Cada macaco…

Costuma-se dizer que ‘cada macaco no seu galho‘ (isto antes do PAN conseguir o absurdo que quer). Diz-se isto sempre que alguém se quer referir ao facto de cada um dever desempenhar a função para a qual está habilitado. Não, não vamos falar na Cidália porque aí é claramente um macaco fora do galho! Referimos…

Em branco

O único evento que dá ocupação ao CME é a FAG. De ano a ano lá vão tentando manter o evento. Era expectável que houvesse da parte do poder local uma preocupação em dinamizarem aquele espaço, mais que não seja para criarem a ideia de que fazem alguma coisa. O evento está a terminar e…

Big Band e as dúvidas

“Além de não ser verdade que a Orquestra Juvenil seja um projeto da JFMG é a Câmara Municipal que financia este projeto, confiando a sua gestão à JF através de protocolo próprio. Ainda na segunda feira passada foi aprovado o Plano de Atividades 2018 da OJ apresentado pela JFMG e não parece constar do mesmo…

Cordão umbilical

A Junta inaugurou uma exposição no parque de estacionamento. A intenção é boa, mas parece-nos que o local não será o mais apropriado. Ainda assim, é uma iniciativa igual a tantas que procuram chamar a atenção para o problema do pinhal. Mas não foi a exposição que nos chamou a atenção. Foi o facto de…

Sem actualização

Sempre que há eleições, espera-se que os órgãos autárquicos actualizem as informações que são disponibilizadas aos fregueses. Uma das informações que deveria ser actualizada de imediato é a que diz respeito aos elementos que fazem parte dos diversos órgãos. Só assim os fregueses poderão saber a quem pedir contas. Fomos dar uma vista de olhos…

A contabilista

Na reunião de segunda voltaram a falar no assunto da Lara, pelo facto de a Cidália lhe ter tirado a palavra. A vereadora leu uma declaração que soou não ser um texto da sua lavra e nele é feita uma referência a uma informação dos técnicos. Claro que não foi dado a conhecer aos munícipes…

O pagamento

Ontem a Cidália não deixou a Lara falar invocando que estaria impedida de o fazer em matéria que envolvesse a Junta. Fomos saber o que se passava e, não sendo explicável porque motivo a Cidália não justificou a sua posição naquele momento, o assunto poderá ter contornos mais graves do que à primeira vista poderia…

Debate sem surpresas

Sem surpresas, o debate que hoje teve lugar com alguns dos candidatos à Junta da Marinha alicerçou a posição da Isabel. Todos os candidatos foram unânimes em atribuir culpas ao Vicente e à Cidália por aquilo que a Junta não fez, pelas verbas que não foram entregues e pelas obras que a Junta não conseguiu…

Cadeado

Férias escolares, calor, brincadeira, piquenique e xixi atrás de um pinheiro! É assim que se pode resumir uma tarde passada no parque das merendas. Nada como haver instalações sanitárias pintadas e arranjadinhas, mas fechadas a cadeado. Sabemos que há vândalos, que há quem não se saiba comportar e até se entenderia que aquele espaço estivesse…

Lido por aí CVIII

«A Junta de Freguesia da Marinha Grande fez esta nota sobre o aniversário da Coletividades das Trutas. E bem! Mas se a intenção é fazer reporte dos acontecimentos, e não mera campanha eleitoral de promoção da Presidente em exercício e candidata a novo mandato, teria sido de bom tom referir a presença no mesmo evento…

Candidatos procuram-se

Quando um partido recorre a pessoas desconhecidas para dar a cara para uma qualquer lista de um qualquer órgão pode ter duas leituras: a de que querem renovação ou a de que não têm mais quem o queira fazer. O PS escolheu para cabeça-de-lista à Junta da Marinha uma desconhecida nas lides políticas. A ambição…

E os outros?

A Feira do Livro foi inaugurada e, se por um lado a Isabel tem motivos para estar contente, por outro viu-se o semblante triste, tristeza que não conseguiu disfarçar na inauguração. E compreende-se o motivo! Apesar de todos os vereadores terem recebido o convite para estarem presentes, apenas um apareceu! Sentiu-se o incómodo quando teve…

Feira com novo modelo

Começa amanhã mais uma feira do livro organizada pela Junta da Marinha. O balanço far-se-á no final, mas esperamos que seja um sucesso. Este ano a feira não vai ser no jardim e a solução foi a de colocarem ‘barraquinhas’, muito à semelhança do que se vê noutras terras, num espaço aberto. Foi esta diferença…

Juntas, como vai ser?

Para além da corrida à câmara, há a corrida às diferentes Juntas de Freguesia. Sem que possamos fazer prognósticos, parece haver uma diferença entre o que poderá acontecer nas diferentes Juntas. Se por um lado a Isabel parece ter a vida facilitada e poderá, atrevemo-nos a dizer, cantar vitória antecipada, nas restantes Juntas não será…

Pré-campanha em revista

Se dúvidas houvesse de que estamos em ano de eleições, a Junta da Marinha dissipou-as. Lançou uma revista que, no seu primeiro número, mais não é do que um panfleto de pré-campanha. A revista poderá ser lida aqui. Na últimas eleições foi a câmara quem, perto do início da campanha, decidiu fazer um ‘balanço’ sob…

Ops!!!

“Quando for determinada a observância de luto nacional, a Bandeira Nacional será colocada a meia haste durante o número de dias que tiver sido fixado.” 00 Seguir ( 0 Seguidores ) X Seguir E-mail : * Seguir Deixar de seguir

Transparência

Quando hoje procurávamos informação sobre a CPCJ, fomos consultar as actas da câmara e das juntas de freguesia. Quanto a estas, nem sempre lá vamos e não nos tínhamos ainda apercebido de algo que hoje ficou evidente. A divulgação das actas das reuniões serve para que os munícipes e fregueses saibam o que se decide…

Opções

Não temos ainda informação sobre o número de pessoas que visitaram a Feira do Livro durante estes dias. Acreditamos que entretanto saia informação aos fregueses sobre esses números. Não nos cansamos de repetir que aquele evento é útil – que faz lembrar uma das promessas do PS que está por cumprir – mas não deixa…

Do outro lado

Muitas são as vezes em que sentimos que a câmara e as juntas estão isoladas do resto do mundo que as rodeia. Tantas são as vezes em que se nota não existir uma interacção entre os diferentes órgãos autárquicos. Está a decorrer a Feira do Livro. É um evento interessante que merece ter continuidade mas…

Só aqui!

Esta é uma daquelas imagens que se encontram na internet que evidenciam o que se poderia qualificar como anedota. Não é, por isso, uma imagem tirada cá mas há coisas que por cá acontecem que se fossem tiradas fotos poderiam ser igualmente colocadas na mesma categoria. Tivemos conhecimento que há dias a estrada do Pilado…

Obras para quê?

Somos uma terra onde há edifícios que não se entendem para que existem ou porque foram feitos como foram. O Atrium é o elefante branco que se sabe; a Resinagem está às moscas e fechada quando deveria estar aberta; o estádio é usado quando o rei faz anos e mais existem que têm uma utilização…

Arranjado mas…

Há dias, no parque das merendas, não havia água nos sanitários e havia mesas com os ferros à mostra, prontos a magoar quem fosse mais distraído. Já por lá andaram a tapar os ferros, que assim deixaram de ser perigosos, mas as mesas ficaram como a imagem mostra, com as arestas na parte interior do…

Maestro mas pouco

À primeira vista poderão ser tentados a pensar que iremos falar sobre a condução dos destinos da autarquia. Não é o caso porque ficaríamos sem saber o que dizer já que a autarquia há muito que não tem condutor. Hoje pode ler-se o comunicado que a Assembleia de Freguesia deu a conhecer onde se diz…

Sem condições

Não temos piscina, não temos mercado, não temos placas a indicar os destinos, não temos centro tradicional vivo, não temos segurança mas temos parques. Se há uns anos Viseu era conhecida como a cidade das rotundas, aqui a terra deve ser a terra dos parques. Claro que uma coisa é termos parques e outra é…

Difícil!

Dizem os médicos que andar faz bem. Aqui na terra faz bem se não se for muito alto. Mesmo em frente à Junta de Freguesia está um sinal de transito que já teve melhores dias. Pelo que dá para ver, o tubo terá partido e como é difícil colocar um tubo novo ou um pouco…

Estranho!

Quem agora acompanha as festas que vão tendo lugar aqui na terra pode aperceber-se que o Vicente e a Cidália aparecem sempre juntos. Poderá ser sinal de unidade no executivo mas também poderá ser entendido como sinal de alguma fragilidade uma vez que sentem necessidade de se apoiarem mutuamente. Seja pela razão que for, têm…

Remendos

Pelo que hoje se pode ler, a Isabel deverá começar a dedicar-se à costura, não para coisas novas mas apenas para remendos. Pelo que ela terá afirmado, a sua função irá ser a de “remendar” as ruas uma vez que a câmara não lhe dá os meios para poder fazer um trabalho como deve ser.…

Uns têm, outros não!

Hoje é notícia o facto de a PSP ter mandado parar uma obra que a Isabel mandou fazer. A história resume-se a muito pouco. Perante queixas dos fregueses, a Isabel não esteve com meia medidas e mandou arranjar o que estava mal. A obra foi mandada terminar por quem, pelos vistos, tem poder sobre aquela…

Dinheiro debaixo da mesa

Na última reunião da Junta da Marinha o ambiente aqueceu um pouco apesar de, como sempre, não passar do morno. Na base desse aquecimento esteve o assunto relativo aos dinheiros que a câmara transferiu. Apesar de dizer que não tem dinheiro, a câmara já transferiu, só agora, o dinheiro para as Juntas. Depois de um…

Junta não deu parecer

Ainda a respeito do regulamento das feiras e venda ambulante, fomos tentar saber quem mais não tinha tido intervenção na elaboração daquele documento. Lá consta que as Juntas de Freguesia foram ouvidas. Pelo que tivemos conhecimento “A Junta de Freguesia da Marinha não teve qualquer intervenção nessa situação”. Soubemos também que “embora fosse consultada pela…

Época balnear

Apesar do tempo não ajudar, a época balnear já começou. Este fim-de-semana o areal de S. Pedro teve algum movimento mas o que mais se notou foi o movimento no sentido dos WCs que não estão funcionais. Quem esteve no areal teve mesmo que socorrer-se do saquinho ou ir à água! Depois do que se…

Beco sem saída

Poucas serão as pessoas que não estiveram já num beco sem saída. Estar-se perante uma situação em que não se têm qualquer alternativa é sempre mau. Pior é quando se vive num! Tivemos conhecimento que existem munícipes que vivem num beco sem saída e em relação ao qual parece existir esquecimento por parte da Junta…

Eu voto NIM

Como em tudo na vida, há o certo e o errado, o que se deve fazer e o que não deve, aquilo com que se concorda e o com que se discorda. É assim em tudo. Também não o poderia deixar de ser na política. Tudo isto vem a propósito do que tem vindo a…

Obras…

Se há locais onde qualquer um de nós gostava de poder ir era à muralha da China. Estar na obra que consegue ser vista da lua deve ser espantoso. De um modo ou outro, todos aqueles que passam pela história querem deixar a sua marca e nada melhor do que o fazer com obras. Todas…

Prioridade da Junta

Somos do tempo em que se via as empresas esbanjarem dinheiro a fazer grandes edifícios sem estarem a pensar que o que faz dinheiro são as máquinas e não as paredes. Resultado: não apostaram no que era essencial e, pouco tempo depois, fecharam! Quando ontem lemos a entrevista da Isabel esta ideia veio-nos de novo…

As Juntas e a coerência

Na passada sexta ficou definido como irão funcionar as Juntas. Hoje será a vez da câmara e Assembleia Municipal ficar empossada e ficar a saber-se como irá ser. Como era previsível, por cá o acordo para o executivo da Junta foi feito entre a CDU e o PSD, indo o Carrilho fazer companhia à Isabel.…

Mau tempo na Junta

Se na Junta da Moita o assunto parece estar mais ou menos definido, na Vieira e na Marinha não será fácil conseguir manter uma governação sem problemas a menos que possam surgir entendimentos. Na Vieira o Vidal poderá ter a vida facilitada, bastando que um dos que está na oposição possa a ele aliar-se. Não…