Hora de trabalho

Hoje terá lugar a sessão de apresentação do “Design Center”. Sobre isso já falámos e pouco mais haverá a dizer sobre o conceito que a câmara tem. O que nos leva a continuarmos a achar que a câmara continua de costas voltadas para a população não tem a ver com o evento em si mas…

Veja mais

Má organização

A terra anda sedenta de eventos culturais. As obras que nunca mais acabam na Casa da Cultura a par de uma total ausência de política cultural leva a que, quando os munícipes têm conhecimento de que alguma coisa existe, adiram em massa. Isso leva ao que aconteceu no passado Sábado, o fiasco de organização. O…

Veja mais

Hora do planeta

Sábado, umas horas antes de entrarmos na hora de verão, começa a “hora do planeta“. Durante uma hora muitas cidades irão ficar às escuras numa acção simbólica de defesa do ambiente. Não sabemos ainda se a câmara irá aderir à iniciativa – sabemos que é pedir demais haver informação vinda daqueles lados – ou não…

Veja mais

O normal são os atrasos

Todos sabem que quando vão para o trabalho a sua função é trabalhar. Cumprir com os seus deveres é algo que pensávamos que não era algo que justificasse destaque. Fazer o que deve ser feito não é nada de especial, antes o que se espera que aconteça. Quem manda deve apenas exigir o que de…

Veja mais

Factura da sorte

Sabe-se agora que irão ser distribuídos Audis para a factura da sorte. O Governo começa por nos tratar como se fossemos viciados no jogo – o que até não está longe da verdade tendo em conta a quantidades de apostas do Euromilhões – e acaba por nos chamar de idiotas por reconhecer que somos um…

Veja mais

Sem apoio

Na última reunião de câmara o Aurélio colocou uma questão que nos deixou preocupados. Se há organizações que deveriam ter um tratamento mais atento por parte dos que mandam, uma delas são, indiscutivelmente, os bombeiros. É a eles que recorremos quando há aflições e é deles que esperamos resposta quando o azar nos bate à…

Veja mais

Design Center

Segunda-feira, ao final da tarde, vai ser feita a apresentação do “Design Center – Semana do Design da Marinha Grande“. Não se pode dizer que não há fome que não dê em fartura! Não nos podemos queixar de nada estar a acontecer. Desta vez a câmara está a tentar mostrar alguma coisa. Foi a apresentação…

Veja mais

Estão de volta

Ontem à noite passámos junto ao cemitério e foi aí que confirmámos que a justificação que o Álvaro deu para o corte das árvores tinha razão de ser. Se antes um dos problemas que ali existia, segundo as explicações dadas, era o da prostituição, durante o tempo em que não havia ali nenhuma árvore e…

Veja mais

Papagaios

Numa terra onde pouca coisa acontece, o tema de hoje bem poderia ter como título “responsável de grupo local insulta ex-autarca e candidato” mas não nos parece que deva ser dada importância a comportamentos impróprios (apesar da má influência que isso pode ser junto dos jovens). O que hoje nos leva a escrever tem também…

Veja mais

Homem da rádio

Na sexta, quando começámos a ouvir o Vítor, não entendemos muito bem a razão de ele ter ido a um programa que, na edição anterior, tinha recebido a recusa do Álvaro. Só depois dos primeiros minutos percebemos que a sua ida lá não tinha sido inocente. Depois de ter começado a tratar aquele que antes…

Veja mais

Humpty Vicente

Um dos personagens das histórias infantis que mais graça achamos é o Humpty Dumpty. Nas histórias ele passa o tempo sentado num muro com medo de cair. A sua casca frágil faz com que ele tenha medo que alguma coisa a faça partir. Quando ontem víamos uns desenhos animados em que entrava esse personagem não…

Veja mais

O ausente

Desde que se começou a saber que o Logrado iria ser candidato à câmara que houve quem colocasse questões quanto à sua permanência aqui na terra. Sabia-se que não tinha qualquer actividade cá e que o mais provável era mesmo que tivesse que estar muito tempo ausente. Ainda que tenha querido passar a imagem de…

Veja mais

No creo en brujas…

Os espanhóis dizem que “no creo en brujas, pero que las hay, las hay“. Por cá é mais ou menos a mesma coisa. Poucos são os que acreditam em bruxas, mas não há dúvida que elas existem! Isto vem a propósito do que assistimos na quinta-feira de manhã na reunião de câmara. Voltou a estar…

Veja mais

Desvendar do mistério

Começa a ficar desvendado o mistério que tem sido criado à volta do que irá ser colocado ao redor do cemitério. Se quando foram colocadas as árvores que agora desapareceram o foi com o objectivo de criar uma cortina à volta do cemitério, essa parece não ser a ideia dos que agora mandam. Já se…

Veja mais

Álvaro amuado

Todas as culturas têm uma coisa: cumprimento. Seja com aperto de mão, com beijos, com inclinar da cabeça ou mesmo com abraço, pensamos que o cumprimento é algo que existe em todo o lado. No Japão, o cumprimento passa por um curvar da cabeça em sinal de respeito por quem se está a cumprimentar. Acreditamos…

Veja mais

Plateia vazia

Há uns dias tivemos conhecimento que a câmara de Leiria tinha organizado uma sessão de informação para os seus funcionários que abrangia a área fiscal. Nada como dar-se formação para que se possa pedir um bom trabalho e um bom desempenho. Quando falámos no assunto ainda tivemos a esperança que a câmara aqui da terra…

Veja mais

Crianças… só em Pombal

Recebemos ontem uma informação que nos deixou muito preocupados. Tem-se visto nas notícias que, um pouco por todo o lado, tem havido movimentação dos autarcas contra o que serão as mudanças nos tribunais. Tem havido até comunidades inter-municipais que têm recorrido ao tribunal para tentar impedir as mudanças que se anunciam. Têm-se lido que há…

Veja mais

Falta de atenção

Logo vai ter lugar a primeira tertúlia que vai debruçar-se sobre a mata nacional. O assunto é interessante mas estamos em crer que, mais uma vez, a assistência vai ser reduzida. Organizar uma tertúlia no mesmo dia em que se sabe que há dezenas de munícipes que aproveitam para fazer um convívio a pé, já…

Veja mais

Falta de visão

Existe já projecto do que irá ser feito no espaço onde estava a JF. Custódio. Quando a câmara falou que queria ali fazer um estacionamento pensámos que seria algo como se vê em cidades desenvolvidas, virado para o futuro. Um espaço que poderia levar uma dezena larga de carros mas que se afastasse da ideia…

Veja mais

Socorro!

Quando se fala em reuniões de partidos políticos imagina-se que as pessoas que nela estão comportam-se de uma forma que possa dar a ideia de que estão a fazer alguma coisa de útil. Estávamos a começar a fazer um boneco para tentar ilustrar o que se estava a passar na reunião do PS quando somos…

Veja mais

Pedido de ajuda

Há uns dias ouvimos o Álvaro afirmar, em reunião de câmara, que há assuntos que são “menores” e que, como tal, não merecem sequer ser tratadas na reunião porque “já deu a resposta ao jornal” (isto a propósito do incidente com o chefe do gabinete jurídico da câmara que, ao que se sabe, não motivou…

Veja mais

Cruella no PS local

Hoje o PS local deverá reunir-se e em cima da mesa deverá estar o assunto que no final da semana agitou as hostes socialistas. Apesar de poder não vir a ser discutido, um dos temas que continua a abalar o PS local tem a ver com a verdadeira liderança, liderança que se estende ao interior…

Veja mais

Um nada

Esta é uma imagem que foi obtida junto à câmara mas bem podia ter sido em qualquer outro local no centro tradicional. O resultado seria o mesmo. Não há nada nem ninguém que por ali ande. É um deserto desolador. A Resinagem, que deveria ser um dos factores que iria devolver vida ao centro, continua,…

Veja mais

BTL e as zangas

A ida da Alexandra à BTL para assinar o protcolo entre a câmara e o “Turismo do Centro” veio causar algum desconforto no interior do PS. Ainda sem que tenhamos conseguido saber se há quem esteja a mexer no assunto, o mau-estar está instalado. Apesar de sabermos que nada de violento aconteceu, acreditamos que a…

Veja mais

Cidade ou nem por isso!

Alguém sabia que esta semana tinha passado mais um aniversário da elevação da terra a Cidade? Pois, provavelmente não! Não sabiam nem houve alguma coisa que tivesse sido feita para que fosse dado a conhecer que a data se aproximava. Mais de um quarto de século depois de ter passado a ser cidade, discursos cheios…

Veja mais

Casa entregue

Pelo que lemos a semana passada, a Casa da Cultura deverá estar já nas mãos do Vítor. A crer no que lemos nos jornais, a empresa que andou a arrastar-se naquela obra terá já conseguido ver-se livre da dor de cabeça que terá sido lidar com a falta de atenção daqueles que tinham por dever…

Veja mais

Pessoas informadas

A competência de um líder afere-se também pela capacidade que tem de dar aos que com ele colaboram os meios para poderem estar habilitados a poder enfrentar as dificuldades. Só quem não está seguro do lugar que ocupa receia que os que o rodeiam possam saber mais do que ele. É assim que os ditadores…

Veja mais

Revista de campanha

O ano passado houve, como todos se deverão recordar, eleições. É normal existir, por parte de quem manda, uma tentação para mostrar obra, dizer que fez isto ou aquilo. Os que ainda se lembram do início do ano recordarão de terem recebido uma revista. A “Marinha em Grande” apareceu como revista municipal. que, supostamente, iria…

Veja mais

Álvaro, O lenhador

Desde que a câmara teve a ideia de combater a prostituição existente na terra com o corte das árvores à volta do cemitério que andamos intrigados com o que ainda por ali se encontra. Sabe-se que a câmara peca, e muito, na comunicação. Para eles dar a conhecer o que se faz, as razões que…

Veja mais

Não custa nada!

Nada temos a ver com o que os políticos fazem na sua vida privada, se se dão com A ou B, mas desta vez não resistimos a ir buscar uma foto que encontrámos no Facebook onde estão juntos à mesa opiniões políticas tão diferentes. O Artur, posto na prateleira pelo seu partido, mantém a defesa…

Veja mais

Procura-se respeito

Ontem fomos à inauguração da exposição que vai estar, pelo menos, dois meses na galeria. Há quem goste, há quem não mas tudo isso depende do que cada um aprecia. O que nos espantou não foi a exposição nem mesmo o facto de ter estado tão pouca gente. O que nos espantou foi, mais uma…

Veja mais

Desconhecimento

Um dos maiores problemas que sempre existiu, e que foi um dos entraves ao desenvolvimento, foi a ignorância. Há uns anos ela traduzia-se na incapacidade de ler ou escrever mas, com o passar dos anos, o analfabeto passou a quase não existir e aí ficou apenas o ignorante. Estes, felizmente já muito poucos, são, além…

Veja mais

Para rir

Há uns dias atrás falámos na ausência de qualquer programa de comemorações dos 40 anos do 25 de Abril. Não nos vamos repetir. Pensámos que a curiosidade fosse apenas nossa mas, pelo que se sabe, houve mais quem tivesse a mesma curiosidade que nós e estranhasse que nada existisse. Também a João teve a mesma…

Veja mais

Aplauso

Somos criticos do muito que o Álvaro faz mas temos que reconhecer que hoje ele esteve bem!                                                                                                                                       00 Seguir ( 2 Seguidores ) X Seguir E-mail : * Seguir Deixar de seguir

Veja mais

Sozinho

Ontem asisstimos a algo inédito na reunião de câmara. Algo que, em condições normais, deveria levar a que alguma coisa acontecesse. Claro que, como estamos a referir-nos à câmara, nada vai acontecer. Há, ainda assim, algo que resulta do que aconteceu: a reconhecida falta de capacidade de liderança. A propósito do que é o programa…

Veja mais

We can do it!

No próximo Sábado comemora-se o Dia da Mulher. Já se espera que seja uma noite de alguns excessos da parte de certas pessoas que aproveitam a noite para fazer o que não conseguem o resto do ano mas não conseguimos deixar de achar que a existência de um dia dedicado à mulher mais não é…

Veja mais

+ 150.000

Na segunda-feira a câmara reuniu mais uma vez. Desta vez sem público, em reunião extraordinária meio às escondidas, para decidir uma das heranças deixadas durante a governação do Constâncio. Ainda não sabemos quem votou contra ou a favor da decisão, nem se houve declarações de voto, mas o assunto do Bairro do Camarnal volta de novo…

Veja mais

Pensadores radicais

Do assunto sabemos apenas aquilo que vem nas notícias e o que temos lido em alguns blogues mais direccionados para questões políticas. A Ucrânia tem estado no centro das atenções desde há algum tempo e nada do que possamos dizer acrescentará o que quer que seja ao que já tem sido dito. O assunto chamou-nos…

Veja mais

O partido e os eleitos

Não foi com surpresa que sexta-feira vimos a bancada do PCP tirar o tapete ao Vítor e à Alexandra quando se colocou em votação o orçamento participativo. No dia anterior o Zé Luís tinha vindo defender o seu conceito do que deve ser a participação dos munícipes e o que acha serem as competências da…

Veja mais

Não tenho como!

Tenho a noção que me ponho a jeito para ser criticado, mas assumo essa situação. Podia publicar este post no LC II onde ninguém faz comentários, mas vou fazer aqui mesmo de propósito, para dar hipótese a comentários anónimos, eles que venham. Ouvia ontem a quadratura do circulo e o Carlos perguntava ao Pacheco Pereira…

Veja mais

Alianças partidárias

Não sabemos se é por estarmos no Carnaval que ontem se assistiu a uma reunião da Assembleia Municipal que mais parecia uma sala onde havia pessoas mascaradas de políticos competentes. Cada vez que assistimos a estas reuniões ficamos convencidos que continuamos mal representados. Um dos pontos altos da reunião teve a ver com o que…

Veja mais

Esticar…

Não, o boneco não é referente a nenhuma máscara de Carnaval. É assim que imaginamos que o Vítor esteja depois do que lemos relativamente à ocupação do Museu do Vidro. Esticar até onde conseguir! Tem estado lá patente a exposição de vidro da “Real Fábrica de Cristales de La Granja”. Não é divulgado o número…

Veja mais

Bom Carnaval

E assim chegámos a mais um ano em que as crianças tiveram uma manhã que lhes foi dedicada. Não estávamos à espera de por lá ver os vereadores mascarados por isso decidimos ser nós a mascará-los à nossa maneira. Tendo em conta a forma como a terra tem vindo a ser gerida por todos aqueles…

Veja mais

É estranho!

Um frequentador aqui do Largo enviou-nos uma imagem de uma construção que está a ter lugar no interior do cemitério. A imagem foi enviada porque, segundo fomos informados, há quem esteja indignado com a construção a ser feita num local não destinado à construção de jazigos; pelo facto da construção, pelas dimensões que tem, impedir…

Veja mais

Gangs marginais

A fotografia não foi tirada aqui na terra mas bem poderia tê-lo sido. Hoje é notícia em tudo o que é sitio o problema que existe aqui na terra com a comunidade cigana. Apesar de haver aqueles que defendem de forma intransigente esta comunidade, falam em direitos humanos, há que chamar os bois pelos nomes. A…

Veja mais

Idosos e os maus tratos

Hoje ouvimos na TSF o fórum que debateu o que é o papel dos lares e da violência contra idosos. Isso fez-nos ir ao repiscar algumas informações que nos vão sendo transmitidas sobre a realidade local. Quando pesquisamos na internet locais aqui do concelho que acolham idosos aparecem-nos alguns locais que parecem ser uma versão do…

Veja mais

Sem apoio à natalidade

Uma das promessas que foi mais falada pelo PS e pelo Álvaro durante a campanha, tendo até feito disso manchete em alguns periódicos, foi o facto de existir no concelho o programa de apoio à natalidade. Numa altura em que o próprio Passos tem como único objectivo o incentivo à natalidade, tendo até no último…

Veja mais

SOS

Pelo que ouvimos em frente à câmara dos três munícipes que foram à reunião onde esteve o Álvaro e o comandante da PSP, não foram feitas promessas nem apresentadas soluções para o problema da violência e insegurança que existe na terra. De entre as explicações de dificuldades que têm existido para impedir que mais elementos…

Veja mais