ENCERRADOS…!

VilasCMMG, Covid16 Comentários


Em comunicado emitido na passada sexta-feira (03-07-2020), a Sr.ª Presidente do município da Marinha Grande anunciou o encerramento dos serviços de atendimento ao publico e todos os serviços à excepção das Escolas e Mercados Municipais a partir desta segunda-feira e por duas semanas (até 14.07.2020).
Ainda de acordo com este comunicado foi decido fazer a desinfestação das instalações e os trabalhadores colocados em tele-trabalho.

Mais uma oportunidade para colocarem o trabalho em dia, não?

Assim como a Senhora Presidente fazer o relatório da viagem a Cabo Verde.


Seguir
( 1 Seguidores )
X

Seguir

E-mail : *

Comentar com conta do Facebook

comentario(s) no Facebook

16 Comentário em “ENCERRADOS…!”

  1. Avatar

    Sim, sim… Praia, pesca, Netflix e descanso.
    Vida dura na função pública. Paga Zé!

    5
    2
  2. Avatar

    So digo uma coisa 1 infectado que nem sabem se esteve no gabinete! para toda uma autarquia! vai tudo para casa mesmo aqueles que estavam a milhas de distancia !Numa empresa no mesmo dia na Marinha Grande é tambem detectado um caso positivo concluido e rusomindo de toda a empresa vão 3 fazer o teste e que tem que pagar do seu bolso e o resto é para continuar a trabalhar e a bom ritomo! dois pesos duas medidadas ! Sera que o contagio é diferente dos privados para o sector publico?

    2
    2
    1. Avatar

      Onde é que ouviste essa de que não sabem se esteve no gabinete, oh burro? Claro que esteve no gabinete.

  3. Avatar

    A seguir é férias. Depois vem a segunda vaga…
    Lá para o Natal, a câmara abre outra vez, para dar os cabazes. E quem sabe depois, nas janeiras.
    Até lá, inventa-se para passar tempo. Alguns, muitos!
    A pandemia, para alguns, é férias e boa vida mais ainda!
    Salário e emprego garantido. Viva o Socialismo. Cada vez a fazer mais pobre, todo um país!

    2
    2
  4. Avatar

    Mais uma semana normal na CMMG : tudo em casa sem fazer puto e nós,os parolos dos municipes a pagar com os seu impostos para este gente estar meio ano de ferias !!! Se por cada caso agora for assim, e um ano em branco com ferias pagas (e ja faziam tão pouco…)

    2
    2
  5. Avatar

    “Um trabalhador da Câmara de Paços de Ferreira testou positivo para a Covid-19, indica o município em comunicado. O colaborador “tem ligações aos casos surgidos na Escola Básica n.º 2”, há vários dias.

    De acordo com a nota municipal, o trabalhador em causa exerce funções no edifício sede, pelo que “a Autoridade de Saúde Pública local decidiu, como medida preventiva, proceder, no dia de hoje, à despistagem de todos os colaboradores que prestam o seu trabalho no edifício sede”. A câmara municipal continua, no entanto, aberta ao público, de acordo com as normas da Direção-Geral da Saúde.”

    1. Avatar

      A Câmara está de portas fechadas. Actualize as suas informações antes de propagar mentiras.

  6. Avatar

    Socialismo no seu melhor. Uns a pagar a boa vida dos outros. Até haver dinheiro.
    Seremos todos, cada vez mais pobres!
    Miséria!!!

    2
    1
  7. Avatar

    Conheço gente lá dentro, que em tempos normais não fazia nada. Como serão agora, os dias desses “trabalhadores”?

    Viva Portugal 🇵🇹!

    2
    1
  8. Avatar

    Oh anónimo das 10:05: o que tem a ver o socialismo com isto? E se fosse o fascismo? A má liderança da Câmara tem a ver com quem lá está , como Presidente, que é uma lástima.
    Mas não tem a ver com ideologias. Deixe-se lá disso! Põe o mesmo comentário em muitos posts. Tem um propósito, bem sabemos.
    Mas olhe que não somos todos estúpidos.

    5
    2
    1. Avatar

      Gostamos tanto da esmola, e da dependência…
      É essa a essência deste Socialismo! Não aprendemos nada.
      O tempo dirá!
      Bancarrota à vista.

      2
      2
    2. Avatar

      Tem tudo a ver!
      Onde está a igualdade do Socialismo, perante outros cidadãos? Os do privado, que perdem empregos e teem a sua vida em suspenso devido à economia que irá entrar em colapso!? Nunca o futuro foi tão incerto.
      Nada disso preocupa o funcionário público. Tem tudo garantido, e agora fica em casa… No relax!
      Que sociedade é esta que coloca intocáveis uma sua larga franja, e remete a outra para a incerteza absoluta, e sem forma de escapar aos riscos da doença? Estes outros, tem de apanhar transportes públicos, produzir, atender clientes… Tentar fazer, com a segurança possível, o dia a dia. Dar o litro pelo seu trabalho e salário, expostos ao perigo.
      Que faz o estado?
      Fecha. Pura e simples.
      Viva o Socialismo, e a igualdade…
      Vale tudo para manter a base eleitoral, e o poder.

      2
      1
  9. Avatar

    Anónimo das 15:13: então a solução é acabar com os funcionários públicos? É isso? E depois? Quem nos presta o serviço que eles nos prestam? Os privados? Pois… é aí que você quer r…. Tudo para os Grande grupos económicos.
    E um serviço péssimo à população.
    Quer exemplos? olhe os CTT. Desde que foram privatizados são a maior porcaria em termos de serviço. Porquê? Porque como o que importa é o lucro dos fundos de investimento devoradores que os compraram , toca a despedir pessoal para poupar…. E olhe que, tendo sido detetado COVID nos CTT da Marinha, também fecharam…E usaram o lay off para comer dinheiro aos contribuintes, a todos nós, ao Estado!
    O anónimo ou é ignorante, mal informado, ou gosta de ser enganado ou então defende mesmo isto … E aí, se é um comum cidadão como eu, trate-se, porque parece de doença mental…
    Por isso vá lá apregoar a sua lengalenga reacionária para outro sítio e pense nisto.

    3
    1
  10. Avatar

    Anónimo das 8:14, penso que entendi o anónimo das 15.30, a questão não é acabar com os funcionários públicos, a questão está na diferença
    de regalias e protecções que existem entre o publico e o privado. É um debate que se tem de resolver na sociedade portuguesa. Ou os funcionários públicos têm de perder regalias ou os funcionários privados têm de ser equiparados. Tudo é possível de se realizar, mas assim temos uma sociedade de primeira e outra de segunda. Porque não possibilitar os funcionários privados de descontar para a ADSE e poderem ter também
    as regalias que outros têm? Porque não haver a mesma protecção laboral que os funcionários do estado têm? Tudo são questões que se prendem com uma reforma do estado que teima em não ser feita.

    1. Avatar

      Pelos comentários, percebe-se bem quem nunca teve um negócio…
      Enquanto não percebermos como o salário do fim do mês à conta de um funcionário público ou privado, é escusado.
      As ideologias, não metem comida na mesa!

  11. Avatar

    Anónimo das 12:31: pois claro! Mais regalias para os trabalhadores do privado! Concordo! Mas agora vá lá dizer isso aos grandes grupos económicos e aos partidos de direita que os defendem! Por isso não percebo o anónimo que grita contra a esquerda! É a esquerda que defende isso mesmo no Parlamento! Votem na esquerda ( que não é PS pois este partido no poder há muitos anos, não altera isso)!!!

Deixar uma resposta