Vandalismo

Esta semana uns vândalos acharam que deviam dar largas aos seus “dotes” artísticos e fizeram uns desenhos mal feitos numa das paredes da biblioteca. Há os que acham que se deve criar um espaço para que os vândalos possam fazer as suas pinturas mas a generalidade das pessoas com bom senso não pode senão censurar…

Veja mais

Imagem que conta

A Resinagem tem sido classificada, por parte de quem manda, como sendo o elemento dinamizador do centro tradicional. Nesta altura em que muitos poderiam visitar a terra e que deveria haver uma atenção redobrada – não que os que cá habitam não mereçam o mesmo tipo de atenção -, ver que existe uma falta de…

Veja mais

Parabéns

Acabámos de dar uma volta pela cidade. O que encontrámos foi um deserto. Deserto de gente, de movimento e de ideias para dar volta à terra. Encontrámos uns moços numa mota eléctrica que se nos atravessarem à frente e que podemos dizer que foi o ponto alto da noite Marinhense. Depois dizem que somos nós…

Veja mais

Regulamento para quê?

Quem teve oportunidade de ouvir os presidentes de Junta falar sobre os apoios que são dados às colectividades e associações, não pôde deixar de notar a sintonia que existe entre todos quando se fala em regulamentar a atribuição de subsídios. Todos foram unânimes em dizer que não é necessário nenhum regulamento para definir as regras…

Veja mais

Amazónia II

Pouquíssimas são as vezes que conseguimos acreditar nos políticos. De quando em vez somos surpreendidos! Há uns dias passámos pelo Centro de Saúde e vimos o estado em que estava. Demos disso conta aqui. Hoje voltámos a passar e, qual o nosso espanto, encontrámos funcionários da Junta a cortar o matagal que ali existe. Não…

Veja mais

Tempos medievais

Em Leiria vai estar patente este fim de semana uma feira medieval. Numa altura em que há muitos que estão de férias, parece-nos ser lógico que possam ser organizados eventos que possam, de algum modo, trazer animação às cidades. Não apenas permite que algumas pessoas possam querer assistir como isso trará mais gente. O comércio…

Veja mais

Amazónia

Amazónia? Não! Apenas o Centro de Saúde. Ontem terminou a greve dos enfermeiros e, por causa disso, tivemos a curiosidade de passar pelo Centro de Saúde. Já há muito que não íamos lá e, qual não é a surpresa, quando vemos o que está na imagem! Há uns tempos ainda houve quem tivesse andado lá…

Veja mais

Pedir demais

31 de Agosto foi a data limite que um empresário definiu para decidir se faz ou não um investimento de seis milhões de euros no concelho. Tudo isto porque, depois de ter tido uma reunião há três meses com o Álvaro, nada avançou. O empresário não consegue que a câmara integre a sua actividade como…

Veja mais

Shhhh…

O que aconteceu a semana passada era, mais ou menos, esperado. O Álvaro mandou calar um munícipe quando ele quis intervir apenas porque ele não se tinha inscrito com, exactamente, 24 horas de antecedência. Mais uma vez coloca-se o formalismo à frente dos interesses dos munícipes. Claro que se entende que o Álvaro se agarre…

Veja mais

Shhhh…

O que aconteceu a semana passada era, mais ou menos, esperado. O Álvaro mandou calar um munícipe quando ele quis intervir apenas porque ele não se tinha inscrito com, exactamente, 24 horas de antecedência. Mais uma vez coloca-se o formalismo à frente dos interesses dos munícipes. Claro que se entende que o Álvaro se agarre…

Veja mais

Custo das festas

A câmara decidiu, a semana passada, pagar ao STIV. Todo o serviço que é prestado deve ser pago e a câmara decidiu a semana passada pagar pelo que foi feito no 18 de Janeiro. Dito assim pode soar mal mas nós explicamos. Há uns meses o STIV organizou a comemoração dos 80 anos da revolta…

Veja mais

Estacionamento ou árvores

Nem sempre se conseguem entender as razões que levam a que sejam tomadas algumas decisões por parte dos que mandam na terra. Uma das últimas decisões que foi tomada gerou alguma polémica mas agora entendemos a razão de ter sido tomada. As árvores são muitas das vezes um estorvo. Que jeito tem estarem árvores a…

Veja mais

Dotes musicais

Estará o PS a dar aulas de música aos seus militantes? Há dias foi o Álvaro que nos deliciou com os seus dotes na arte de tocar “pinhocas”. Este fim-de-semana foi o Seguro com ferrinhos. Não há dúvidas que para se ser político é necessário saber dar música aos que os elegem mas não era…

Veja mais

Opções

Quando hoje passámos grande parte do tempo sem água e nos lembramos do que se gastou na Casa da Cultura e na Resinagem não conseguimos deixar de pensar nos critérios de investimento que têm sido usados. Optar entre a conduta dos Altos Picotes ou obras de fachada parece ser uma escolha difícil. Ainda nos lembrámos…

Veja mais

Nada se faz

Hoje, como sempre, o centro estava assim, às moscas. Quatro anos depois do Álvaro ter iniciado funções, não se vê que tenha existido uma única mudança para melhor. Edifícios em ruínas, abandonados ou à mercê de vândalos é o que o centro tradicional tem para oferecer. Longe vão os tempos em que por ali se…

Veja mais

Ivima… para quando?

Quando hoje dávamos volta aos arquivos de imagens, apareceu-nos esta que data de 1918. Longe vão os tempos em que aquele edifício era da Companhia Nacional e Nova Fábrica de Vidros da Marinha Grande, mais tarde Companhia Vidreira Portuguesa. Hoje ele está entregue à câmara e, apesar de se falar que lá irá ser instalado…

Veja mais

Lixo

Há afirmações que, sendo curtas, dizem muito. No site onde se pode fazer a inscrição como simpatizante do PS está o alerta para o facto do email que irá ser recebido, vindo do PS, poder ser considerado como “lixo”. Até já os computadores conseguem perceber de onde vem o lixo! 00 Comentar com conta do…

Veja mais

Lixo

Há afirmações que, sendo curtas, dizem muito. No site onde se pode fazer a inscrição como simpatizante do PS está o alerta para o facto do email que irá ser recebido, vindo do PS, poder ser considerado como “lixo”. Até já os computadores conseguem perceber de onde vem o lixo! 00 Comentar com conta do…

Veja mais