Plano de pormenor

CuriosoCMMG, Mercado23 Comentários


Na próxima semana haverá uma reunião que juntará elementos da câmara, da Assembleia Municipal, ex-presidentes e elementos representativos dos comerciantes. De lado ficam os utentes, os principais interessados na localização do mercado. Não conseguimos perceber qual a utilidade de juntar à mesa ex-presidentes da câmara para discutir um assunto que lhes passou pelas mãos e que, pelas suas decisões, levou à construção do Atrium e da instalação das tendas! Será que os ouvir defender soluções já postas de lado rará alguma vantagem para a discussão actual! Pretendem, com a reunião, discutir a localização definitiva do mercado, o que significa que iremos voltar ao início e dar a importância ao estudo que ele merecia, pouca ou nada. Aliás, já à data escrevemos sobre isso. Mas em cima da mesa vai estar, como é óbvio, local onde agora estão instaladas as tendas. Pelo que se ouviu na última reunião, caso seja decidido instalar ali o mercado, terá que se mexer no plano de pormenor daquela zona porque ela está, neste momento, destinada ao desporto. Pelos eleito foi falado que seria algo que iria demorar algum tempo até que esteja concluído. Lembrámos que esse assunto já tinha sido falado antes. Fomos ao passado e em Junho de 2017 o então presidente da câmara informava que, em relação à localização do mercado naquele local e à decisão tomada de o construir nas proximidades de onde estão as tendas, a “Chefe da DOT está a trabalhar na anulação do Plano de Pormenor da Zona Desportiva, para o assunto vir depois aqui à reunião“. Passados dois anos e meio nenhum dos leitos falou no assunto e parece ser claro que nada foi feito durante todo este tempo. Das três uma: ou o ex-presidente mentiu quando deu aquela informação; ou os eleitos com pelouro não sabem o que se passa naquela casa; ou não foi feito nada durante estes dois anos e meio. A verdade é que, passados dois anos e muitos meses depois do assunto ter sido falado, nada avançou. Não deixa igualmente de ser curioso ouvir-se o argumento de que este executivo avançou com o assunto e que deu a conhecer aquilo que estavam a fazer quando a cara de espanto da Alexandra e do Aurélio quando ouviram falar no assunto na Assembleia Municipal é reveladora do desconhecimento que tinham.


Seguir
( 5 Seguidores )
X

Seguir

E-mail : *

Comentar com conta do Facebook

comentario(s) no Facebook

23 Comentário em “Plano de pormenor”

  1. Avatar

    Não dão uma para a caixa. Em vez de reunirem com os atuais líderes da oposição com os comerciantes e utentes, não. Vão buscar colinho aos antigos presidentes de câmara, que não conseguiram resolver o problema, afastados da política e cidadãos como nós.
    Aqui está mais um indício da incapacidade que este executivo tem de envolvimento dos eleitos que representam a maioria dos cidadãos do concelho da Marinha Grande, assim como de total abertura aos cidadãos e transparência em matérias de elevada importância para a qualidade de vida da população.
    Eu diria também que só lhes interessa reunir com a maioria que defende a solução da Cidália, para que a solução que seja apontada na reunião seja a que defende e assim retire dali mais uma vitória.
    Há um grande terreno entre a Av da liberdade e a 1. de maio bem próximo da localização do mercado atual. Será que vai estar em discussão?

  2. Avatar

    Plano de pormenor????? E onde está o PDM?????? Também se houver dizer que está a ser feito, creio eu, há mais de 5 anos!!!! Tanta coisa que precisava de planos de pormenor… Até a câmara. Um bem especial.

    1. Avatar

      O PDM está desde o inicio à espera da Carta Educativa que a Cidália, agora Presidente e anteriormente Vereadora da Educação, teima em não fazer nem deixar fazer.
      PM

  3. Avatar

    A minha alma está parva.
    Aliás, eu sou todo parvo!
    É por isso que fico a pensar, que contributo terão, agora decisivo, os antigos presidentes de câmara… Se nem no tempo deles resolveram, é agora!?
    Seus medíocres!!!
    Em vez de reunirem com arquitectos, urbanistas, arquitectos paisagistas, projectar com quem está habituada a pensar as cidades no futuro!!! … Vão chamar… A velha guarda!?
    Não sei se ria, se chore…
    Sois mesmo FRACOS!

    11
    1. Avatar

      Na ótica dos eleitos, os funcionários da autarquia não prestam. Esquecem-se durante que até para limpar o rabo precisam deles. Quando dão conta no fim, já eram!

      1. Avatar

        Caro anónimo… Sejamos francos! alguns funcionários, não valem mesmo nada! Só aí se dá guarida a tanta figura medíocre…

    2. Avatar

      Perturbadoramente inebriados pelo poder, isolados entre si e do próprio aparelho partidário, porque o Dr. Araujo não o representa na marinha grande. Acha-se muito, mas não o é. Tudo tem um fim à vista, é só esperar a queda da folha…

  4. Avatar

    Convidem o Constancio para essa reunião que ele diz-vos logo onde tem de ser o mercado.

  5. Avatar

    O processo do mercado está inquinado de morte, a única saída airosa para resolver a futura localização do mercado é através da realização de um referendo, os Marinhenses no seu conjunto devem TODOS ser chamados a pronunciar-se democraticamente sobre este tema através do seu voto , talvez fosse sensato juntar também a futura localização da piscina.
    Não podemos continuar com esta novela, as pessoas estão cansadas de tanta conversa, os políticos passam anos a discutir o acessório e não fazem o que é essencial.

    1
    1
    1. Curioso

      Caro Anónimo. Não discordando do que refere, acredita que os eleitos vão dar essa confiança aos munícipes? Temos dúvidas.

      1. Avatar

        Prezado Curioso, se os eleitos forem inteligentes farão a consulta popular através do referendo , dessa forma eliminam a culpabilização por parte de todos aqueles que discordarem do local escolhido.

        1. Curioso

          Caro Anónimo. Obrigado, deu-nos a resposta 🙂 Não vai haver referendo.

  6. Avatar

    Aurélio e Alexandra, defendam a zona desportiva, a população conta convosco. Mercado, nunca.

    4
    1
    1. Avatar

      Mas anteriormente ambos os dois defendiam a localização do mercado onde ele se encontra agora.

  7. Avatar

    Cidália Regressão Ferreira, avance para uma consulta ao povo, e não mais um estudo pago pelo PS aos 3 comerciantes e duas senhoras que compram pepinos ao sábado. Já que não f*de nem sai de cima, deixe alguém votar por si

  8. Avatar

    Gente de me*** que está à frente dos destinos da MGR!
    Zona Desportiva… Ponto Final. Falta uma Piscina que urge construir. Falta um pavilhão multiusos. Falta áreas de desporto informal, lazer, manutenção e radical. Não utilizem espaço com um mercado ali, sejam sérios e/ou usem o cérebro.
    Mercado deverá ser construído onde houver espaço para comerciantes e utentes, próximo de terminal rodoviário. Onde era o Campo da Estação afigura-se uma boa escolha. O sr. Artur vende o terreno, garantidamente.
    Se não quiserem gastar dinheiro na aquisição do terreno, então têm os estaleiros ou a zona do Parque Municipal de Exposições.
    Seja como for, o Mercado terá sempre ser construído numa lógica de ambivalência, ou seja, utilizações múltiplas. Pois só há mercado dois dias por semana… nos outros cinco grande parte do espaço pode e deve ser outra coisa… com a natural rentabilização do investimento em sanitários, estacionamento e outras infraestruturas.

    1. Avatar

      Bravo, Caetano, até que enfim! Enfrenta essa velha reformada e encosta o padreco às boxes!!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

  
Please enter an e-mail address