BESesinando

Quando ontem revíamos um filme já com alguns anos, não conseguimos deixar de lembrar de um naufrago que aqui na terra parece ter ficado sozinho há muito. O Bloco conseguiu eleger representante para a Assembleia Municipal e para a Junta, mas rapidamente se percebeu que era areia demais para a camioneta que tinham. A cabeça de lista para a Assembleia cedo renunciou mostrando que enganou os eleitores. Quem a substituiu tem feito o que pode, mas sem conseguir afirmar-se. Na Junta parece ter ficado o único resistente que ainda vai teimando apresentar algumas propostas. Mas será isso suficiente para que o Bloco consiga convencer os eleitores de que está a fazer aquilo a que se propôs? Parece-nos que é pouco. O partido aqui no concelho está reduzido a praticamente nada e os eleitos que ainda subsistem começam a dar sinais de cansaço. Não deixa de ser estranho que um partido com aspirações de poder um dia ser poder consiga passar quatro anos sem dar sinal de vida e possa esperar que, quando houver de novo eleições, os munícipes consigam confiar-lhe votos. Não temos muitas duvidas de que o resistente do Bloco se possa sentir como um naufrago, abandonado por todos no partido.


Seguir
( 1 Seguidores )
X

Seguir

E-mail : *

Comentar com conta do Facebook

comentario(s) no Facebook

6 comentários

  1. Realmente, o que é feito dessa gente?? O tipo que representou o be na Moita foi uma autentica desilusão, e quando assumiu responsabilidadades na direção da coletividade Moita, foi um desastre!! Aqui na Moita já não enganam ninguém

  2. Nem sei o que se passa nas assembleias de freguesia, mas realmente se o bloco elegeu deputados para a assembleia municipal ou outras, nem se dá por isso! Lembro-me de uma tal de Ilda, cabeça de cartaz, que desapareceu logo após as eleições! E assim anda a política de esquerda.

  3. Parece que o bloco de esquerda, está com a mesma teoria do PAN, para ter votos basta estar vivo. Até a Catarina diz que a água das barragens evapora. Imaginem se estás palavras fossem fitas por outra força
    Política. De facto o bloco está morto na marinha, no entanto tem um elemento teimoso e isolado que tenta fazer algo.
    Mas pelo aquilo que se vê, o rapaz olha para todos os lados e não vê nuigem está sozinho. É a esquerda caviar no seu melhor.

Deixe uma resposta

Seu endereço de e-mail não será publicado.

  
Please enter an e-mail address

Postar Comentário