CéliaNatal

Ontem foram inauguradas as iluminações de Natal aqui no concelho. Pelo que lemos ao final do dia, a Célia nem as luzes conseguiu inaugurar na data que estava prevista! Quase às dez na noite ela escrevia que “estamos no início…. mais 4 ou 5 dias e vai ficar fabulosa a nossa iluminação”. Ou seja, estão a fazer aquilo que lemos que o Governo também faz, inaugura por fazes a mesma coisa para parecer que fazem muito. Ontem andaram a tirar fotos daquilo que não conseguiram acabar a tempo. Tão mau quanto aquilo que agora existe é o facto de, sabendo-se que todos os anos há Natal que vem sempre na mesma data, não conseguem sequer inaugurar tudo na data prevista! Andam a brincar aos Legos com a questão das luzes de Natal. Quiseram enganar os munícipes dando a entender que iam conseguir fazer alguma coisa dentro do tempo anunciado não tiveram a humildade de reconhecer que, também aqui falharam. Claro que há os eternos defensores da incompetência para quem nada disto é grave ou mostra que estamos perante pessoas que não sabem governar, mas não se pode pedir que todos sejam exigentes e possam ver o mal onde ele existe. Como nos rebanhos, os que seguem o líder vão para onde ele for, ainda que seja o matadouro! As luzes pelos vistos não estão acabadas e fica por perceber porque as inauguraram. Tudo aponta par que esperaram que os munícipes não se apercebessem que nem isto conseguiram fazer bem e daqui a uns dias iriam dizer que foi um sucesso e um trabalho bem feito aquele que fizeram.


Seguir
( 3 Seguidores )
X

Seguir

E-mail : *

Comentar com conta do Facebook

comentario(s) no Facebook

5 comentários

  1. tenham vergonha ainda tem o descaramento de tirar fotos sentadas num banco como se nunca ninguem tivesse visto coisa assim! se o Pai Natal existisse punhas dentro do saco e levavas para bem longe!

    3
    3
  2. Vamos lá ver se a pista congela a tempo. Não vá acontecer como no ano passado. Em vez de patinar quase se podia nadar.
    Não fazem uma em condições. Como é que é possível? Se eu trabalhasse assim já tinha ido para o olho da rua, sem direito a indeminização.

    4
    2

Deixe uma resposta

Seu endereço de e-mail não será publicado.

  
Please enter an e-mail address

Postar Comentário