CMMG

Quem tem passado por S. Pedro tem podido assistir à construção de uma espécie de miradouro feito em madeira. Não podemos dizer que discordemos da ideia até porque tudo o que possa desenvolver aquele local é bem vindo. Hoje o Governo, pela mão da entidade que gere a zona costeira, mandou parar a obra porque, pelo que soubemos, estava a ser construída em desrespeito pela lei. Naturalmente que não defendemos que a câmara desrespeite a lei, mas o que aconteceu vem apenas confirmar aquilo que se tem vindo a assistir ao longo deste mandato. A câmara é subserviente ao Governo e suas instituições, mas quando se trata de bater o pé ou de fazer valer os interesses do concelho, verga-se de uma forma quase pornográfica. A câmara tem estado na linha da frente para se substituir à função do Governo no que diz respeito à segurança na zona do que foi o pinhal, tem estado à frente no que diz respeito a financiar as obras no Centro de Saúde, das escolas e até das conservatórias, mas quando se trata de conseguir bater o pé a uma obra que nada prejudica a costa fica subserviente. Não deixa de ser curioso que noutros locais as autarquias conseguem construir quase em cima do mar, enquanto que aqui parece que a zona de protecção é para ser respeitada ao milímetro. Enquanto mantivermos uma postura subjugada não temos como nos afirmar ou lutar por aquilo que merecemos. A lei tem que ser cumprida, não há dúvida, mas será que temos que andar sempre a baixar as calças ao poder central? E, já agora, a presidente sempre tão ciosa da legalidade, como avançou com uma obra que é, aparentemente, contrária ao que é permitido?


Seguir
( 1 Seguidores )
X

Seguir

E-mail : *

Comentar com conta do Facebook

comentario(s) no Facebook

9 comentários

  1. A sério? A Cidalia a fazer um miradouro ilegal? Que moral tem agora a Camara para exigir que os munícipes cumpram a lei ? E porque se verga ela aos poderosos? E trata tão mal os mais fracos.

  2. Esta malta do ambiente da orla costeira são mais fundamentalistas que os doidos do Daesh!!
    Para eles o homem é um inimigo a abater e a costa então nem se fala, é solo sagrado.E por parvoices dessas que por exemplo temos as piscinas lindas ha varios anos decerto a “PROTEGER O AMBIENTE” como estão. E só gente ignorante de escritorio !!!!

  3. Mas a obra é da câmara em espaço costeiro??? Foi a Cidália que mandou construir em espaço que não é da câmara?? Como passou com a oposição tal ilegalidade?

    2
    1
  4. Oh Cidália, então os teus amigos da AHR Centro, que tanto tens elogiado, fizeram-te uma desfeita destas?
    Logo numa obra tão estruturante para S. Pedro de Moel, para a qual já tinhas mandado fazer a placa de inauguração com o teu nome?
    Não se faz.
    Apresenta queixa ao Pedrosa e ao Costa.

    • Não podia ser mais assertivo este comentário… Contudo, se ela o ler ainda vai vitimizar-se, como é habitual, e dizer às velhas a quem dá beijos na rua que “queria fazer pérgolas na arriba mas este país é que não me deixou…”

  5. Um miradouro de madeira, num já “miradouro natural”…
    Grande ideia, pá!!!
    TÁ TUDO DOIDO!!!!?
    Façam uma prancha de saltos, para que estes “idiotas” se mandem ao mar!

Deixe uma resposta

Seu endereço de e-mail não será publicado.

  
Please enter an e-mail address

Postar Comentário