Que destino?

CuriosoCMMG6 Comentários


O ano passado, por esta altura, a autarquia era já a dona do que foram as instalações da FEIS. Passou um ano e, apesar de ter sido afirmado pela Cidália que iria haver um debate alargado quanto ao destino a dar àquele património, a verdade é que, até hoje, nem uma palavra foi dada relativamente ao momento em que esse debate irá ter lugar. Pelo contrário, são já muitas as vezes que a Cidália diz que ali quer colocar uma universidade, facto que não deverá estar alheio à compra da Albergaria Nobre para o fim que foi dito e tudo em ‘parceria’ com o instituto universitário de Leiria. Apesar de ter afirmado que o debate quanto ao fim a dar àquelas instalações, parece ser claro que tem já delineado um fim para aquele espaço. Aliás, é difícil não acreditar que tudo esteja já em marcha! O primeiro passo foi a compra do alojamento para que a seguir possa ser dito que é o local ideal para a universidade uma vez que até há já uma valência universitária por perto. Neste ano que passou já poderia ter levado o assunto a debate, mas a opção parece a de ter querido criar condições para que a sua ideia tenha mais condições para poder vingar e ser ali colocado o que está na sua ideia. Naturalmente que não afirmamos que a ideia é má ou boa. É uma como qualquer outra, mas não deixa de ser triste ver-se que, uma vez mais, tudo aponta para que não seja dada a voz ao povo, voz que foi prometido ser dada ou que, quando for dada, seja já com tudo preparado para que a decisão possa apontar num único caminho. O deixar o tempo correr é, aliás, uma das estratégias que é comummente usada para que os assuntos arrefeçam e, quase sem se perceber, se irem cirando condições para que a vontade de um se sobreponha à vontade de muitos. Teria sido importante que a presidente tivesse dado início ao processo de auscultação popular, tal como prometeu, em vez de ir dizendo, quase como mensagem subliminar, o que ali quer instalar.


Seguir
( 1 Seguidores )
X

Seguir

E-mail : *

Comentar com conta do Facebook

comentario(s) no Facebook

6 Comentário em “Que destino?”

  1. Avatar

    Estamos na época natalícia, é bom que o Curioso continue a acreditar no Pai Natal, como acredita nas intenções dessa espécie de presidente chamada Cidália.
    Agora é universidade, por aquela cabeça pintada de de loiro já passou a instalação do mercado, a construção das piscinas municipais (1 coberta e outra descoberta), um dormitório universitário… etc… etc… ela não tem ideias sobre nada, não sabe o que diz e não diz o que sabe (que é muito pouco)
    nos entretantos… manda umas bocas para o ar… há tempos foi a discussão pública sobre a FEIS… depois a localização do Mercado ( com aquela farsa montada em parceria com o Guerra Marques).. eu sei lá quantas anedotas essa senhora já nos contou … sendo ela a maior anedota da Marinha Grande a superar qualquer uma outra que se possa contar.

    7
    2
    1. Avatar

      Mas o que estavam à espera de uma professora primária reformada ( com todo o respeito) que não tem mundo, não tem ideias criatividade parou no tempo e não sabe sequer ligar um computador ?

      1. Avatar

        Nem um email lê… Ai se falha o padre e o testas, a reformada faz um workshop vip com mais um camarada socialista a pagar pelo contribuinte! São tantos os estudos que nada deram, mais um no spa ninguém dá conta..

  2. Avatar

    Acredito que as pessoas simpatizem com a Cidalia até pelos beijos que ela espalha por aí. Mas sinceramente, para Presidente de Câmara precisamos de gente capaz. A Cidalia não o é. Atrasa o Concelho. Uma pena.

Leave a Reply to Anónimo Cancel reply