terão levado consigo corda para poderem “amarrar…

Veja mais

De cabelos no ar!

Na última Assembleia Municipal ficou-se sem perceber muito bem qual a posição que o + Concelho tem sobre o que deve ser a gestão da terra. A Elvira pareceu sair de cabelos em pé da reunião depois do que propôs ter sido criticado pelos restantes elementos da AM. É indiscutível que as Festas da Cidade…

Veja mais

De pisar a esmagar

Não contente, o Álvaro volta à carga. Desta vez limitamos a transcrever! “A DEMAGOGIA DO MpM. O MpM faz-se uma vez mais porta-voz do seu Presidente, o Vereador Aurélio Ferreira, o que se compreende-se porque o MpM É apenas e só o Vereador Aurélio Ferreira. 1. Uma vez mais, o Vereador Aurélio Ferreira, não sabendo…

Veja mais