PME às moscas

Está a decorrer mais uma FAG e o desejo é de que seja mais um sucesso. Tem sido graças à carolice de alguns que aquele evento tem conseguido funcionar, mas ao mesmo tempo tem sido graças a eles que aquele espaço tem tido utilização. Ao longo do ano contam-se pelos dedos de uma mão as…

Fomos às compras

Hoje fomos às compras numa superfície comercial aqui da terra e foi aí que nos apercebemos de onde veio a inspiração para o que agora identifica o concelho. Se dúvida que deve ter dado trabalho pensar em algo que mais ninguém tinha ainda pensado, algo inovador e que não se consegue encontrar em mais lado…

Quanto custa?

No fim-de-semana vai ser aberta a pista de gelo e o que a câmara programou para este mês de Natal. Fomos ver os custos de tudo isso. São € 73.300,00 para o evento “viver o Natal” e € 31.749,00 para iluminação. Vão ser gastos € 105.049,00. Fomos ver também quanto se vai gastar aqui ao…

Catástrofe

Hoje a Cidália foi ler um texto à Sociedade de Geografia de Lisboa sobre o Pinhal do Rei, “como gostamos de chamar”. A certa altura ela referiu que “nunca antes se tinha observado dois anos consecutivos com catástrofes assim“. Mas não nos parece que ela esteja correcta. Se é verdade que houve catástrofes naturais, há…

O lado negro da imagem de marca!

Durante a apresentação da identidade visual do município marinhense a sr.ª Presidente proferiu algumas palavras que a seguir transcrevemos: A presidente da Câmara Municipal, Cidália Ferreira, esclareceu que “a marca que criámos reflecte a nossa identidade marinhense no amor pela nossa terra, no orgulho pelo nosso território e pela nossa gente, na nossa capacidade de,…

Há limites!

Alguns esperam que nos adaptemos às ideias que alguns têm e crer que está tudo bem. Mas não é assim! A mudança do brasão de uma cidade, ainda que seja em papel timbrado, não pode ocorrer assim sem mais nem menos. As mudanças só podem ser feitas por deliberação tomada na Assembleia Municipal e depois…

O brasão

A câmara deu a conhecer, depois da mudança de imagem, que vão usar “o brasão municipal, agora reservado para as comunicações mais decisivas”. O brasão que passa a ser usado nas comunicações “mais decisivas” passa a ter a cor bordô. Presume-se que seja nas comunicações oficiais. E nessa parte ficámos sem perceber. O brasão tem…

Direcção estratégica!

Ainda a propósito da nova imagem que criaram para o concelho, demos uma visão do que é o que nos parece mais ajustado à realidade que aqui se vive e que traduz o que muitos sentem em relação ao que se passa aqui no concelho. Um coração de ‘patas ao ar’, dilacerado pelo que não…

Nova imagem

A nova imagem do concelho é, segundo o actual executivo, esta. Dois corações invertidos de modo a formarem o M com imagens alusivas ao que existe no concelho na parte inferior. De quando em vez é necessário vestir-se roupa nova e parece que foi esse um dos objectivos. É, no entanto, estranho que a escolha…

Governação

“Os resultados mostram que a eficácia governamental é superior quando os municípios seguem os princípios do Estado de Direito e tomam medidas proativas para prevenir corrupção. Curiosamente, a capacitação financeira das autarquias não tem um impacto significativo na eficácia governamental. Olhando para os fatores físicos e geográficos, verifica ‑se que os municípios mais urbanizados tendem a produzir resultados governativos mais eficazes. Em contraste,…

Coração!

Há pouco foi apresentada a nova marca do concelho. Não se pode dizer que esteja feia. Já que não há coisas a serem feitas, dá-se uma lavagem à imagem e pode ser que assim alguns comam a ideia de que estamos a evoluir. O que não pensámos foi que a ideia da nova imagem para…

Percentagem

A atribuição de apoios às diferentes instituições do concelho deveria ser feita de forma criteriosa. Significa isso que quem decide deveria analisar os pedidos e, tendo em conta o que cada um tem discriminado, ser feita a atribuição do apoio tendo em conta o que cada um quer fazer. Claro que situações iguais devem merecer…

Só ela!

Ontem a Cidália protagonizou mais um momento que não pode deixar de ser notado. Quando um munícipe se inscreve para falar tem 5 minutos durante os quais pode dizer aquilo para o que se inscreveu, mas pode ali chegar e ficar os 5 minutos calado. Pode também ali chegar e falar daquilo que lhe apetecer.…

Radiografia

Há alturas em que os munícipes falam e pouco mais há a dizer. Ontem dois munícipes fizeram a radiografia do que se passa no concelho com a câmara. Vale a pena  ver e ouvir. Não há muito mais que possamos escrever já que está tudo dito!

Corte de video

Quem assistiu em directo à reunião de câmara pôde assistir à intervenção de dois munícipes que não tiveram papas na língua e que chamaram os eleitos de mentirosos e puseram o dedo na ferida. Quem agora assiste à reunião que está disponível no Youtube consegue perceber que essa parte da intervenção dos munícipes desapareceu. A…