Orçamento aprovado

Como era previsivel, apesar da dreunião ainda decorrer, foi já efectuada a votação e o orçamento foi aprovado. O PS, o +  Concelho e o Santos votaram a favor a aprovação do orçamento, tendo o PCP e o MpM votado contra. O documento irá agora para a Assembleia Municipal para que seja votado pelos deputados.…

O favor da oposição

  Amanhã o Vicente não dará um trambolhão como aconteceu há dias aquando da discussão da primeira versão do orçamento. Alguma oposição irá votar contra e, parecendo que é sem se aperceberem, estão a fazer um enorme favor aos que hoje estão no executivo permanente. A falta de entendimento alargado no que diz respeito ao…

Entendimento?

Numa altura em que ainda está a decorrer o debate na Assembleia da República sobre o programa de governo, ouvimos as intervenções dos diversos deputados que falaram mas tivemos especial atenção ao que o Jerónimo disse. Pensamos que foi a primeira vez que o ouvimos defender políticas do PS e dar o apoio, quase incondicional,…

Novo orçamento apresentado

O novo orçamento, que irá ser discutido na sexta-feira, já está nas mãos dos vereadores para ser analisado. Não é muito diferente daquele que antes foi apresentado, tendo sido feitas algumas correcções em algumas rúbricas e incluídas as exigências do Logrado para que votasse a favor. No resto, a proposta de orçamento é em tudo…

Música de Natal?

Sem em relação às luzes o que se consegue antever é difícil de acreditar, em relação ao som o cenário não é melhor. Espera-se que no Natal as musicas que sejam ouvidas digam respeito à época. Do mesmo modo como não apetece ouvir o Jingle Bells no Carnaval, nesta altura do ano o que soa…

Natal à porta

O Pai Natal está quase a chegar e, depois de termos ouvido e lido sobre a colocação das luzes de Natal, como sendo um factor para auxiliar o comércio local, fomos hoje dar uma vista de olhos sobre o que está a ser feito. A esperança é mesmo a de que no dia 18 o…

Sem apoios

Se por um lado o que o Vicente afirmou na sexta-feira, no discurso que fez na inauguração da FAG, não é mentira, há algo que não se compreende. Para 2015 o orçamento foi aprovado. A câmara tem sido gerida com base no que foi decidido. Estamos no fim do mês de Novembro, a 30 dias…

Um recado do Vicente

Depois de se ter lido na semana passada que as associações estão com dificuldades, a FAG teve início. Ela é, sem margem para dúvida, um dos exemplos do que é o movimento associativo e do que se consegue fazer quando se quer. Como é evidente, as associações necessitam do apoio da câmara e, mais grave…

Modernização

Para que o orçamento possa vir a ser aprovado em reunião de câmara, uma das condições que foi imposta foi a de se implementar a modernização administrativa. Na prática isso significará que qualquer munícipe poderá passar a ter informação sobre o que se passa com o que submete à câmara sem ter que se deslocar…

Mais uma chama

Não temos por hábito copiar textos que não sejam nossos mas, neste caso, não resistimos a copiar o que às 13 horas foi publicado no faceblog do Nelson, não porque concordemos ou não com o conteúdo mas por ser mais uma chama que se acende na relação já atribulada dos elementos da coligação que geriu…

Creche, para quando?

Desde que as antigas instalações da Ivima foram entregues à câmara que se tem estado à espera que lá possa surgir a tão prometida creche. Os anos vão passando e não há qualquer evolução nessa matéria. Parece ser mais uma daquelas promessas que deverão entrar no rol do esquecimento. Na proposta de orçamento que foi…

Cidália dixit

Há dias, numa das reuniões de câmara, a Cidália afirmou que “a Senhora Vereadora Alexandra Dengucho mentiu e enganou deliberadamente tanto a Directora do Agrupamento Escolar Nascente como as Associações de Pais e a População em geral”, isto a propósito da discussão da moção que foi apresentada. Disse também que “a discussão da orientação política…

E vão três

Quando o Álvaro apresentou o seu pedido de suspensão de mandato, fê-lo por um período de até um ano, ou seja, por razões médicas, a qualquer momento poderá regressar ao serviço. Não será nos próximos trinta dias uma vez que o período de baixa médica foi renovado. E vão três! A ele resta desejar o…

A estratégia

A política é, na maior parte das vezes, semelhante a um jogo de xadrez. Tem que se ir mexendo as peças de acordo com o que o adversário vai fazendo mas sempre com uma estratégia bem definida. Quando na segunda o orçamento foi chumbado, com os votos do Vítor e da Alexandra, ficámos sem perceber…

Luzinhas de Natal

A câmara vai gastar dez mil euros para colocar luzes de natal que deverão estar a funcionar daqui a duas semanas. A iluminação será colocada em alguns edifícios e nas entradas da terra e das freguesias da Moita e Vieira. Pelo que irá ser gasto e pelo que foi anunciado, não será de esperar que…

Mercado com lugar escolhido

Na proposta de orçamento que foi votada esta semana, vem já prevista uma quantia destinada à elaboração do projecto do mercado. Há dias foi afirmado que o mercado será construído se forem atribuídos os fundos comunitários e que o lugar onde irá ser edificado não está ainda definido. Há, no entanto, coisas que não batem…

Incógnita do orçamento

Depois de ser conhecido que a comissão politica do PSD local teima em manter a posição que inicialmente defendeu, mesmo contra as indicações do partido, a incógnita sobre o que irá acontecer com o orçamento mantém-se. A distribuição de eleitos na Assembleia Municipal pode levar a que o orçamento reprove, mesmo que seja viabilizado na…

Pôr ordem no partido

Depois da votação do orçamento e do Santos ter sido o único vereador da oposição a votar a favor, o que se esperava era que o PSD local pudesse retirar-lhe a confiança política. Apesar de no seio da comissão politica local a posição não ser unânime, a vontade da maioria era que o Santos rejeitasse…

Não apareceram!

Há coisas que se entendem, outras nem por isso! Ontem lemos que, a propósito da Carta Estratégica, no âmbito da revisão do PDM, os vereadores foram convidados a participar em reuniões com quem está a liderar o processo de candidatura com vista poderem dar os seus contributos. É a formal normal e lógica de funcionar.…

Cinco euros!

À semelhança de muitos dos que aqui vivem, o Aurélio era um dos que queria poder nadar numa piscina nova nos próximos tempos. Poderia ter visto esse objectivo alcançado se ontem o orçamento contivesse uma verba que permitisse a sua construção. Tinha! Cinco euros! Esta foi uma das obras que, à semelhança de outras, tinham…

Os irredutíveis

Durante a reunião de ontem, que durou até perto das duas da manhã, foi possível ver as posições que cada um assumiu. Os que votaram a favor pouco tiveram que justificar. Já os que rejeitaram o orçamento tiveram que mostrar o porquê de o fazerem, o que ficou expresso nas suas declarações de voto. Foi…

Sozinho

Como tinha já sido dado a conhecer, a posição do Santos foi contrária à que a concelhia queria que fosse e aprovou o orçamento. Com o PSD local a sofrer as ondas de choque do que se passa ao nível nacional, a posição que queriam que o Santos assumisse era uma que iria levar ao…

E agora?

O trambolhão que ontem o Vicente deu, com a oposição a chumbar-lhe o orçamento, é um que irá deixar marcas. Os sentidos de voto eram previsíveis e qualquer estava em condições de conseguir antecipar o que iria ser a posição que cada um dos vereadores iria tomar. Cabia, por isso, ao Vicente ter feito o…

Chumbou

A votação acabou já tarde e orçamento não passou. Com os votos do PS e PSD a favor e o PCP, MpM e + Concelho a votarem contra, o primeiro orçamento apresentado pelo Vicente chumbou. Fica por saber se o Vicente vai sentir este chumbo como uma “moção de censura” à sua governação e se…

Os decisores

A decisão pelo “sim” ou pelo “não” de um orçamento municipal é, sem dúvida, aquela que mais peso tem na vida da autarquia e de todos nós. Dessa decisão depende praticamente tudo o que irá acontecer no ano seguinte. Quem já leu o documento fica com a sensação de que aquela é uma matéria que…

Um olhar pelo tempo

Dependendo do que logo for decidido, o Vicente poderá ter os dias contados à frente da câmara. A partir do momento em que está em funções como presidente sem que para isso tenha sido eleito, a possibilidade de ver hoje o orçamento rejeitado equivalerá à exibição de um cartão vermelho que, necessariamente, deverá levá-lo a…

Apenas para recordar

No dia em que se vota o orçamento apresentado pelo Vicente, é bom recordar o que em 2007 o PS afirmava sobre a entrada do Cascalho para o lugar de Presidente: “A solução que daqui sai não é legítima, nem democrática. É uma solução que resulta da usurpação do poder democrático, correndo até o risco…

O orçamento

Amanhã à noite os vereadores irão discutir e votar o orçamento. É razão para se dizer: já não era sem tempo! Estivemos a dar uma leitura ao que amanhã irá ser discutido e a conclusão a que se chega é que é mais do mesmo. Não se vê que estejam previstas medidas que impliquem uma…

“Vicentinas”

Há dias, enquanto tomava o café, o adjunto fez referência a uma proposta do orçamento participativo de Amarante que vai gastar quinze mil euros em bicicletas para incentivar os turistas e promover a mobilidade urbana. Sendo esta uma terra que tem na sua história o recurso diário à bicicleta, é uma que poderia ser aplicada…

Sem propostas

Segunda-feira, à noite, o orçamento irá ser discutido. Se da parte dos movimentos não se espera que haja desentendimentos entre o que será a posição do vereador e a dos deputados, o mesmo deverá acontecer com o PCP. Votem contra ou a favor, o voto deverá ser no mesmo sentido num e noutro local. A…

Mais divergências!

Ontem soube-se da divergência que existe entre o que é a posição da concelhia do PSD relativamente ao orçamento, que terá decidido votar contra mesmo que ainda não se tenha acesso à proposta definitiva, e o que é a posição do vereador. Pelo que agora temos conhecimento, a divergência de opiniões vem desde há mais…

Divergências

Não! O Santos e o Pedro não andaram à pancada mas pouco faltará! Já há alguns dias que se ouve falar que existe desentendimento entre o que é a opinião do vereador e o que pensa o presidente do partido a propósito do orçamento que dentro de dias deverá ser discutido. Se há uns dias…

Procura-se

Nesta altura, o orçamento já devia ter sido apresentado, discutido e votado na câmara. Tal como nos anos anteriores, isso não aconteceu. Tem, no entanto, havido reuniões entre o executivo permanente e os vereadores da oposição. Com isso poderão conseguir obter-se um texto que, quando for a votação, possa passar sem grandes dificuldades. As propostas…

A nova coligação

  Ontem parece ter ficado decidido que amanhã o Governo irá cair. Uma coligação, ainda que apenas no parlamento, entre PS e PCP é algo que nunca pensámos que fosse possível. Ainda é cedo para se poder saber se irá funcionar ou não mas esta aproximação irá ficar para a história. Parece que estamos a…

Remar em hora de trabalho

Ontem o adjunto foi assunto em todos os jornais. Não vamos voltar a falar do conteúdo do que escreve até porque isso é já algo muito falado. Estamos, quanto a isso, à espera que possam surgir posições públicas dos vereadores com os desmentidos. Não deixámos de ir ler tudo que o que tem sido escrito…

Duas dúvidas

Na semana passada a Maria que quer ir para Belém veio fazer uma acção de campanha aqui à terra. Como é normal, foi recebida pelo Vicente ou não fossem ambos do mesmo partido. A visita deixou-nos duas dúvidas. A Cidália, que está a meio tempo na câmara, esteve presente enquanto vereadora ou enquanto presidente da…

Debaixo do mesmo tecto

Ainda a propósito do que se passou na passada semana sobre o que o Nelson escreveu, hoje pode ler-se num jornal uma afirmação do Aurélio que diz que lamenta que o adjunto esteja no mesmo espaço que eles (vereadores). Sabe-se que poderá haver a intenção do Vicente em distribuir pelouros noutros vereadores, entre os quais…

A defesa da moção

Depois de na última reunião de câmara a moção que a Alexandra apresentou ter sido chumbada, hoje pode ler-se a defesa que faz da moção que apresentou. Num texto claramente político, pode ler-se a certa altura que “Que fique claro: votaram contra a discussão pública do assunto. Era tão somente disso que se tratava!“. Fomos…

Pedra no sapato

O Vicente, na sua nova qualidade de Presidente da autarquia, começa a ter mais visibilidade, aparecendo nas recepções oficiais, nos discursos que faz (sem ser de improviso) e até na recepção a quem tem por cá passado. A vida parece estar assim a sorrir-lhe no lugar que ocupa apesar de para ele não ter sido…