Reunião atrasada!

Uma das maiores reclamações que se tem ouvido da parte de alguns vereadores tem a ver com o facto de a documentação ser-lhes enviada sempre em cima da hora. Apesar do argumento de que sempre foi assim, consegue-se entender que aqueles que não estão permanentemente na câmara, e são três, possam querer receber, com algum…

Esticar o tempo

Depois de pensarmos nas faltas do Logrado às reuniões, fomos dar uma vista de olhos às reuniões deste ano e foi interessante ver a forma como, de artificio em artificio, foi sendo encontrada forma de tentar contornar a exigência de, sempre que há faltas superiores a 30 dias, ser suspenso o mandato de um vereador…

As faltas

Quem tem assistido às reuniões de câmara tem notado que, como era previsível, o Logrado nunca mais lá pôs os pés. Com pedidos de suspensão uns a seguir aos outros, tem sido a João quem tem assegurado a representação do movimento independente que prometia mudar o concelho. Não tem sido isso que se tem visto.…

E decisão?

Ainda às voltas com o orçamento e o que foi aprovado, houve algo que nos chamou a atenção. sabe-se qual foi o resultado que foi publicado. Sabe-se que as obras que são feitas pela câmara têm que ser aprovadas em reunião onde o assunto seja debatido e aprovado. Pelo que se sabe, o assunto das…

O estado das tendas

Acabámos de chegar do mercado. Não porque tivéssemos que ir lá fazer compras mas fomos dar uma vista de olhos ao estado em que o mercado se encontra. Para uma “obra” temporária, não está mal. Recordamos as criticas que à data foram feitas à decisão do Barros mas a verdade é que não foi ainda…

Transparência ou opacidade

Hoje pode ler-se que a câmara ficou classificada no sétimo lugar no índice de transparência. Quem fez essa classificação foi uma organização não governamental que baseou a análise na “informação disponibilizada aos cidadãos nos seus web sites“. É sempre bom quando estas notícias surgem. Há que reconhecer que a informação que tem vindo a público…

A relva já cresceu!

O jardim perto da Junta de Freguesia era para estar concluído, segundo o Vicente, em finais de Agosto. Em meados do mês passado, o Vicente afirmou que “está à espera que a relva cresça para abrir ao público“. Hoje passámos por lá e ficámos todos contenstes! A relva já está crescidinha! Desde a data prevista…

De novo o Mercado

Depois de lermos o orçamento para o ano que vem e de se saber que a possibilidade de vir a ser construído um mercado até ao final do mandato é muito remota, pareceu-nos, juntamente com outras pessoas preocupadas com o assunto, que seria o momento de trazer o assunto de novo para discussão. Criou-se uma…

Sem nada para o futuro

Acabou a representação na Casa da Cultura. Tivemos esperança que a câmara pudesse ter tido a ideia de gravar o espectáculo não apenas para que passasse a fazer parte dos arquivos da nossa história como também para permitir que os que não tiveram bilhete pudessem assistir. Até agora não conseguimos encontrar nada que faça referência…

Câmara vive dos impostos

Demos uma leitura rápida ao orçamento que foi aprovado segunda-feira e a conclusão que se chega é simples de fazer: as receitas vão ser obtidas à custa do aumento de impostos. Apesar de existir uma diminuição acentuada no valor global da receita, nota-se um aumento significativo das receitas provenientes de impostos. Significa isto que para…

Apoio, patrocinado!

A imagem é de um dos marinhenses que mais se tem destacado no desporto. Sendo um jovem, é um que tem levado o nome a nossa terra a muitos locais. O mérito individual é digno de ser notado. Este ano foi pedido um apoio à câmara. Até ontem nada tinha sido concedido. Foi-o ontem. 4.400…

Menos dinheiro

Como já se previa, o orçamento para o ano que vem foi ontem aprovado. Com o argumento de que a reunião de ontem era apenas a continuação da que teve lugar na semana passada, a maioria que governa a câmara tentou dar a volta ao que alguns chamam de incompetência. Claro que há os que…

De novo, olhar para os papeis!

Desde há algum tempo que o assunto dos apoios a algumas instituições tem sido falado. Na última assembleia o assunto tomou especial relevância quando o executivo é questionado pela própria secretária da mesa. O assunto tem estado para ser resolvido e, pelo que tivemos conhecimento, o problema poderá ser mais complicado de resolver do que…