Por cá há… incompetência

CuriosoCMMG4 Comentários


Leiria tem já em vigor o Fundo de Emergência Social para fazer face à crise criada pelo Covid. Por cá… estamos ainda como estávamos. Nada avança. Quando o fundo for finalmente posto em funcionamento deverá servir para a segunda vaga! Não conseguem fazer nada a tempo. Poderia dizer-se que é um problema comum a todos, que a culpa é de ser função pública ou mesmo que a culpa é por ser uma autarquia do PS. Mas nenhum desses argumentos é válido. Desde logo porque as condições que outros municípios têm são as mesmas que aqui temos. Se cá não há pessoal, nos outros também não. Todos têm trabalhadores que são da função pública e há câmaras do PS onde tudo funciona. Que leva então a que aqui seja a miséria que se vê? A resposta apenas pode ser uma: incompetência. A incapacidade de liderar, de mandar faz com que tudo ande ao sabor das correntes, sem que haja um motor que empurre para onde se quer. A presidente da câmara é incapaz de por o município a trabalhar a uma velocidade que não seja a de uma primeira com pouco acelerador. Passaram 3 anos e continuamos atrasados em tudo. Não há um único projecto que saia em condições ou a horas. Agora, numa situação de emergência, andam a arrastar uma coisa que se faria num par de horas. Melhor ainda, bastaria que copiassem o que outros fizeram, mas nem para isso têm competência ou esperteza. A presidente é incapaz de dar resposta às necessidades do concelho e isso vê-se em tudo o que tem acontecido. Poderá dizer que teve o azar dos fogos, do Leslie e agora do Covid, mas não é para lidar com assuntos complicados que se candidatou? Será que se poderia apenas esperar que fizesse a vidinha simples do assinar uma acta ou um contrato de adjudicação de obra para que pudesse mostrar que era competente? Óbvio que não! é nas dificuldades que se vê a capacidade de liderança e, nessa matéria, a Cidália falhou redondamente. Não foi capaz de bater o pé e exigir o que devia em relação ao incêndio. Tapou tarde os 0buracos0 criados pelo Leslie e agora, com o Covid, não foi capaz de dar resposta condigna nem atempada ao problema. Comprou máscaras para dar ao pessoal de combate na primeira linha que nem para limpar o cu servem (não é por acaso que eles não as usam); não foi capaz de fornecer máscaras reutilizáveis a tempo e agora anda a arrastar um fundo que poderia dar apoio a necessitados sem qualquer espécie de justificação que seja aceitável. A única coisa que têm sido capazes é concluir aquilo que há muito estava pendente e que, como já antes escrevemos, mais não é do que pressionar o botão. Dirão alguns que isso já é bom porque são coisas pendentes há muito. Poderão dizê-lo, mas será que foi apenas para isso que foram eleitos? Até para a simples piscina usaram aquilo que por lá existia! Ou seja, não só foram incapazes de lidar com as crises de forma adequada, como o que tem sido feito é a muito custo, tarde e porque são assuntos que não podem mais ser adiados. Coisas novas, nada! Chegamos ao ponto de ter saudades daqueles que no passado criticámos. Afinal eles até eram bons, quando comparado com o que temos agora.


Seguir
( 1 Seguidores )
X

Seguir

E-mail : *

Comentar com conta do Facebook

comentario(s) no Facebook

4 Comentário em “Por cá há… incompetência”

  1. Avatar

    O que pensará o Dr. Araújo, enquanto subordinado desta senhora e socialista convicto, sobre o conteúdo deste post?

    1. Avatar

      O Nelsinho subordinado!!!!!! nada disso, responsável exatamente como a presidente. Será que o presidente da concelhia só aparece quando as coisas estão bem!!

  2. Avatar

    Muita tem a Marinha Grande a aprender com Leiria, estou a referir-me à gestão camarária. A CMMG é amadora, joga na distrital.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

  
Please enter an e-mail address