Lido por aí XCVIII

«Uma Marinha Grande menos desigual e mais justa, com um modelo económico assente em relações comerciais alternativas e hábitos de consumo mais equilibrados e acessíveis. Nessa Marinha Grande, de práticas comerciais mais justas, ganharíamos todos: produtores e consumidores! Às nossas casas chegariam alimentos de cultivo tradicional, mais saborosos e de melhor qualidade, mais saudáveis, a preços justos para ambas…

Entendam-se!

Durante meses e meses a Alexandra andou ausente. Ninguém sabia o que pensava ou mesmo se andava por cá! Hoje resolveu aparecer e, há que dizer, já não era sem tempo. Quando lemos qualquer texto de um qualquer eleito ficamos sempre à espera de ler novidades. Há sempre aquela expectativa de que possa surgir uma…

USA vs. URSS

É sabido que o PCP se encaminha para poder por a Alexandra como cabeça de lista pelo partido. Amanhã até deverá poder ler-se o primeiro texto desde há muito e muitos meses. Até já começou a dar a conhecer que participa em certos eventos. Não é novidade e é apenas uma constatação. É também sabido…

Dia da(quela) mulher

Celebra-se hoje o Dia da Mulher. Não vamos dizer que é o dia de todas as mulher e que todas estão de parabéns. Isso deixamos para as redes sociais que hoje se inundam de cartazes e frases feitas, repetidas anualmente neste dia como se apenas hoje as mulheres devessem ser lembradas. Quanto a nós, sem…

Congeminação

Todos sabem que o Santos não irá pelo PSD. Há quem diga que não irá por nenhum partido ou movimento e há quem diga que poderá estar a preparar-se uma surpresa com a qual ninguém conta. Do lado do Logrado a situação não é melhor. Depois de um mandato com muitos altos e baixos, com…

Ida ao passado

Com o mercado ainda a prometer dar que falar, fomos (com autorização de um dos ‘donos’) ao passado buscar o que em 2009 se escrevia sobre o tema. Eis o que apareceu (surge um ‘Curioso’ no texto que nada tinha ou tem a ver com os que aqui escrevem): «QUINTA-FEIRA, 15 DE OUTUBRO DE 2009…

“Isto é que é uma vida, pá!”

Ir aos serviços da câmara às vezes é uma aventura. Hoje tivemos que ir aos serviços das águas. Demorou até que pudéssemos vir embora. O sistema não estava a deixar imprimir! Poderá dizer-se que é uma coisa que acontece já que se trata de máquinas que às vezes parecem ter vontade própria. O problema está…

Levou falta

Quando pensamos nos nossos autarcas, ficamos com a ideia de que, no período em que estão no activo, perdem grande parte da sua vida privada uma vez que têm que dedicar parte do seu tempo a participar em eventos, jantares e galas. Claro que como se candidataram voluntariamente, sabiam para o que iam e aquilo…

O que é barato é bom!

Os dias vão passando e vai-se sabendo mais sobre o que aconteceu com o estudo realizado para definir o local onde, dizem, irão gastar três milhões de euros. Há uma expressão popular que diz que “o barato sai caro”. Tem alguma razão de ser pelos motivos que mais ou menos todos já viveram. Tem-se dito…

Regras higieno-sanitárias

Em 15 de Julho passado escrevemos que “Sabemos que foi colocada a questão à ASAE sobre se estarão a ser cumpridas as regras higieno-sanitárias no mercado das tendas em relação à separação que deveria existir entre a zona das carnes ou dos peixes e a dos vegetais”. Resposta, até ao momento, não houve. Para que…

O perigo continua

No final de Janeiro lia-se que “o Conselho de Ministros aprova hoje a proibição o uso de fitofármacos em espaços públicos, como pesticidas e herbicidas. É, aliás, um herbicida potencialmente cancerígeno, o glifosato, que está na origem da proposta, por ser muito utilizado para destruir ervas daninhas. A lei entra em vigor 90 dias após a…

Lido por aí XCVII

«A Câmara Municipal da Marinha Grande aprovou por maioria, com 5 votos a favor e 2 votos contra, na sua reunião extraordinária realizada no dia 1 de março, iniciar o procedimento de elaboração do projeto para a construção do futuro Mercado Municipal. Na referida reunião, foi analisado o relatório final do estudo de mercado encomendado…

Passinhos de bebé

Já se sabe que a câmara decidiu a localização do mercado. Não houve debate ou discussão pública, mas no final da semana foram revelados parte dos resultados do ‘estudo’ que foi feito e onde foram gastos cerca de seis mil euros. Seria expectável que, depois do que foi prometido, os resultados fossem divulgados antes da…

Com papas e bolos…

“Quando a luta por Direitos se transforma numa acção de populismo: Prometer lutar pela reabertura da extensão de Saúde na Garcia! Quando as reivindicações são irreais como se pode querer ser levado a sério!?!”. A frase não é nossa, mas dificilmente se pode discordar do que está escrito. Não é expectável que alguma coisa mude. A televisão…

Vozes

Dia 20, com um amigo identificado, demos início a um movimento civil para que se chame a atenção de quem manda para o problema que existe na saúde no concelho. Dois dias depois, a comissão de utentes (claramente politizada, bastando ver quem a compõe) convocou para o mesmo dia, hoje, meia hora mais cedo uma…

Entrevista(s)

O primeiro candidato a aparecer para a corrida às autárquicas foi o Galo. No inicio de Fevereiro era conhecido o seu nome como candidato à presidência da câmara. Surgiu dias depois o Aurélio. Este apresentou-se com mais pompa e circunstância. Hoje vai poder ouvir-se a entrevista ao Aurélio como “candidato à presidência da câmara”. Nada…

O que devia ser

Quando pensamos que somos uma terra que tem quase tudo, vem-nos à lembrança que até um centro desertificado temos! Mas, desertificação à parte, por causa da decisão do mercado fomos ver como deveria ser todo aquele espaço. Em 97 foi feito o plano de pormenor da zona desportiva. 20 anos depois o que temos não…

‘Carpool’

‘Carpool‘ é um termo que significa que várias pessoas dividem o carro para fazer uma determinada viagem. Lembrámos disso quando começámos a pensar nos candidatos dos diversos partidos. Pelo que se vai sabendo aos poucos, o PCP prepara-se para dar boleia a três mulheres nas próximas eleições. Com o Vítor arredado por razões ainda por…

O que falta?

“Uma creche social” foi a resposta que hoje a Cidália deu. Quem diria! Faz falta uma creche! E, por mera coincidência – já que nada tem a ver com o facto de este ano haver eleições!!! -, levaram o assunto a reunião de câmara e esperam uma alteração ao orçamento para avançarem com o concurso…

Multiusos esquecido

Com a questão do mercado decidida e a ter que ser feita uma revisão ao plano de pormenor, fomos saber como está o plano de toda a zona desportiva, o que está feito e o que foi planeado, mas ficou na gaveta. Nunca antes tínhamos ouvido falar nisso, mas está prevista a criação de um…

Balanço do mercado

Com a questão do mercado decidida, pode-se já fazer o balanço do que aconteceu. Primeiro vieram as promessas de uma discussão com os munícipes, ainda no tempo do ex-presidente. A ideia foi várias vezes reforçada pelo Vicente. Surgiu depois a possibilidade de compra (apressada) das instalações da FEIS, depois de terem avançado com a proposta de…

As promessas… vãs

A Cidália parece empenhada a substituir-se à câmara nas funções de dar informações. Mal tinha acabado de ser decidido, já a Cidália estava a dar a conhecer na sua conta do Facebook que a câmara tinha decidido o local do mercado. Escreveu ela que é nas “imediações” do actual espaço. Como estamos em ano de…

Rectificação

Quando há pouco escrevemos sobre a decisão, cometemos uma incorrecção que importa rectificar. O local decidido para o mercado é o assinalado no mapa que agora exibimos e não o que surge no post anterior. Como foi falado na reunião como sendo uma das alternativas, ficámos com a ideia de que a decisão apontaria para…

Decisão tomada. E agora?

Por maioria, a câmara decidiu que o resultado do ‘inquérito’ que foi feito a 400 pessoas deverá ser respeitado e a localização do mercado, que um dia será construído, foi decidida. Não podendo ser onde está, poderia ir para o espaço que está abandonado, mas que deveria ser entregue ao ex-vereador Artur. Já se sabia…

Mercado aprovado

Na reunião de hoje foi aprovada a localização do novo mercado. Hoje ficou decidido que irá ser nas proximidades do actual mercado, entre o estádio municipal e a Rua da Indústria. Votaram contra o Logrado e o Santos. 00 Seguir ( 0 Seguidores ) X Seguir E-mail : * Seguir Deixar de seguir

Fica bem

Atrevemo-nos a dizer que não há nada mais importante do que as crianças. Mais importante do que a politiquice que ao longo do ano vão enchendo as agendas dos políticos, mais importante que os resultados de futebol, as crianças são aquelas que maior atenção deveriam ter. Há instituições que estão encarregues de lidar com os problemas…

Presidente?!

Hoje no DN é possível ler-se uma entrevista do Aurélio. Fala da sua candidatura, das dificuldades dos movimentos independentes e do que quer, mas o que mais salta à vista é o DN identificá-lo como “Aurélio Ferreira, presidente da Câmara da Marinha Grande”. Será que o DN conseguiu ir ao futuro e já tem os…

Para que serve?

Quando se fala na Assembleia Municipal fica-se um pouco com a ideia de que é um local onde alguns eleitos vão picar o cartão e pouco mais. Para além de ser um local onde há quem aproveite para ver jogos do Benfica, a AM tem vindo a perder importância junto dos munícipes. Evidência desse facto…

Um dia, quem sabe!

Em Março do ano passado, um munícipe foi à reunião de câmara e mostrou preocupação com o que se passa atrás do ‘parque da Mobil’ com as árvores que, naquela altura tinham já uma dimensão considerável. Naquela altura o Vicente disse que “está previsto a sua requalificação, com o interface de transportes urbanos. Eventualmente algumas…

Esquecimento conveniente

Há pouco a Cidália escreveu que “está a decorrer no nosso auditório do estádio a primeira assembleia geral deste mandato da Federação Portuguesa de Judo com representantes de todos os clubes do Nosso País. É o reconhecimento e visibilidade do nosso concelho, assente no seu trabalho em prol desta modalidade“. É bom sinal que aqui…

Vergonhoso

Quando pensamos nos que elegemos, vem-nos à ideia que eles são eleitos para nos representar. O local onde os eleitos nos representam é, pelo que diz a Constituição, nas Assembleias. Seja na nacional, na municipal ou nas freguesias, é lá que está o poder do povo. Elegemos para que nos possam representar nas decisões importantes…

Sozinho

Ontem, na Assembleia Municipal, notou-se mais uma vez que o Logrado está sozinho. Os deputados do movimento que ele iniciou assumiram, na votação da alteração ao regulamento para os apoios à industria, uma posição contrária à que ele tinha assumido em reunião de câmara. Se da parte do PSD se entende que tenham ido num…

Maus indícios

Sabe-se que os partidos têm por hábito mandar fazer sondagens antes das eleições e mesmo antes das pré-campanhas terem início para poderem ficar com uma ideia sobre o que os espera. Pelo que tivemos conhecimento, o PS nacional já tem dados sobre o cenário que aqui na terra se perspectiva. As coisas não estão boas…

‘Namoro’ à vista?

Há frases que pouco significam, mas há aquelas que podendo querer dizer pouco, têm muito significado. Sabe-se que o Santos não vai mais ser candidato pelo PSD. Há uns tempos ele escreveu que iria andar por aí, como que dando um recado aos que pensam que ele vai sair da política. Sabe-se também que tudo…

As respostas do mercado

Aos poucos vamos conseguindo saber quais os resultados do que foi o estudo sobre a localização do mercado. Já hoje o Vítor escreveu sobre isso e conseguimos ter mais alguma informação. Dos 400 inquiridos, a maioria efectivamente opta por uma localização próxima do local onde estão as tendas. Quando o estudo for tornado público passaremos…

Lido por aí XCVI

«JSD de Braga acusa deputados de “tomada de poder” com filiação relâmpago de 124 jovens para tentar ganhar uma eleição. Secretária-geral diz-se “de consciência tranquila”. Há guerra na JSD. Depois de as eleições para a Juventude Social Democrata de Braga, realizadas no verão passado, terem sido declaradas nulas, a comissão política da ‘jota’ bracarense lançou…

As perguntas do mercado

Sabe-se que do ‘estudo’ que foi feito a maioria dos 400 inquiridos escolheu o mercado nas proximidades do actual. Não se conheciam as perguntas que foram feitas. Soubemos hoje quais foram: “O presente inquérito destina-se a avaliar o modelo futuro para o novo mercado municipal da Marinha Grande. Em primeiro lugar gostaria que me dissesse…

Diálogo não leva a nada

“Entrar em diálogo não leva a nada“. É isto que pensa o Vicente sobre a participação dos munícipes nas reuniões de câmara. Os monólogos sempre foram a forma mais eficaz de se imporem as vontades dos ditadores. Raras vezes vimos isso expresso de forma tão clara! 00 Seguir ( 0 Seguidores ) X Seguir E-mail :…

Três anos passaram!

Muitos recordar-se-ão desta imagem. Foi antes de ter sido construído um jazigo que, pelo que depois de viu, excedeu as dimensões e a passagem a pessoas com dificuldades de mobilidade. Apesar de ter sido dado conhecimento à câmara, nada foi feito e a construção avançou. O assunto foi levado a reunião de câmara e, passados…