Presencial com infectados!

CuriosoCMMG6 Comentários


Durante semanas a fio a oposição tem vindo a reclamar por reuniões de câmara presenciais. Durante o mesmo período de tempo, a presidente teimou em fazer as reuniões à distância. Agora que há, conhecidos, dois casos de infecção no seio da câmara e que todo o executivo está em isolamento, a Cidália convoca reunião presencial! Bem sabemos que na última reunião foi decidido que as reuniões iriam ser realizadas num modelo misto, mas não faria mais sentido que, numa altura em que 4 elementos do executivo não podem estar presentes, se mantivesse a reunião, excepcionalmente, com todos à distância? Como vai a Cidália controlar a reunião à distancia se três vereadores estiverem presencialmente nas instalações da câmara? Até em termos logísticos os custos são superiores, desnecessariamente. Não havendo informação de que as instalações da câmara foram alvo de desinfecção, irão os vereadores querer estar em locais onde estiveram pessoas infectadas? Há coisas que não fazem sentido! Não fazia sentido o que estava a acontecer, como não faz sentido o que agora vai acontecer. Em momentos excepcionais justificam-se as medidas excepcionais!


Seguir
( 3 Seguidores )
X

Seguir

E-mail : *

Comentar com conta do Facebook

comentario(s) no Facebook

6 Comentário em “Presencial com infectados!”

  1. Avatar

    Como estava, era mau.
    Que se mudasse.
    Agora mudou, é mau na mesma.
    É a chamada teoria da psicologia invertida inopinada divergente.
    Situem-se, pah!

    1. Avatar

      Habitual, mimada, teimosa, autista, ditatorial, estupidificante! A Cidália a caminho do 2º mandato, no seu melhor.

  2. Mas então em que ficamos?
    A oposição nomeadamente o PCP tem “exigido” reuniões presenciais tanto do executivo como da Assembleia Municipal.
    Foi assim antes para justificar a Festa do Avante e agora se calhar par justificar acções de rua dos seus sindicatos.
    Ninguém contestou esse comportamento, agora 1ue a Presidente convoca uma reunião mista aqui d, el rei.
    Pronto é o que temos

    1. Curioso

      Caro Anónimo. Tal como escrevemos, situações excepcionais justificam medidas excepcionais. Não cremos que algum dos eleitos, perante a situação actual, fosse levantar problemas pelo facto de a reunião ser realizada sem que estejam presentes no mesmo local. Haja bom senso.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

  
Please enter an e-mail address