Dois erros não fazem um acerto

“Dois erros não fazem um acerto” e esta expressão parece ser uma que a Ana, e o Aurélio por arrasto, não domina. No texto de opinião que hoje foi publicado teima em defender o que foi a sua forma de intervir na ultima assembleia municipal como munícipe quando é, simultaneamente, vereadora. Não se põe em…

Duas caras

Na AM a Ana quis marcar posição, criando um caso insólito. Sendo vereadora quis falar como munícipe. Apanhado de surpresa, o Guerra lá deixou passar e deixou-a falar, saindo da mesa e passando para o lado dos munícipes, mas, a nosso ver, de forma errada. Um vereador é um munícipe, mas encontra-se ‘vestido’ de uma…

Dito em surdina

Ao longo do último mandato havia quem afirmasse que o que o Aurélio dizia nas reuniões de câmara era preparado pela Ana. Se o era ou não não sabemos. Sabemos que a Ana tem sido, neste mandato, uma pedra no sapato da Cidália. Pode-se dizer que ela tem sido quem mais tem chamado a atenção…

Quezílias

De certo modo sentimos que a oposição estava unida na defesa dos interesses dos munícipes. Tendo a maioria, chegámos a achar que havia um acordo, ainda que não escrito, entre os elementos da oposição que iriam permitir que houvesse uma posição mais ou menos consensual entre os elementos da oposição. Amanhã irá poder ler-se um…

Na TV

Quando o concelho aparece nas notícias ou nos programas de televisão é, salvo raríssimas excepções, por coisas más. Ou é o fogo, ou é a “crátera” que se abriu, ou é por isto ou por aquilo de mau que aqui acontece. A semana passada, enquanto fazíamos zapping na televisão damos de caras com a Ana…

Quem se segue… no MpM

Integrando uma lista mais tecnocrata, a segunda da lista o MpM, a Ana, é repetente no lugar. Há quatro anos ocupou a mesma posição. Vinda da câmara de Ourém, onde é técnica administrativa, diz-se que é quem prepara as reuniões e as posições que são ditadas para as actas nas reuniões de câmara. Diz-se por…

Campanha na câmara

Há uns dias o PS questionou a CNE sobre a possibilidade de ser feita campanha pelos candidatos dentro das instalações da câmara. A resposta foi, como já aqui escrevemos, a de que pode ser feita em todos os locais. Há pouco, quando saíamos da câmara demos de caras com a número dois do MpM quando…

Número dois

Sem surpresa, a Ana será apresentada sexta como a número dois do Aurélio. Muitos dizem que, mais do que ser o seu braço direito, vem dela parte do que é dito nas reuniões de câmara. Se assim é ou não, apenas eles saberão, mas o seu nome surge sem novidade já que há muito se…

Reuniões inúteis

Quando hoje a reunião de câmara começou, acreditamos que alguns dos presentes tenham sentido que iriam ter algum descanso. Terão mesmo pensado que não iriam ter motivos para ameaçar um dos vereadores com queixas crime. Isto porque o Aurélio não esteve e fez-se substituir pela Ana. Não houve assim o mau ambiente que costuma existir…

Dia de ditado

A reunião de ontem não ficou marcada apenas pela presença da “prima”. Previa-se que o Álvaro fosse levantar o problema da Ana poder ter gravado a reunião e ter querido que o que disse ficasse a constar na acta mas optou pela solução mais fácil de dar instruções (ele ou alguém) para que tal texto…

A Branca do MpM

Desde há muito que se falava que o movimento do Aurélio estava apenas centrado em si próprio. Apesar de terem aparecido outros nomes na lista, a ideia que existia era a de que tudo girava à sua volta. Ontem, ou porque lhe chegou aos ouvidos que essa era uma das coisas que se falava ou…