O (mau) negociador

Sabia-se, e ontem ficou confirmado, que o Curto tem sido o ‘negociador’ do PS para que seja possível conseguir-se uma governação estável no concelho. Depois de ontem ficou-se a perceber que o Curto não será o negociador ideal para situações complicadas nem mesmo para as simples! Ele não seria, seguramente, quem levaríamos para evitar alguém…

Dar música

Hoje houve um ‘debate’ entre os que têm estado a ‘negociar’ o futuro do concelho. Ficámos com a sensação de que nos estiveram a dar música. O Curto muito ‘disponível’ para partilhar poder, mas com um discurso repetitivo e sempre dentro do mesmo registo, sem que tivesse adiantado nada no que diz respeito ao que…

Descontentamento

Semanalmente aparecem textos nos jornais que pouco significado têm. Outros há que são desabafos de descontentamento e que reflectem o que se passa em alguns locais meio às escondidas. Hoje pode ler-se o texto do pai da Alexandra que, não apontando o dedo a ninguém em concreto, não pode deixar de ser lido como sendo…

CDU com pelouros

Pelo que foi possível saber, no PCP foi convocada uma reunião de urgência que tem por objectivo discutir a distribuição de pelouros na câmara. Sem que haja ainda grande informação, parece que a reunião urgente surge na sequência de contactos que têm vindo a ser estabelecidos desde há algum tempo entre os dois partidos. É…

A ‘coligação’

Antes da tomada de posse e eleição para a Assembleia Municipal, a CDU e MpM fizeram um acordo que agora tornamos público: “Entre:Entre:CDU – Coligação Democrática Unitária, representada por José Luís Marques de Sousa em nome da Comissão Concelhia da Marinha Grande, e:MPM – Movimento Peia Marinha, representado por Aurélio Pedro Monteiro Ferreira, é celebrado…

Bater no fundo

Quando se está no fundo, quando se olha para cima a única coisa que se consegue ver são os que do topo nos olham para baixo. Assim está o PCP! A semana passada, já o escrevemos, a reunião do PCP teve momentos em que o nível de discussão a que se chegou mostrou que quem…

O acordo

Na tomada de posse muitos ficaram surpreendidos com o facto de a CDU ter conseguido chegar a entendimento com o MpM depois de este ter feito acordo com o +C na Vieira, com o PS na Moita, apesar do acordo que foi feita para a Junta da Marinha. O que não se sabia era que…

Só faltou bofetada

Esta semana houve reunião de militantes no PCP. Só faltou bofetada! Ninguém quer assumir a responsabilidade pelo mau resultado que tiveram e os ânimos estiveram ao rubro. De um lado do Celso, pai da candidata eleita, do outro o Filipe. Dois grupos que defendem posições diferentes para o partido e que protagonizaram o que seria…

O trauma dos oitocentos

Desde o 25 de Abril de 1974, que na Marinha Grande, por razões diversas, o PS e o PCP sempre andaram de costas voltadas. Ora por isto, ora por aquilo, sempre se foram assumindo como “inimigos” de estimação, salvo breves entendimentos, esporádicos, pontuais e minados pela desconfiança. Agora que houve nova consulta popular, fomos dar…

A espera

Os munícipes votaram e escolheram quem querem para os governar. Partir-se-ia do principio que os eleitos iriam decidir o que irá acontecer no futuro. Não está a ser assim! Como se sabe, neste momento há a dúvida sobre o que irá acontecer em termos de distribuição de pelouros. Irá o PS fazer como fez neste…

Que solução?

Com a tomada de posse dos novos eleitos a dever ter lugar até ao final do mês, não há ainda informações sobre o que poderá vir a acontecer. Está nas mãos da Cidália oferecer pelouros, mas dependerá sempre da disponibilidade dos eleitos da CDU e MpM aceitarem o que lhes possa vir a ser oferecido,…

Afinal, ganhou!

Se há quem, para além da Cidália, possa sair com um sabor de vitória, ainda que com travo a azedo, é a Alexandra. Conseguiu mais votos do que há quatro anos! Ainda assim, o resultado é mau, mas parece-nos que a responsabilidade não lhe pode ser atribuída. A derrota da CDU começou há dois anos…

Dá trabalho!

Há coisas que, venham de onde vierem, não gostamos de ver. Já se sabe que a terra virou um palco de cartazes, faixas penduradas e tudo o mais que aparece em alturas de campanha. Há-os de todos os que concorrem. Como se não bastasse, há ainda por aí espalhadas faixas que anunciam a Festa do…

Quem é?

Por vezes fica a sensação de que a ‘troyka’ que manda no PCP está apostada em perder as eleições. Desta vez, em causa está a escolha que fizeram para a Moita. Ninguém conhece ou sabe quem é; não é conhecido por ter participação activa em iniciativas do partido ou onde quer que seja, sabendo-se apenas…

Desaparecido

Com as campanhas a aquecer, começam a ver-se os cartazes, alguns pela terra, mas a maioria ainda nas redes sociais. Já quase que começa a chatear! Como é normal, os partidos e movimentos aparecem com os cabeças de lista aos diversos órgãos autárquicos. Um dos argumentos usados para a escolha da Alexandra foi o de…

Onde é que já vi isto?

A semana passada vimos um cartaz de uma iniciativa do Bloco de Esquerda cá da terra sobre a reabilitação urbana do centro, essa iniciativa realizou-se segunda com casa cheia, desde militantes do Bloco a pessoas anónimas interessadas na tão prometida reabilitação. Porém houve uma ausência que foi notada, o Jornal cá da terra, pelo que…

3º e 4º da CDU

As decisões de ontem não se ficaram pela escolha da número dois. Também o número três e quatro foram escolhidos. Álvaro Botas será o número três e o Zé Luís sai da lista para a AM e entra como número quatro para a câmara.

Azia

Há pouco podia ler-se um dos que tinha sido falado como possível número dois da cabeça-e-lista da CDU escrever que “Mais que uma dupla, são os rostos de uma grande equipa que quer que a Marinha Grande prospere, sem nunca esquecer as populações. Força Alexandra Dengucho e Lara Lino. Viva a CDU“. É uma afirmação que cremos…

Remar até à meta

Ficou-se a conhecer ontem que irá com a Alexandra tentar remar até à linha da meta e chegar em primeiro. Vinda da Junta da Marinha, a Lara foi a opção de compromisso que foi possível conseguir. Ninguém teve que dar o braço a torcer e todos saem mais ou menos de cara levantada. Sem que…