Desbocados

Ao longo destes anos de governação camarária muitas coisas têm acontecido. A maior parte delas tem sido no sentido de nada ser dado a conhecer. Muitos dos que nos lêem fazem-no por isso mesmo, porque aqui se lê o que noutros locais não se sabe. Nos jornais, porque estão condicionados pelo que a câmara lhes…

Estragar o que está feito

Marchas. Há quem goste, há quem não lhes dê atenção. São uma realidade que existe desde há muitos anos noutras cidades e que, desde há uns anos, aqui começou a existir. Não faz parte da cultura aqui da terra. Claro que este argumento pouco valor tem quando se gastam muitos milhares em instalações para gaiteiros,…

Lido por aí XCIV

«Quem tem cargos públicos tem responsabilidades acrescidas, decide sobre a vida dos cidadãos e sobretudo tem ao seu dispor instrumentos legais e financeiros que não lhe pertencem, apenas são utilizados em cumprimento da lei e no interesse público. Por isso, os dinheiros públicos devem ser utilizados de forma racional, transparente e para o bem da…

Somos de onde?

Quando ontem saímos da reunião de câmara ficámos na dúvida de que edifício estávamos a sair, se o de cá se o de Leiria! Isto porque, durante a reunião, o Aurélio colocou uma questão que nos deixou em dúvida. Apesar de não termos visto, foi afirmado que no cemitério a marcação dos locais de sepultura…

Zanga

A reunião de hoje, além de discutirem uma petição que se ficou sem perceber porque foi discutida, teve um momento de grande tensão, nada que seja novidade. Quando se começou a discutir a proposta do Logrado, a tal que poderia ter sido discutida de outro modo, o Vítor e a Alexandra não se conseguiram conter.…

Passou… e agora?

Como ontem tínhamos escrito, a proposta de criação de um regulamento de incentivos ao emprego e empreendedorismo passou. Não foi aprovado nenhum regulamento mas somente a intenção de se ir criar um. Esta aprovação, com quatro votos a favor e três contra, veio dar algum alento ao Logrado, mas veio evidenciar uma total falta de…

Sem sumo

Este é o texto que a Cidália escreveu e que hoje saiu publicado: «Quando se faz política, é sempre para servir os outros. Muitas vezes se confunde o trabalho dos políticos hoje em dia tudo se generaliza, não sabendo distinguir o trigo do joio. Fazer política é das intervenções mais nobres da cidadania ativa. Pressupõe uma atenção permanente…

Sem notícias

Hoje pode ler-se em vários locais o resultado do relatório sobre a transparência dos municípios. No site da câmara não há qualquer referência ao facto de terem passado para a lista dos vinte melhores, deixando a dos dez para trás. Quando muitas vezes nos acusam de olharmos apenas para o que está mal, a explicação…

Índice de (menos) transparência

O ano passado a câmara dizia que “Marinha Grande registou uma notável evolução, passando de 216º, em 2013, para o 7º lugar, em 2014. O estudo avalia a prestação de contas do poder local, nomeadamente a forma como é feita a divulgação da informação municipal pelas autarquias”. A informação não estava totalmente correcta porque dizia…

Os partidos

À medida que os dias vão passando, vai-se sabendo mais daquilo que os que decidem pensam. Não nos referimos ao que é decidido na câmara porque aí parece não serem os eleitos quem tem poder de decisão. Referimos mesmo ao que acontece os partidos. Depois de ontem termos visto o Santos em amena cavaqueira com…

Persistência

Há dias o programa de apoio à industria foi alterado. Foram discutidas duas propostas, mas apenas uma passou. As posições foram claras por parte dos eleitos e pareceu-nos que o assunto ficou encerrado. Não ficou! Pelo que se sabe, o Logrado deverá voltar a apresentar a proposta de incentivos à industria na versão que antes…

Lido por aí XCIII

«Com meia dúzia de cliques! Comprei, paguei e recebi os bilhetes no e-mail. Infelizmente para ir ver o Jorge Mourato e o Caveman na Marinha Grande não vou ter essa sorte e provavelmente terei de ir ver o espectáculo noutra Cidade qualquer! Com pre-reserva de bilhetes, ainda antes de estarem à venda ao público, a sala já…

Gestão de merceeiro

Quem vai acompanhando o que tem sido a gestão da câmara ao longo destes últimos anos não pode senão ficar com a sensação de que é feita à boa maneira do que há anos os taberneiros faziam, um dia atrás do outro sem que haja a preocupação de projectar o futuro ou mesmo de evoluir.…

Falha de memória!

Quando caminhamos para mais velhos, começamos a notar que a memória já não é a que era, que as faculdades que tínhamos não são as mesmas e começamos a confundir o que antes não era confundível. Coisas da idade pelas quais todos passamos. Quando vemos um candidato a autarca, ainda novo, dar os sinais que…

Dormindo

HISTÓRIA DE UM SANEAMENTO ADORMECIDO Resido Na Travessa dos Pimentas nº9, Engenho desde o ano de 2002. Aguardo assim por uma velha aspiração a que me julgo com direito e agora já com outras famílias que entretanto construíram aqui as suas habitações. Assim e para começar em 23.06.99 foi endereçada uma carta à CMMG à…

Burro velho

Diz o povo que ‘burro velho não toma ensino’. Quando se trata de gestão camarária não é tanto o ‘burro’ que é velho, mas incompetente! Quando há umas semanas o assunto da venda bilhetes na Casa da Cultura para alguns espectáculos ser feita de um modo muito pouco transparente foi discutido, a Cidália concordou e…

Obras à porta fechada

Nada como ter os cofres cheios para que no final de mandato possam aparecer obras que deviam há muito estar executadas. Ontem houve reunião extraordinária e foram tomadas decisões que implicam que se vá gastar uma boa parte do que está arrecadado. Foi decidido construir uma ciclovia para a zona industrial com a criação de…

Sala pequena

“A sala do Cine-Teatro Actor Álvaro foi pequena de mais para este belíssimo espetáculo” escreveu o Vicente no Domingo. Está foi a primeira vez que um dos elementos do executivo permanente se pronuncia sobre o tamanho das salas de espectáculo aqui no concelho. Quererá esta afirmação significar uma mudança na forma como alguns espectáculos têm…

Where’s Wally

Ainda a propósito do que ontem teve lugar em Leiria, apeteceu-nos recordar os livros do Wally, desta vez em versão ‘Where’s Vicente?’. Encontrámos o Castro e o Jorge na primeira fila, mas andamos ainda ‘à nora’ à procura do representante do concelho que deverá ser o que tem mais indústrias no distrito. Querem ajudar a…

Indústria

Foi com dificuldade que conseguimos encontrar uma imagem onde o Presidente da Câmara estivesse, mas encontrámos! Ontem Leiria esteve cheia de empresários para a apresentação do programa Industria 4.0. A concretizar-se tudo o que vem anunciado, será bom para a industria e, naturalmente, bom para o concelho. Seria, por isso, de esperar que o representante…

Forte com os fracos

Não vamos falar no que parece ter sido mais um corte de árvores para levantar paredes nem na parte estética. Isso deixaremos para quando a obra estiver concluída. Das muitas vezes que por ali passamos, a ideia que ficamos é a de que a obra está parada. Há dias foi a reunião de câmara a…

Proibido

Ontem o Conselho de Ministros decidiu que é proibido o uso de fitofármacos em espaços públicos, como pesticidas e herbicidas. Ainda esta semana nos cruzámos com um trabalhador a espalhar um produto nos passeios. Como vai ser agora? Será que o Vicente ainda vai dizer o que disse há umas semanas quando o problema do veneno…

Visão? Não, a que falta!

Há coisas que parece que estão a moda. Hoje é recorrente ouvir-se falar em ‘Tesla’. Fala-se em Tesla como se fosse algo banal. Não o é. Sem que a marca tenha alguma relevância nem que ao falarmos no assunto estejamos a querer fazer publicidade, o assunto é falado aqui no país pelo que de bom…

Posso, quero e… levo!

Como se sabe, hoje estavam para discussão duas propostas para fixação dos apoios às empresas depois de, na última reunião, a proposta do PS ter sido rejeitada. Como já antes escrevemos, a proposta do Logrado era a mais completa, apesar de não poder ser aprovada em reunião de câmara já que teria que ir à…

Cofres cheios

A Câmara Municipal da Marinha Grande com uma maioria desde 2009 até 2013 e com a presidência por ter ganho as eleições de 2013, e até ao ano que refiro no título (2015) sofre de obesidade e aparece com os cofres cheios transitando os últimos exercícios com mais de 8 milhões em Caixa e Bancos…

Instabilidade

Amanhã deverá ser proposto que dois dos pontos da ordem de trabalhos sejam retirados para que possa ser encontrada uma solução que possa envolver todos os vereadores. Referimo-nos aos programas de apoio que estão para ser discutidos. A forma como amanhã chegam duas propostas a reunião vem evidenciar que é difícil aos movimentos independentes viverem…

Ainda os programas

Ontem fomos ‘acusados’ de estarmos a ver a questão do programa que amanhã vai ser votado de forma errada e que as conclusões que tirámos estavam também erradas. Foi-nos dito que o que iria ser votado não estava de acordo com a leitura que tínhamos feito. Fomos, por isso, comparar as duas versões, a que…

Novo programa

Há uns dias o programa de apoio ao investimento industrial foi chumbado pela oposição. O Vítor publicou um artigo onde tenta explicar o porquê de terem mudado a posição que assumiram e que, de certo modo, poderá levar a que sejam dissipadas algumas dúvidas. Ainda que se possa dizer que o regime que é aplicável…

Lavar a face

Desde que foram tomadas as primeiras decisões na câmara, já no anterior mandato, que houve sempre quem acusasse o Santos de ser a ‘muleta’ do PS. Foi ele quem permitiu, com o seu voto, que os orçamentos fossem passando, sempre com base em promessas que até hoje estão por cumprir. A sua forma de agir…

Bolsos vazios

Todos dizem que a câmara está cheia de dinheiro e basta ler as actas das reuniões para que se perceba isso. Uns dizem que é por boa gestão, outros afirmam que há dinheiro porque não executam projectos. Seja qual for o lado por que se olhe, o saldo é sempre igual. A abundância é tanta…

Chá?

[bs_image_comparison id=’14615′] Hoje em algumas torneiras não se sabe se o que saia era água se chá! Ao lado do copo com a água hoje recolhida, colocámos um copo com água incolor, daquela que sai das garrafas que se compram nas lojas. A água, dizem, é potável e estamos convencidos que, dentro de pouco tempo,…

Opções… estranhas!

Há coisas que não lembram ao diabo! Ontem na Vieira foi inaugurada a Galeria Municipal. Seria de supor que a inauguração fosse feita com mostras da cultura local. Os que estiveram na inauguração foram presenteados com dança do ventre! Já não bastava quem quisesse cá colocar gaitas de foles, pauliteiros ou cabeçudos e depois exijam instalações…

Lido por aí XC

«O CENTENÁRIO DA RESTAURAÇÃO DO CONCELHO DA MARINHA GRANDE 1917 – 2017 O Concelho da Marinha Grande foi restaurado pela Lei n.º 644, de 20 de janeiro de 1917, assinalando-se este ano o seu centenário. A Lei foi subscrita por grandes referências da 1ª República: Bernardino Machado e Afonso Costa. A Marinha Grande – nestes…

Muitos anos depois

[bs_image_comparison id=’14590′] Muitos anos depois, as diferenças são notórias entre o que havia e o que há no concelho. Mercê da evolução dos tempos, a actualidade nada tem a ver com o que há 100 existia. Mas a maior diferença que se nota é mesmo a ausência de pessoas no coração da cidade. Recordamos do…

Fair play

Algumas vezes ouvimos comentários de que não deveríamos usar as imagens dos políticos aqui da terra para ilustrar os textos nem fazer bonecos’ com eles. Foi-nos dito que “não tem problema nenhum desde que não seja ofensivo. Quem está na vida pública tem que ter o poder de encaixe suficiente para compreender que está exposto à…

100 anos

Há exactamente 100 anos passámos a ser concelho. Alguém se apercebeu dos festejos? Não estão fartinhos de comer bolo de aniversário? Alguém soube de alguma coisa agendada? Não? Pois, nós também não! É provável que, como estamos em ano de eleições, os festejos comecem entretanto e se prolonguem até à campanha porque até vai dar…

Os Presidentes

Nos EUA o dia é histórico não porque está em curso a tomada de posse de um presidente, mas pelo facto de ir tomar posse alguém sem qualquer tipo de preparação para o cargo, com uma visão estranha da realidade. De certo modo, é possível encontrar semelhanças, tendo em conta as devidas proporções, com o que…