Lido por aí CXL

“Carta aberta ao Sr. Presidente do ICNF: Incêndios no Pinhal do Rei – day after CC: Presidente da República Primeiro-Ministro Ministro da Agricultura, Florestas e Desenvolvimento Rural Secretário de Estado das Florestas e do Desenvolvimento Rural Exmo. Sr. Presidente, Como alguém com sentido de responsabilidade afirmou: “o incêndio do Pinhal do Rei não era uma…

Orçamento 2018

Na página do Facebook do MpM o Aurélio está a pedir contributos para o orçamento que deverá ser discutido um dia destes. À primeira vista a ideia parece ser interessante não fora o facto de ser difícil para qualquer munícipe dar sugestões ou contributos quando não se sabe ao certo quais irão ser as orientações…

Como vai ser?

Sexta começa a saga da aprovação dos apoios por parte da câmara. Ainda sem que haja alteração do regulamento que prevê a atribuição dos apoios aos clubes, vai continuar a ser aquilo que os eleitos quiserem que seja, sem que os clubes, associações e colectividades possam saber com o que podem contar ou quando poderão…

A conferência

Depois do que hoje saiu no jornal sobre a disponibilidade da Cidália em dialogar e sabendo-se como tudo tem decorrido, soubemos há pouco que foi convocada uma conferência de imprensa por parte do Aurélio. Apesar de apenas referirem que vão abordar a “situação política atual e o enquadramento dos seus eleitos nos diversos órgãos autárquicos“,…

Outlet

Na semana passada, no debate entre alguns dos candidatos, foram faladas algumas das soluções que os candidatos preconizam para o centro, em especial se se vier a concretizar a compra das antigas instalações da FEIS. A Cidália quer lá por a piscina. No debate o Aurélio falou na colocação lá de um outlet, ainda que…

Campanha morna

Com as candidaturas meio adormecidas, há uma que se destaca, por ter começado muito cedo e dela se esperar mais já que continua a estar sem que diga o que pretende. O Aurélio parece continuar adormecido. Tirando as apresentações dos candidatos, não têm sido dadas as conhecer as soluções que preconiza para o concelho. Poderá…

O Aurélio

Aparecido um pouco às costas do saudoso Jorge, o Aurélio surge há quatro anos à frente de um movimento independente que vem com o desafio de se imaginar com será o concelho daqui a uns anos. Tendo sido o segundo movimento a aparecer, conseguiu, ainda assim, ter mais votos. Aparece na política sem que se…

Os segredos

Não é a primeira vez que falamos no tema. Voltaremos a ele sempre que acharmos que se justifica. Referimos aos que irão ser o braço direito de quem irá ser Presidente. Ninguém ainda revelou nomes, mas começa a haver informações que apontam no sentido do que irá acontecer, caso sejam eleitos. Parece-nos que a disputa…

Não chega

Foi o candidato que mais cedo começou a corrida para as autárquicas. Há quem diga que a corrida começou há quatro anos, no dia seguinte ao das eleições! Desde que anunciou a candidatura que tem vindo a fazer tudo como se tivessem tudo programado para determinados momentos. Diz-se que é a Ana quem coordena toda…

Barómetro

As instalações da Resinagem têm sido usadas pelas candidaturas para ali apresentarem ideias e candidatos. Ontem foi a vez do MpM fazê-lo, numa apresentação que soou a ter um cunho profissional ou de quem está a isso habituado. Numa sala cheia, ainda que num formato diferente do que tem sido habitual e que pode, de…

Adormecido

Com mais um nome revelado, as campanhas começam a dar mostras daquilo para o que vêm. Estranhamente o Aurélio parece ter adormecido! Tendo começado mais cedo que todos os restantes candidatos, não têm sido vistas iniciativas ou acções de campanha. Nem mesmo o nome de quem irá consigo na corrida foi ainda revelado! Presumindo-se que…

Lido por aí CX

«A esperança média de vida passou, nos últimos 50 anos, de 64 para 81 anos. Diz-se que nos próximos 50 anos possa subir para os 90 anos. Este aumento significativo deve-se a diversos fatores: avanço da medicina (boa assistência médica); a investigação farmacêutica, boas condições sanitárias, boa alimentação; melhores condições de vida das populações e…

Sem proposta

Quem ontem leu o artigo do Aurélio pode ler que “fomos os únicos que pugnámos para que, de forma séria, se apoiassem as instituições com ofertas sociais de apoio aos idosos, às crianças e às pessoas mais frágeis socialmente; que os apoios a associações e coletividades fossem, além de justos e transparentes, também rápidos e…

Lido por aí CIV

«A vida sem visão de futuro não tem sentido, é assim com os cidadãos, as famílias, as empresas, a autarquia. Por isso, quando em 2013 apresentámos o projeto do MpM, anunciámos que apresentaríamos um Plano Estratégico, com uma visão de médio prazo “envolvendo todas as linhas políticas e as forças vivas do concelho, assegurando que…