A queixa

CuriosoMatas12 Comentários


Aquilo que a autarquia deveria ter feito, foi-o por um munícipe que parece cansado de tanta letargia. Referimos à queixa que foi feita contra os responsáveis pela gestão das matas aqui no concelho na sequência do incêndio que destruiu quase a totalidade do pinhal. Na queixa a que tivemos acesso pode ler-se que “o ICNF mesmo durante o fogo continuou a estar mais preocupado em vender árvores pois cativou os seus recursos para fazer medições de árvores para serem abatidas, em vez de vigilância e rescaldo do fogo” ou que “a preocupação do ICNF foi proteger as suas viaturas em vez de as pôr, por exemplo, ao serviço dos bombeiros, para que estes pudessem proteger a MNL e as populações, pois como disse o comandante, não tinham meios suficientes para acudir a todas a situações“. O munícipe chama como testemunhas os diversos presidentes de câmara desde 2003, os comandantes dos bombeiros desde 2003 e mais uma série de pessoas com conhecimento dos factos. De entre os elementos a que tivemos acesso pode ver-se qual a receita que o estado teve dom o pinhal. Em 2010 foram arrecadados €1.605.096,00; em 2011 foram €1.628.596,00; em 2012 foram €679.181,00; em 2013 foram €1.446.670,00; em 2014 foram €461.625,00; em 2015 foram €962.401,00; em 2016 foram €1.326,425,00; em 2017 a 2019 foram €14.853.996,00. Não deixa de ser lamentável que a autarquia tenha andado com os responsáveis do ICNF nas palminhas, com se fossem heróis, e tenha que ter sido um munícipe a agir com uma descrição pormenorizada de factos que não deixam margem para dúvida quanto à responsabilidade dos que aqui andaram a comer almoços gratuitos.


Seguir
( 1 Seguidores )
X

Seguir

E-mail : *

Comentar com conta do Facebook

comentario(s) no Facebook

12 Comentário em “A queixa”

  1. Avatar

    Até pensei que tinha sido o macaco, mas não. O cidadão que apresentou a queixa tem-os no sítio.

  2. Avatar

    O que pensa “o pinhal é nosso” de toda esta situação.
    é estranho nunca mais esta associação se pronunciou pelo pinhal de leiria
    Tanta reportagem, entrevistas, fotos e outros e depois mais nada.

  3. Avatar

    Anónimo das 16:53 A Comissão Popular “ O Pinhal é Nosso”, cumpriu muito bem o seu propósito. Apresentou a petição na Ass da República, que foi discutida e aprovada e de onde saiu a criação do Observatório do Pinhal do Rei. Colocou o Pinhal na Ordem do dia e conseguiu que o governo se comprometesse a alocar o dinheiro extraído da venda da madeira, na nossa mata! Se a Autarquia não sabe agora reclamar face a estas conquistas, é mesmo pela
    inércia da Sra Cidalia. Mas isso já são outros quinhentos.

    3
    2
  4. Avatar

    E se o povinho soubesse como se refastelaram os do ICNF à conta do contribuinte aqui no concelho, ainda mais chamuscada ficaria a Cidália! Haja cartão de crédito da câmara para gastar à pala… VERGONHA PS

    2
    2
  5. Avatar

    Dentro de momentos, aparecerá aqui o comentário do Valada ou do Constâncio, ao serviço do ministro da propaganda Testas, devidamente concertado por sua iminência Araújo.

    Please wait…

    1
    3
  6. Avatar

    Mas qual observatório? Desde quando é que o observatório teve ou tem um papel pequeno ou grande nesta questão? Está tudo na mesma, ou pior, porque nada foi feito e tudo está a ser invadido por infestantes. Onde está o observatório?

  7. Avatar

    Anónimo das 13:11. Sabe porque é que o Observatório não funciona? Imagine la! Porque quem o lidera é a Cidália. É a ela quem compete dinamizar o Observatório. Claro que… nada acontece. Viu as duas últimas intervenções da Alexandra nas duas últimas reuniões de Câmara, sobre o Pinhal?
    E nem resposta da Cidália…
    Agora que se volta a falar no assunto, lá vai ela a correr marcar uma reunião do Observatório chama um Secretário de Estado, tira umas giros para o Face da Câmara e depois… depois… NADA!

  8. Avatar

    Observatório!?
    Deixa-me rir!
    Aquela barata tonta, nem sequer sabia o que dizer, ou como conduzir as reuniões.
    Uma NÓDOA!

    Aquilo, foi só para entreter o pagode.
    Como há imensa gente com sede de protagonismo, lá apareciam uns quantos, cada vez menos.
    RESULTADOS?
    OBSERVATÓRIO = ZERO!
    CIDÁLIA = ZERO!
    CMMG = ZERO!

    MARINHA GRANDE = CIDADE ADIADA!

    PS, a tornar a Marinha pequena à 12 anos, sem parar!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

  
Please enter an e-mail address