Estamos vivos… mas pouco

No cenário politico actual é interessante ver-se como há ainda quem tente dar um sinal da sua graça. Esta semana o Brito surge com um texto no jornal que serve apenas para lembrar alguns de que ainda existem. Quando vemos que há um qualquer escrito de uma força politica esperamos que dali saia alguma coisa…

A lady

Genuina ou mal educada? As opiniões dividem-se. Os seus apoiantes da Vieira acham que é porque é mesmo assim. Sem que tenha renunciado à sua actividade, a forma como muitas vezes fala nas reuniões de câmara mais parece ser a forma como se fala no local onde ainda vai fazendo uns biscates. A forma como…

Lido por aí CXLIV

“EM JEITO DE RESPOSTA Caros Nelson Araujo e Célia Faustino Guerra na impossibilidade de comentar directamente nos posts que fizeram nos vossos Facebooks pessoais deixem-me que vos diga que não, não foi a Vereadora que informou o Largo. Quem o fez fui eu, eu é que informei o Largo e vereadores do cancelamento do corta-mato,…

Mais um entrave

Há muitos meses foi feito o ‘estudo’ com a inquirição de alguns munícipes utentes do mercado para que fosse decidida a localização do mercado. A maioria escolheu que ficasse nas imediação do local onde hoje estão, desde há muito, as tendas. Pareceu-nos que o assunto ficou arrumado e que tudo estaria dependente do projecto. Segunda…

A resposta

Como que em resposta ao que escrevemos, eis a explicação da Célia, escrito ontem às 22:36 no seu perfil do Facebook: “E pronto! Vamos lá repor a verdade…. tal como informei a vereadora Alexandra ,às 17.32, quando me telefonou a questionar sobre este assunto: o corta mato escolar que costumamos realizar em março, este ano,…

Tristeza!

É normal nas redes sociais e até aqui lerem-se comentários menos abonadoras para com os eleitos. É um dos preços de se viver em liberdade. Já não é normal nem de bom tom que um eleito, dirigindo-se a outro, afirme que o eleito é um triste ou que teve um comportamento que é uma tristeza.…

Como matar actividades

A imagem diz respeito ao corta-mato que o ano passado teve lugar na Páscoa. É já uma tradição que na Páscoa se faça o corta-mato. Bom… é não, era! A Célia decidiu que as crianças estão muito cansadas e, por isso, da Páscoa, o corta-mato vai passar lá para Outubro ou Novembro, quando começarem as…

Em cima da hora

Como se previa, o tema quente de hoje leou a que, desde o intervalo, se estivesse a falar do mesmo assunto e a reunião esteja interrompida há mais de uma hora para que a Célia tente fazer agora aquilo que não fez desde que o assunto tem vindo a ser falado. Este assunto, esta interrupção…

Os tiques

Repetidamente a senhora presidente de câmara insiste em mostrar a arrogância fazendo uso do poder que tem de conduzir a reunião para que não responda às questões que lhe são colocadas pelos vereadores da oposição. Ali vê-se que os sorrisos que tenta mostrar que tem quando cá vêem os senhores de Lisboa são dirigidos apenas…

Olhos que não vêem..

Desde há muito que não se pode passar nas estradas do pinhal. Mas mesmo que as estradas esitvessem abertas, na zona da Ponte Nova só mesmo de helicóptero. A imgem, sem grande qualidade, mostra, no entanto, o estado em que está a zona da ponte. Se houve algum azar e os bombeiros tiverem que passar,…

A ajuda

Naturalmente que não somos insensíveis ao que se passa em Moçambique. A semana passada lembrámos de, juntamente com outras instituições aqui do concelho, promover a angariação de bens. Contactámos a Cruz Vermelha para ver até que ponto poderiam dar depois seguimento ao que pudesse ser recolhido. Recebemos a resposta. Não precisam de bens mas sim…

Escuteiros de fora!

Ainda sobre a proposta de cedência de instalações que segunda vai ser discutida, ela vem no sentido de apenas serem atribuidas a duas associações, excluindo os escuteiros. Afinal sempre parece que tinha fundamento o que os munícipes, aqueles que foram acusados de não dizer a verdade, afirmavam de que as instalações lhes tinham sido prometidas.…

A cedência

Na última reunião de câmara colocou-se a questão da cedência da escola básica dos Outeiros. Entre a troca de argumentos, ficou-se sem saber quem mentia. Segunda o assunto vai ser discutido e não será difícil prever que não será um tema pacífico. Vai ser interessante ver-se qual a solução que é proposta quando há três…