Como vai ser agora

Agora que a turbulência do dia de ontem já passou é possível já perspectivar o que irá acontecer. A decisão do Vicente de não se demitir e de cumprir o mandato até ao fim é uma que lhe irá custar caro e irá sentir que foi uma decisão que lhe causará algum amargo de boca.…

Lido por aí  XXXV

《É PRECISO TER ATREVIMENTO… Para não explicar as propostas que foram feitas e que eles não consideraram. Na conferência de imprensa Presidente apresentou uma lista que mais parece um programa de campanha eleitoral. Dava para um mandato bem preenchido. Em 3 anos nada fizeram de relevante, como vão fazer agora em menos de 1 ano?…

A conferência do Vicente

Vicente disse que esteve sempre disponível para receber propostas mas que nunca foram apresentadas pela oposição. Que o que estava em causa era a revisão orçamental. Disse que estavam e continuam disponíveis para as propostas que possam vir a ser feitas. Não se incomodam de retirar algumas das propostas deles. Todos os investimentos são projectos…

Última hora

O Vicente poderá anunciar remodelação do GAP depois da Tereza e do Nelson terem colocado os lugares à disposição na sequência do chumbo da segunda proposta de rectificação do orçamento, o que poderá permitir uma nova ronda de negociações com a oposição. 00 Seguir ( 0 Seguidores ) X Seguir E-mail : * Seguir Deixar de…

Em chamas

Hoje vive-se uma realidade nova na terra. Não temos recordação de alguma vez isto ter acontecido. Pior do que presidentes que são afastados pelas máquinas partidárias ou a câmara ser governada por quem não foi eleito é estar-se como agora se está. O punho do símbolo do PS está em chamas e isso fez com…

Lido por aí XXXIV

«O PRESIDENTE INSISTE E NÃO EXPLICA No que o PRESIDENTE INSISTE -Não discutir as propostas e as condições propostas pelos outros vereadores -Levar (hoje, mais uma vez) praticamente as mesmas despesas avulsas (chamam-lhe restificativo) a votação. Mais uma vez não passou com 4 votos contra. O que o PRESIDENTE NÃO EXPLICA -Que cada alteração ou…

E agora?

O que pode parecer apenas uma guerra política é bem mais do que isso. Referimo-nos ao que hoje aconteceu na reunião extraordinária da câmara. A oposição juntou-se, o Vítor, o Esperança, o Aurélio e o Logrado, e chumbaram a rectificação ao orçamento. A questão que agora se coloca é: e agora? A câmara não vai…

Soma e segue. Mais um!

É a terceira vez que um orçamento chumba às mãos do Vicente. A votação que hoje iria decidir se os vereadores davam ou não uma oportunidade ao Vicente de poder tentar por as contas da câmara certas levou a que fosse chumbada a segunda proposta de revisão. Não é nada que não se estivesse à…

O futuro é amanhã

Pode dizer-se que o futuro é amanhã. Amanhã ficar-se-á a saber o que irá acontecer com o tão falado orçamento. Ficar-se-á a saber quem vota a favor, quem vota contra e quem se absterá. Ficar-se-á a saber como se irão comportar os eleitos. Infelizmente será tudo decidido à porta fechada já que se trata de…

Comparar o incomparável

Temos muitas vezes o defeito de comparar o incomparável. Bem sabemos disso mas é inevitável. Depois do que ontem escrevemos, hoje recebemos fotos de quem entendeu cometer o mesmo erro que nós: comparar. Na Vieira o local usado como palco é o que se vê na imagem. Nela é possível ver, melhor do que a…

Lido por aí XXXI

«Fomos surpreendidos com a falta de rigor e com uma interpretação parcial e errónea da nossa proposta para a revisão orçamental, no comunicado da Comissão Política Concelhia do PS. Não divulga a proposta completa mas apenas o que lhes interessa para a intriga política e para distorcer o conteúdo sério que a mesma contém. Na passada quinta-feira o…

Câmara doente

Esta questão da rectificação ao orçamento vem mostrar uma coisa: a câmara está doente. Os que mandam estão politicamente moribundos e os que foram eleitos não sabem para que lado cair para poderem fazer valer os seus argumentos. O Vicente não teve a capacidade para expurgar a câmara do que estava mal e hoje é…

A resposta!

«1. Nota introdutória Um orçamento anual deve expressar com clareza o que se pretende realizar nos próximos anos económicos e quais os recursos financeiros necessários para o cumprimento das acções nele previsto. O orçamento assenta em três elementos fundamentais: económico, político e jurídico. O primeiro, porque apresenta uma previsão de receitas e despesas; o segundo porque…

Mais tendas

Há quem conheça a terra por ser das únicas no país que tem um mercado instalado em tendas. Somos também uma terra onde habitam muitas pessoas de etnia cigana que vive também em ‘tendas’. Também somos uma terra que tem praias belíssimas que deveriam ser aproveitadas. Talvez por causa das duas primeiras realidades na Vieira…