A app

CuriosoCMMG1 Comentário


Ontem a câmara lançou uma aplicação para visitar o museu do vidro através do telemóvel. Fomos dar uma vista de olhos à aplicação. Está longe de ser aquilo que esperávamos. O conceito de visita 360º que podemos encontrar em aplicações de outros museus nesta não existe. O que há são videos de alguns segundos, de baixa resolução, que ultrapassam a largura do visor, não permitindo ao utilizador ver tudo. A aplicação não tem opção de saída o que implica ter que se ‘matar’ a aplicação sempre que se quer sair. Não se consegue fazer rotação na aplicação para tentar ver a imagem noutro formato. É pesadíssima, 110Mb para descarregar, o que faz com que ocupe 208Mb (o que torna difícil a sua utilização em todos os telemóveis), o que faz com que seja difícil de perceber o motivo uma vez que necessita de ligação à rede para poder funcionar! Vale pela lição de história, mas não deixa de ser uma aplicação fraquinha que vale pela intenção. É pena que não seja uma aplicação que permita fazer a visita como o utilizador poderia querer fazer, caminhando pelo museu com visualização das peças expostas, com explicação das história de cada uma delas.


Seguir
( 1 Seguidores )
X

Seguir

E-mail : *

Comentar com conta do Facebook

comentario(s) no Facebook

Um comentário em “A app”

  1. Avatar

    Estava à espera de quê? Que aqui se fizesse bem feito como noutros municípios? Atrasados e incompetentes, como sempre. Nada de novo, portanto.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

  
Please enter an e-mail address