Coisas estranhas

CuriosoPS, TUMG7 Comentários


Há coisas que são difíceis de entender. Como é óbvio, tirando as reuniões de câmara, vivemos em democracia e a liberdade de expressão está assegurada. Quem quiser viver em ditadura basta candidatar-se a um qualquer órgão do qual a Cidália possa ser presidente. Mas, dito isto, sem que se possa por em causa a liberdade de expressão, não deixa de ser estranho ver-se que a presidente da empresa municipal tem vindo a assumir uma postura de defesa partidária que nos parece afastar-se das suas funções de presidente de uma empresa municipal. A Fátima é nomeada para o cargo e é estranho vê-la assumir posições de confronto com eleitos e com as suas ideias, concorde ou não com elas. A presidente da empresa municipal mais não é do que uma girl cujo cargo tenta segurar com o seu cartão de militante já que se tem percebido que a empresa municipal mais não é do que uma extensão da câmara para onde esta despeja o dinheiro que é necessário, sem que se veja qualquer espécie de inovação ou outras actividades que tornem a empresa menos deficitária. É estranho ver a presidente da empresa municipal estar a cuspir no prato que, em teoria, poderá vir a ser quem lhe dá comer. Fica a sensação de que se instaurou um estado de impunidade onde tudo vale para que se ganhe eleições e, de preferência, se possa manter o cargo. Ainda que possa não existir nada que impeça a presidente da TUMG de fazer politica como está a fazer, a sua actuação é, no mínimo, eticamente incorrecta.


Seguir
( 6 Seguidores )
X

Seguir

E-mail : *

Comentar com conta do Facebook

comentario(s) no Facebook

7 Comentário em “Coisas estranhas”

  1. Avatar

    Punhal nas costas com o alto patrocínio do Dr. Araújo, que lhe ampara os golpes no boicote à fraca acção da Cidália para garantir a rápida mudança de peças no xadrez socialista nas próximas autárquicas!

  2. Avatar

    Chama-se TACHO!
    Fica lhe é mal, porque dá muito nas vistas.
    Mas o PS anda com uma GRANDE equipa nas redes sociais, vão dizendo mal dos que podem, podiam era não mentir (para variar).

  3. Avatar

    É uma funcionária da câmara a quem este PS deu um ordenado chorudo, para fazer campanha e puder ser membro da concelhia.
    Tenho vergonha de dizer que sou socialista na Marinha Grande

  4. Avatar

    A administrativa que virou administradora porque é militante socialista. Até o concurso de admissão foi viciado pelo PCP em troca de um lugar à falecida funcionária comunista para equilibrar favores a ambos os partidos. Tudo feito à medida das necessidades entre poderes locais instalados pós 25 de abril.. Até quando estes favores e cunhas? A que custo?

  5. Avatar

    Não são estranhas as coisas, são podres. Imagino todos os segredos escabrosos que esta fulana deverá saber para apertar os ditos a alguns dentro do partido! A sua ambição desmedida dá nisto: esmaga o pouco de genuíno na política local em prole dos seus interesses pessoais, para refutar a sua inferioridade e insegurança por ser só uma administrativa com cunha, num poleiro provisório enquanto o partido onde é militante ainda está no poder. O futuro ditará mais uma guerrilha no partido. É esperar sentado e assistir ao galinheiro sem penas, mais uma vez!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

  
Please enter an e-mail address