Lixo e mais lixo

Em muitos locais do concelho é fácil encontrar-se lixo pelo chão. Naturalmente que muito do que se vê é também por falta de civismo dos munícipes que preferem colocar lixo no chão a esperar que os contentores sejam despejados. Mas há situações em que não têm escolha. Nem todo o lixo é passível de ser…

O estado da terra

Há imagens que explicam de forma magistral o estado em que o concelho se encontra. Quando se passa na principal avenida pode ver-se qual o cuidado e zelo que a câmara tem com a imagem e com segurança de quem aqui vive e circula. Um semáforo preso por ferros e fitas é o melhor que…

Um dia…

Quem frequenta o centro tradicional já deverá ter percebido há meses que o café ao lado da Casa da Cultura deixou de funcionar. Depois de alguns pedidos para que fosse reduzido o valor da renda, a ausência de movimento no centro levou ao encerramento. Claro que o encerramento daquele espaço não tinha que ser uma…

Os números

Muito se tem lido e falado sobre a revisão que foi aprovada com os votos favoráveis do PS, abstenção do PCP e voto contra do MpM, mas não foi dado ainda a conhecer aos munícipes aquilo que está em causa. Deixamos, por isso, o que são os números que estão em causa.

Identificação!

Tivemos conhecimento que está a ser pedido à entrada dos serviços camarários, melhor dizendo, no próprio edifício da câmara a identificação de quem quer lá entrar. Desconhecem-se as ordens que foram dadas por parte de quem coordena os serviços, mas não deixa de ser algo estranho. Em vez de facilitarem o acesso dos munícipes, parecem…

Duas faces

Na assembleia municipal o Curto fez afirmações que podem ser entendidas como tendo sido em defesa do executivo camarário. Quase todas as situações têm quase sempre duas versões e parece-nos útil que possamos dar a conhecer tudo.

A conveniência das festas

As festas da cidade têm mais um dia o que faz com que vá cair mesmo em cima da quinta-feira da ascensão. E que conveniente isso é! A Célia tem-e desdobrado em argumentos para justificar que este aumento de um dia serviu para satisfazer uma pretensão das colectividades que reclamavam por mais um dia. O…

Desvirtuação

A democracia faz-se com os partidos e movimentos. Tirando o Presidente da República que é escolhido de forma individual, não há eleitos que possam ser escolhidos sem que esteja integrados em listas. Neste momento vive-se uma situação que desvirtua as regras democráticas. Dois eleitos saíram dos partidos / movimentos que integravam e estão a ocupar…

Dia de S. Nunca

Creche na Ivima, antiga promessa do PS e da Cidália. Já vem do anterior mandato, do pelouro da Cidália, a promessa da criação da creche naquelas instalações. O problema é que não se vê nada a ser feito. Hoje pode ler-se que o motivo de estar tudo parado, apesar de dever estar já construído, é…

Bom exemplo!

É indiscutível que as estradas do concelho estão uma miséria. Todos o reconhecem. Sempre que vemos uma obra a ser realizada por particulares ficamos sempre à espera que surjam as habituais valas para que se façam as ligações ao saneamento, gás e tudo o mais que é necessário. Há dias passámos numa da estradas da…

Encostado à parede

Na reunião de segunda o Aurélio foi encostado à parede. Já se sabe que todos os assuntos que tenham a ver com atribuição de apoios não tem o voto favorável dos vereadores do MpM. A abstenção é sempre a opção que tomam. Entende-se que seja difícil votar propostas tão díspares como as que surgem nas…

Inúteis

Quando há munícipes que se dispõem a ser candidatos a um qualquer cargo, presume-se que eles tenham alguma coisa a dizer, que tenham opinião e que estejam disponíveis para intervir em defesa daquilo em que acreditam. Quando assistimos às reuniões da Assembleia Municipal vemos ali uma série de munícipes que integraram as listas e que…

Abandono

Ficou-se ontem a saber que a João abandonou o + Concelho, deixando de estar na AM em representação desse movimento, passando a fazê-lo em nome individual. Este abandono era mais ou menos previsível tendo em conta o facto do +C estar cada vez com menos pessoas a segui-lo. O que não deixa de ser estranho…

Estudantes

Na semana passada ficou-se a saber que é intenção da câmara comprar a antiga Albergaria Nobre, por cerca de 250 mil euros, e transformar aquele espaço numa residência de estudantes. Articulando essa intenção com o que foi dito há umas semanas pela presidente para o que pensa colocar na antiga FEIS, fica-se sem perceber afinal…

Ainda a execução orçamental

A semana passada, na reunião de câmara, a Cidália afirmou que este ano há menos cerca de um milhão de euros do que o ano passado do saldo de caixa para transferir. Usou esse argumento para defender a ideia de que foi feita mais obra do que o ano passado. Naturalmente que quando há o…