Incompetência, que mais poderia ser?

CuriosoCMMG2 Comentários


Há muitas semanas a Cidália quis anunciar que a Câmara iria dar as fichas de apoio ao estudo uma vez que o Governo vai dar os livros. Anunciou, mas o assunto ainda não foi decidido em reunião de câmara e, como tal, nada pôde ainda ser entregue. O motivo é simples: incompetência. Esta semana houve mais uma reunião extraordinária para deliberar tal matéria, mas não decidiram nada porque, mais uma vez, a Cidália / Célia não conseguiram levar o assunto bem preparado para que pudesse ser votado. Como consequência, vai haver uma nova extraordinária segunda, imediatamente antes da reunião ordinária. Mas é interessante perceber-se o motivo. Há uns meses a Cidália rejeitou as competências que o Governo quis passar para a autarquia em matéria de educação. Significa isto que a Câmara não pode, sem mais nem menos, estar a dar fichas de apoio ao estudo. O processo não ia acompanhado de um parecer que justificasse de forma eficaz a oferta das fichas e, depois de muito tempo de discussão, a Cidália interrompeu a reunião para que fosse emitido um novo parecer. Só que, como a discussão demorou muito tempo e só mesmo perto da uma da tarde é que a Cidália deu o braço a torcer para a obtenção do novo parecer, nada pôde ser decidido e teve que ser agendado para segunda a continuação da reunião. Claro que a Cidália está entalada porque prometeu dar as fichas, mas o ano escolar já começou e das fichas não há nem cheiro. E só pode culpar-se a ela própria. Por um lado queria que a medida fosse aprovada, mesmo sem parecer devidamente fundamentado, mas por outro agarram-se às legalidades para bloquear os apoios às colectividades, como se pôde ler esta semana a Célia a afirmar! A Cidália sai mal nesta fotografia e, uma vez mais, o assunto emperra no Jurídico da câmara. Aliás, pelo que se tem conhecimento, a ‘girl’ que a Cidália contratou para chefiar o jurídico parece ser um dos grandes entraves a que os processos saiam mais rapidamente das secretárias e, quando saem, vêm sempre coxos! O cartão de militante parece não vir automaticamente acompanhado de canudo. Mas voltando ao início, a Cidália meteu os pés pelas mãos quando anunciou a entrega dos manuais sem que tivesse uma decisão que lhe desse poder para o fazer. Mais uma vez fica claro que a ausência de discussão dos assuntos entre todos os eleitos leva a que, pela arrogância da presidente, as decisões sejam arrastadas pelo tempo desnecessariamente. Este executivo pode resumir-se a uma simples frase: nunca tão poucos fizeram tanta asneira!


Seguir
( 1 Seguidores )
X

Seguir

E-mail : *

Comentar com conta do Facebook

comentario(s) no Facebook

2 Comentário em “Incompetência, que mais poderia ser?”

  1. Avatar

    A Cidália não contrata ninguém! Coitada, se lhe perguntarem que dia é hoje nem saberá responder! Não sei como o partido não lhe faz a cama e passa à frente. Definha a cada dia e empata quem ainda quer fazer alguma coisita no concelho. Oh Caetano, como aguentas o fardo..

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

  
Please enter an e-mail address