A definição

CuriosoCMMG10 Comentários


Temos andado aqui às voltas com a língua Portuguesa para encontrar um termo que defina este executivo camarário. Procurámos em todo o abecedário e em centenas de palavras. A única definição que encontrámos e que melhor se ajusta a tudo aquilo a que temos assistido define-se numa única palavra. Não temos ideia de termos tido um executivo que, com tanto dinheiro disponível, tenha conseguido tão pouco e de forma tão má. Nem mesmo com contratações milionárias para tentar limpar a imagem conseguem que ela seja limpa. Claro que não seria de esperar muito de uma senhora professora primária, de um ‘gestor’ que nada conseguiu gerir (nem a si) e de uma vendedora de peixe e professora de educação física que, sem saberem ler nem escrever, têm 41 milhões de euros à sua disposição! Nunca um quadro de executivos e seus assessores foi tão mau. E o pior é que até se arriscam a voltar a ganhar eleições, não por mérito próprio, mas por incapacidade da oposição de fazer o seu papel.


Seguir
( 2 Seguidores )
X

Seguir

E-mail : *

Comentar com conta do Facebook

comentario(s) no Facebook

10 Comentário em “A definição”

  1. Avatar

    A Madrinha, como é tratada a Cidália por alguns lambe botas do PS, pediu ao ICNF para limpar os parques de merendas e outros locais do Pinhal do Rei para os Marinhenses comemorarem em pic-nic’s o Dia da Espiga, estando a borrifar-se para o estado de calamidade decretado pelo seu governo.
    Lá vai ter de ser a Delegada de Saúde a proibir esses pic-nic’s.
    Não sei os motivos mas isto parece mesmo uma perseguição da Madrinha á Delegada de Saúde.
    A Delegada de Saúde que se cuide… vai mesmo saltar do lugar ?????

  2. Avatar

    Vai saltar, se nós, munícipes, deixarmos! Já muita gente competente foi metida fora por esta senhora, para meter mais afilhados e filhos adotivos incompetentes. Acho que está na hora dos marinhense se começarem a manifestar, porque não tarda nada, está tudo minado de afilhados incompetentes.

  3. Avatar

    Já não é a primeira da Sra. Delegada da Saude; a casa Esperanza que o diga; perguntem o mal que ela tem procurado a esta associação que defende os animais graças ao esforços de voluntários e que por várias vezes foram ameaçados de sairem do local aonde estão sem qualquer proposição de outro lugar e assim ficarem com dezenas de animais sem abrigo. Uma mudança de delegada urgente mas mais professional.

    1. Avatar

      Mais uma afilhada da Madrinha !!!
      está tudo montado para a destituição da Delegada de Saúde !!!
      Os afilhados da Madrinha a atacar e a preparar a opinião pública, métodos do antigamente de má memória ????

  4. Avatar

    Parabéns Sra delegada, excelente trabalho, viu o que o executivo não consegue ver, local de mercado impróprio. Desculpem discordar, o executivo não é incompetente, eles são naturalmente assim. Na Marinha Grande qualquer candidato pelo dos rosas arrisca-se a ganhar, a competência nada tem a ver, a camisola sim. No passado havia um bom, rosa também, mas com muita qualidade, Paulo Vicente, mas logo se viu que o arraial estava montado, e ele deu à sapatilha. Já se sabe quem é o futuro candidato pelo , será vencedor.

  5. Avatar

    A Marinha Grande bateu no fundo!
    Agora é escavar no lodo.

    O PS hipotecou esta cidade e as suas gentes.
    Compra tudo e todos que lhe possam opor.
    Compra a comunicação social, para a controlar.
    Enxota quem se lhe opõe, e arranja lugares para a sua família.

    O 25 de abril, deixou-nos aqui!
    Ainda tem vontade de celebrar? Eles agradecem.
    Como Marinhense, tenho vergonha! e você?

    1. Curioso

      Caro Anónimo. O 25 de Abril é responsável por nos ter trazido a liberdade, a liberdade que lhe permite escrever aqui o que quer. Não podemos assacar ao 25 de Abril a responsabilidade de existirem pessoas incompetentes.

  6. Avatar

    Muito bem Curioso. Anda por aqui uma malta do que quer confundir tudo, de propósito. Que culpa tem o 25 de Abril de haver Cidálias, e outras que tais, tão incompetentes? Pessoas incompetentes houve e haverá sempre, antes e depois do 25 de Abril.

  7. Avatar

    Há dois anos já o Chefe de Gabinete da Cidália e Presidente da Concelhia do PS descrevia assim o que hoje está aos olhos de todos.

    Camaradas e Amigos
    “Há seis meses atrás…
    …..
    Pretendia eu reforçar o apoio político ao Executivo na Câmara, mas também essa tarefa me parece cada vez mais difícil quando o Executivo, mormente a Presidente, não manifesta disponibilidade para escutar a voz do Presidente da CPC que é também o seu Chefe de Gabinete.
    E este é o ponto chave da minha mensagem hoje a todos vós que me acompanham na Comissão Política.
    Neste momento o Executivo está em «roda livre» e sem qualquer estratégia definida para a Governação.
    As decisões são tomadas de uma forma arbitrária, ao sabor das urgências diárias, sem calendarização de prioridades, sem agendamento político de grandes questões, sem discussão interna.
    ….
    A verdade é que a Oposição pressente a falta de interesse e de empenho da Presidente em assumir compromissos, em delegar competências… quando nem nos seus próprios Vereadores ela tem confiança plena e manifesta.
    ….
    Se sempre me assumi como candidato para «defender» o Executivo, para dar força e suporte a um Executivo minoritário, e não permitir que este fosse partidarizado, a verdade é que não posso ser cúmplice desta estratégia de «apagamento» do Partido perante o seu Executivo.
    O Partido precisa de reconquistar o seu espaço e de se afirmar perante o seus Eleitos.
    2021 está já aí à porta e por este andar não vamos longe…
    ….
    …..
    Saudações Socialistas
    Nélson José Nunes Araújo
    Leiria – Marinha Grande “

Leave a Reply