CMMG

Já há uns dias escrevemos sobre um bom exemplo por oposição ao que é o procedimento normal da autarquia. A estrada que foi reparada por uma empresa que não se limitou a fazer uns remendos. Já lá não passávamos há uns dias, mas há pouco quando passámos ficamos espantados, de novo. A empresa mandou fazer as pinturas no pavimento. O caricato da situação é que as pinturas terminam exactamente nos limite do alcatrão que foi colocado. A partir daí não há marcações no pavimento! A autarquia não aproveitou para dar continuidade ao que foi feito e pintar o resto da via e, desse modo, temos um pedaço de estrada que parece nova e o resto está ao abandono. Se dúvidas houvesse quanto ao que é o empenho da autarquia em manter as vias em condições, basta passar-se por ali e ver as diferenças entre o que foi feito por privados e o que é feito pelo Estado, neste caso pela autarquia.


Seguir
( 1 Seguidores )
X

Seguir

E-mail : *

Comentar com conta do Facebook

comentario(s) no Facebook

3 comentários

  1. Pois também reparei nisso…..agora a Câmara que continue o seu trabalho….. Já agora por todo o lado, pois as pinturas das passadeiras e outras já não se vêem há muito….

Deixe uma resposta

Seu endereço de e-mail não será publicado.

  
Please enter an e-mail address

Postar Comentário