Cansada

Já passou um ano desde que foram as eleições e há muito que se percebeu que a Célia está como peixe fora de água. Não tem jeito para a politica e pouco para o cargo que desempenha. Pode-se dizer, sem exagero, que é fraquinha. São os próprios elementos do seu partido quem afirma que ela…

Que solução?

Estivemos a dar uma vista de olhos às declarações de voto da oposição na votação do orçamento para o ano que vem. E, independentemente de não parecer existir interesse em negociar com a oposição, parece-nos que a solução não será fácil de encontrar. Por um lado o MpM deixou claro que o que os levou…

Banho-maria

Como se sabe, o orçamento deveria ter sido apresentado ao presidente da mesa da AM até ao dia 31 de Outubro. Sabe-se que não foi aprovado e, por esse motivo, não foi possivel cumprir-se essa formalidade. Sabe-se também que está prevista uma assembleia municipal para o final do mês e seria expectável pudesse já haver…

Máquina de fazer dinheiro

Parte-se do principio que uma autarquia está ao serviço das populações e não a servir-se delas. Naturalmente que se entende que todos os serviços que são prestados deverão ter um custo, mas não se espera que uma câmara ‘enriqueça’ à custa do dinheiro dos munícipes. Aqui na câmara pode dizer-se que as fotocopiadoras são autênticas…

O substituto

Tem sido evidente que a Cidália tem feito tudo para que os elementos da oposição não estejam com os Ministros e Secretários de Estado sempre que eles vêm cá. Ontem, apesar de não ter sido avisada com a antecedência normal, recebeu a mensagem durante a reunião de que viria cá um Secretário de Estado e,…

“Não me fala assim”

As reuniões de câmara deveriam servir para que as questões que interessam ao concelho fossem respondidas por quem tem os pelouros. São várias as vezes em que as respostas ficam por dar ou são relegadas para informação que depois deveria ser enviada, mas que depois não o é. Ontem aconteceu mais uma vez. A Cidália…

Dois pesos

Desde há muito que a presidente se agarra ao regulamento para não deixar que munícipes entrem em diálogo com a mesa, esclarecendo de imediato as dúvidas. Mas nem sempre usa a mesma bitola. Ontem foi mais um exemplo. Numa das respostas o Caetano até queria dar resposta à questão que o munícipe queria colocar, mas…

Transporte e o Desporto

“A necessidade de elaboração de um Plano Estratégico de Desenvolvimento Desportivo para o concelho da Marinha Grande foi o tema central da iniciativa “Ideias em Movimento”, dinamizada na noite de sexta feira, dia 12 de outubro, no Edifício da Resinagem, numa organização da Associação Marinha em Movimento (AMM).” Este assunto terá passado à maioria dos…

Qual a dúvida?!

Os vereadores Aurélio e Alexandra querem saber porque motivo de pagam quotas referentes ao ano que vem já? Porque será que não entendem? Qual é a dúvida que têm em relação à necessidade que a câmara tem de arranjar despesas que entrem este ano para que assim a execução orçamental possa aumentar? Assim tentam chegar…

Sem resposta

Hoje recebemos cópia de uma reclamação de um munícipe que foi enviada para todos os eleitos. Segundo o munícipe, o assunto foi comunicado em 30/10/2017, 23/11/2017, 02/03/2018, 05/03/2018, 14/03/2018 e 20/04/2018 e hoje novamente. Tudo tem a ver com inundações e pedidos de intervenção, assunto que já aqui abordámos. Segundo o munícipe, nunca teve resposta. Claro…

Nada feito

Há alguns meses o Caetano saiu-se com a ideia de que iria criar uma folha de Excel que iria distribuir pelos eleitos, e depois colocar disponível aos munícipes, para que nela fossem registadas as estradas que necessitam de intervenção. A ideia era boa e poderia funcionar, mas, passados muitos meses, nada existe. A folha em…

Mau cheiro

Chegou-nos a informação que, pelo menos, numa rua na Embra está a ser insuportável viver. Por razões que se desconhecem, o cheiro que invade as habitações torna quase impossível estar-se em casa. Pelo que nos foi relatado, os serviços da câmara já foram chamados ao local, mas não deram solução para o problema. Desconhecemos qual…

O OP morreu

O orçamento participativo morreu, mas esqueceram-se de avisar os familiares. Hoje foram dados a conhecer os resultados e, como sempre, foi escolhida uma obra que deveria ser a câmara a fazer de modo próprio. Como o que foi aprovado o ano passado ainda nem começou, será de esperar que para o ano, por esta altura,…

Coisas estranhas

Há pouco a câmara deu a conhecer que vereadores da câmara do Tarrafal vieram cá ao concelho no âmbito do acordo de geminação. A noticia dá conta que esses vereadores reuniram com “o adjunto da presidente da Câmara da Marinha Grande, Raul Testa, com o chefe da Divisão de Desenvolvimento para a Cidadania, Pedro Jerónimo,…

Ainda o orçamento

A Cidália não escreve nas redes sociais, não escreve nos jornais pelo que é difícil saber-se o que pensa. É, por isso, importante saber-se o que pensam aqueles que estão mais junto dela. O que o Nelson pensa e escreve não é, por esse motivo, de desconsiderar porque terá sempre alguma influência naquilo que a…

Igualdade

Não adianta falar-se muito no novo regulamento que define as regras de distribuição de apoios às colectividades e clubes. Ele aparecerá um dia. Quando se fala nos clubes e colectividades pensa-se sempre que a câmara deve fazer uma distribuição equitativa entre todos, sem que haja privilégios ou prejudicados. Há, no entanto, algumas situações que intrigam…

Às escuras

Todos sabemos que a electricidade está pelas horas da morte e que cada vez que vem a factura sentimos que estamos a contribuir para um bando de gatunos. Há, no entanto locais e momentos em que é necessário que se gaste electricidade. Uma das causas tem a ver com a segurança pública. Um local mal…

Solução difícil

A Cidália estará a procurar encontrar uma solução para conseguir que a oposição lhe deixe passar o orçamento. Não cremos que vá ser fácil conseguir uma vez que, depois do que foram as declarações de voto da oposição, não vemos como poderá ser possível conseguir uma mudança de posição, a menos que dêem o dito…

Mentir é feio

Como se esperava, o deputado Pedrosa saiu em defesa da Cidália por causa a reprovação do orçamento. Com a conversa de vítima, vem fazer o choradinho e defender que a oposição fugiu ao prometido de que não iriam inviabilizar a governação. Volta à falácia de ter havido negociação de pelouros, quando se sabe que tal…

Quase Natal!

Em algumas cidades do país já se vêm as luzinhas de Natal. Leiria já deu a conhecer parte do que vai haver. E por cá? Este ano o que é que a Célia quer? O ano passado houve pista de gelo porque a Célia quis, como se fosse uma grande novidade e tivesse feito algo…

A água

De acordo com a entidade reguladora da água, a que consumimos aqui no concelho está 1,09 pontos percentuais acima da média nacional. Apesar de não ser isso que sentimos sempre que a água sai castanha das torneiras, não temos como por em causa esses valores. Possivelmente fazemos parte daqueles 0,19% que não têm água de…

Empurrar o OP

Sexta vai ser conhecida a proposta que este ano ganhou a edição do Orçamento Participativo. Apesar de terem, segundo a Cidália, ponderado não a fazer este ano antes de alterado o regulamento, ele está aí e a proposta vencedora vai ser conhecida. Há, desde logo, duas questões que se colocam. A primeira tem a ver…

As dúvidas

O transito em Picassinos é o caos que se sabe por causa dos camiões. A empresa está a tentar encontrar uma solução que passa por ter adquirido o terreno junto à Estrada do Guilherme (a vermelho) que assim fica com toda aquela zona (a parte a azul já lhes pertencia). Poderá ser a solução, mas…

A solução

Em Maio o Caetano afirmava que “os camiões não podem esperar à porta da empresa e têm que fazer o planeamento das entregas. Foi estabelecida uma zona fora do aglomerado urbano para aí estacionarem e aguardarem, que será ao longo da Estrada do Guilherme, com a anuência e o controlo da PSP. Só saem, um de cada vez, à…

Porquê?!

Em finais de Setembro a Cidália afirmou que “É por entendermos como prioritário esse apoio às famílias, na perspetiva de uma política ativa de apoio à natalidade, que mantemos como vital a necessidade da realização das obras no edifício da IVIMA com a criação da Creche Social” a propósito da alteração do regulamento de apoio à natalidade.…

Alguém que explique

Hoje de manhã, quando passámos para S. Pedro, vimos um sinal de perigo. Tivemos a curiosidade de saber o que era e parámos. Uma ruptura, mais uma. Até aqui nada de estranho uma vez que nada tem sido feito para resolver o problema que poderá um dia destes ser mesmo grave. O que é estranho…

As despesas

O problema que foi levantado há dias com os números da execução orçamental vai fazer com que a Cidália esteja a reforçar as cargas das canetas para poder assinar muitos cheques. Daqui até ao final do ano vai ser pagar tudo e mais alguma coisa para que haja muita despesa e possam mostrar que a…

O que se lê

Fomos dar uma vista de olhos ao que se escreve nas redes sociais sobre o chumbo do orçamento e eis o que encontrámos: R. Testa “Crescimento com investimento na qualidade de vida dos cidadãos. O primeiro ano do nosso mandato mostra claramente uma mudança de ritmo e rumo na Marinha Grande.!” PS “A 24 de…

Vamos clarificar!

Parece existir alguma informação e contra-informação sobre o que foi a execução orçamental até ao momento. De um lado vem uma informação, de outro vem outra. Mas não há nada como falar com números. O que está na imagem são os dados da câmara. O mapa não necessita de grandes esclarecimentos, mas vamos tentar dar…

O gráfico

Como se previa, não tardou até que a defesa do executivo permanente surgisse. Não conseguimos entender porque motivo a defesa é feita com total exclusão do que foi a intervenção do PCP, virando-se as atenções apenas para aquilo que o MpM fez. Será que não contam? Não se entende. Mas há algo que não deixámos…

Culpa sua

A ausência de uma estratégia para o concelho determinou que a Cidália visse o seu orçamento chumbado. É o primeiro que apresenta desde que se pode avaliar o seu mandato e a posição da oposição foi clara: chumbo. Naturalmente que ainda há tempo para que possa ser novamente apresentado e para que tente passar, mas…

Com o Governo ao colo

É indiscutível que há coisas que a terra necessita que sejam feitas. É indiscutível que o Governo se tem alheado de muitas funções que lhe cabiam. É também indiscutível que a Cidália tem andado com os elementos do Governo ao colo. O último exemplo surgiu na reunião de segunda. A propósito de obras que têm…

Caos

Já algumas vezes nos aconteceu ficarmos parados no transito quando se vem, ao final da tarde, da zona industrial para o centro. Para além do trânsito normal, grande parte do trânsito que se acumula deve-se ao facto de alguns condutores fazerem o percurso dos semáforos até ao túnel a passo de caracol e depois, em…

Nada

Sempre que aqui vêm ao concelho Ministros ou Secretários de Estado ficamos com a dúvida em relação ao que vêm efectivamente cá fazer. Além das mariscadas, não se tem visto nada de concreto. Ontem a Cidália e o Caetano explicaram que não os particulares não podem contar com o Governo para nada em relação ao…

Embaraço

O embaraço da Cidália é evidente. Desde há muito que se nota que sempre que o assunto tem a ver com o grupo da Construtora do Lena que não há respostas. Vai-se arrastando o assunto da Resinagem, sempre sem uma resposta concreta. Hoje o assunto foi puxado pela Alexandra, mas uma vez mais foi empurrado…

Orçamento

Está convocada para quarta a reunião para aprovação do orçamento. Mesmo no último dia, lá irá ser levado a discussão e votos. Contrariamente ao que pensávamos, conseguiram fazer tudo de modo a ir dentro do prazo. A dúvida agora reside no facto de poder ser ou não aprovado. Sem grande novidades e com um arrastar…

São soberanos

A eleição do novo presidente do Brasil poderia não ter grandes efeitos para o nosso pais, para a terra onde vivemos, não fosse o facto de, caso ele concretize as ideias que defendeu (as poucas que tem) em relação à Amazónia. Aí será mais uma catástrofe, igual a tantas outras que têm vindo a dar…

Votada ao abandono

O temporal passou, mas os vestígios permanecem inalterados. Numa das rotundas com maior movimento, o que se vê é o que a imagem mostra. Vários dias depois de ter sido deitada abaixo pelo vento, a árvore mantém-se no chão, sem que alguém da câmara se tenha lembrado que talvez ficasse melhor de tivesse já sido…