Disco riscado

CuriosoCasa da Cultura, Célia4 Comentários


A Casa da Cultura vai retomar a actividade. A programação que está anunciada faz lembrar um disco riscado. Quem é responsável pela programação deve ter ‘assinatura’ com o Noiserv e os Dead Combo ou então é mesmo paixão, tantas são as vezes que aqui vêm! A responsável pela cultura há uns meses, quando confrontada com o assunto, disse não ter conhecimento de que são sempre os mesmos, mas, passados todos estes meses, parece não ter mudado nada. O disco riscado que é a programação da Casa da Cultura vai voltar a tocar sem que, passados todos estes meses, haja uma novidade que seja sobre a compra de bilhetes sem ser presencial. É mais um assunto que a Célia tem lá numa qualquer gaveta à espera de um dia ver a luz do dia.


Seguir
( 1 Seguidores )
X

Seguir

E-mail : *

Comentar com conta do Facebook

comentario(s) no Facebook

4 Comentário em “Disco riscado”

  1. Avatar

    Há gente com sorte na vida efectivamente.
    Que trabalho, teêm tido os responsáveis da Casa da Cultura, para justificar o seu salário nestes meses?!
    Tem estado a efectuar outras funcões, etc??
    ZERO, NADA!
    Têm estado em casa, de férias… ops. de prontidão…
    isto não deveria ser possível. só num estado de clientela política. é revoltante!
    QUEREM TROCAR!?!?!?

  2. Avatar

    A diretora da casa da cultura não dá duas prá caixa! Gosta de se armar ao pingarelho e só pensa no seu gosto pessoal e não do da população da marinha!

  3. Avatar

    E qual é a novidade? Não é só na casa da cultura. É em praticamente tudo o que fazem. A mesma receita repetida até à exaustão. Assim é só copiar de uns anos para os outros, enfiar lá mais uma coisita ou outra para disfarçar e já está.

  4. Avatar

    Já que aqui tanto se fala de discos riscados e programação repetida… algum dos presentes vai ver o concerto na próxima sexta-feira na casa da Cultura? Ou como não é um nome muito batido como Noiserv ou Dead Combo ninguém conhece?

Leave a Reply