É só um “supônhamos”!

Quem não se lembra do escândalo com o antigo director do FMI? Por causa disse ele deixou de poder ser o candidato às presidenciais francesas. Isto porque se pressupõe que um político é alguém sério; que, quando são casados, não se envolvem em relações extra-conjugais; que, quando o fazem, sabem que perdem credibilidade e não devem continuar no cargo. E…

Boys… onde?

Há uns anos falava-se muito nos boys do PS. Aqueles que eram colocados em lugares chave da economia nacional. Hoje sabemos que para a EDP vai o ex-ministro das finanças e aquele que negociou com o PS os acordos. Nada já nos espanta mas depois de vermos que, mais uma vez, é um boy, agora…

E passamos por onde?

Quando há muitos anos tiramos acarta de condução, aprendemos que aqui se conduz pela direita. Aprendemos que os sinais de transito estão colocados no sentido de marcha. Hoje passámos numa das muitas ruas aqui na terra e tivemos que parar porque ficámos sem perceber o que fazer. Se por um lado tínhamos a indicação de via de sentido único,…

Um bom…

Quando há uns anos andávamos na escola, aprendemos que há coisas que não se dizem em público. Aprendemos também que quando se tem determinadas posições, há coisas que não se podem mesmo dizer. Mas isto foi-nos ensinado a nós. Quando lemos que um deputado na Assembleia da República expressa a sua opinião num local publico,…

Quem manda?

Veio agora a noticia de que o PSD terá mandado apagar referências entre a Maçonaria e as secretas no relatório que estará para ser apreciado. Muitas vezes se questiona quem estará por detrás de muitas decisões que são tomadas e quais os motivos que verdadeiramente determinam uma tomada de decisão. Quando agora aparecem estas noticias, não sentimos…

O “Pingo Doce” emigrou

Ontem lemos algumas criticas ao facto de a totalidade do capital social do grupo detentor do Pingo Doce ter vendido o seu capital a uma empresa do grupo mas com sede na Holanda. Qual é o espanto? A EDP não é chinesa? O Passos não aconselhou emigrar? São estas coisas que temos muita dificuldade em…

A fuga e a desilusão

Faz hoje anos que se deu uma das fugas do Forte de Peniche. Com o auxilio de membros da clandestinidade aqui da terra, aquele que veio a ficar conhecido por dizer que “olhe que não, olhe que não” a um dos maiores responsáveis do estado em que o país se tornou, fugia da prisão. Goste-se ou…

Reciclagem obrigatória

Com a publicação vigor do orçamento para este ano, ficámos a saber que a partir de agora cada serviço público tem obrigação de, sempre que houver, usar material reciclado e reciclar. Vai ser lindo ver isso nos hospitais, há pois vai! O que até agora  seria uma atitude ecologicamente bem entendida, passa a ter força de lei.…

A vida é injusta

O ano começou mal em muitos sentidos e não podemos aqui deixar de apresentar as condolências à família de um dos destacados representantes dos moldes. Perdeu-se o dono de uma das empresas que conseguiu manter-se, apesar da crise, dos mexericos e das insinuações. As homenagens prestam-se em vida e não com a morte pelo que nada do…

T D T

Este mês quem não tem televisão por cabo, vai ter que desembolsar para poder continuar a ver televisão. Quando ouvimos falar nesta coisa nova pensámos que iríamos ter mais canais e mais serviços. Não! É o mesmo, podendo passar a ter melhor qualidade de imagem. Os programas, esses são os mesmos. Neste ano de crise, a televisão…

Bom ano

E cá chegámos ao ultimo dia do ano. Momento de tentar prever o que irá acontecer em 2012. Sabemos que as medidas que têm vindo a ser anunciadas irão entrar em vigor amanhã e que tudo deixará de ser como era. O cenário é negro. Por cá, o cenário não melhora. Tudo se deverá manter…

Há frases infelizes!

Só hoje folheámos o jornal cá da terra. Mais valia não o termos feito. Ao longo dos últimos meses temos vindo a sentir que o ano que agora vai começar não tem nada de bom. Depois de lermos o que são os desejos dos nossos autarcas, ficamos ainda mais preocupados. Quando o objectivo de um…

O pirata da Madeira

Desta vez são os madeirenses quem vão pagar. O aumento do IVA e dos impostos sobre o rendimento passam a estar iguais aos do “contnente”. Ontem faltavam 80 milhões até ao final do ano ou não eram feitos pagamentos mas ainda assim foram gastos três milhões em fogo de artificio e foi concedida tolerância de ponto! A…