CMMG

Quando há uns meses esteve em discussão a construção do interface de transportes no parque de estacionamento e depois e se ter percebido que a oposição deixou passar o ante-projecto sem o ler, um dos argumentos que foi esgrimido pela Cidália foi o de que a construção do interface onde é agora o estacionamento não irá causar muito transtorno porque os carros que agora ali estacionam poderão sempre estacionar noutros locais. Até disse que foi lá à noite e que estavam poucos carros estacionados! Pois bem, hoje está a decorrer uma prova numa das estradas e o parque de estacionamento tem umas largas dezenas de carros estacionados. Se o interface já estivesse construído, onde iriam estacionar todos aqueles carros? O parque onde era a JF Custódio está também cheio. Qual a solução que dariam? Quando o interface for ali construído, qual a solução que vão encontrar para todos os carros que, como hoje, ali estão? Vão deixar de realizar as provas que de vez em quando ali têm lugar? Hoje é que a Cidália deveria ir ao parque de estacionamento para poder dar a sua visão sobre a solução que preconiza para o problema que irá inevitavelmente surgir.


Seguir
( 2 Seguidores )
X

Seguir

E-mail : *

Comentar com conta do Facebook

comentario(s) no Facebook

17 comentários

  1. Durante a próxima semana com as festas da cidade podem delimitar a área de construção do elefante branco e deixar ficar 1 mês ou 2 com estacionamento proibido, e terão os resultados.

  2. Mais um prego no caixão!
    Cabecinhas pensadoras…
    Primeiro estudem, como será que se pretende a mobilidade na Marinha Grande, dentro de 20 anos. E depois apontem soluções e executem.
    Sois uns acéfalos! Burros e teimosos.
    Erros atrás de erros!

  3. Quem disse que irá prá frente a obra?! Apostemos que com a Cidália nada disto vai prá frente… ela não é tonta de avançar antes das próximas autárquicas com algo tão polémico… até porque as correções ao projeto estão feitas há muito, ou a oposição não sabe?!

  4. Mas existe algum estudo de mobilidade para a cidade, que aponte aquele local, para uma infraestrutura desse género?
    Não posso acreditar que sim!

    Cidália, você parou em 1980!

  5. Há outros espaços mais adequados que já foram aqui mencionados aquando este problema foi à Assembleia….Não só nestes dias o parque está cheio… Durante a semana é procurado por dezenas de pessoas para estacionar preferencialmente à sombra das árvores e são dezenas…

  6. Se se faz é problema; se não se faz é problema; se se decide é porque se decidiu; se não se decide é porque não se decidiu…
    Tudo é problema nesta cidade!!!

    • O problema não é nesta cidade! O problema é quem está há frente dos destinos desta cidade! A verdade é esta! Isso sim!

    • Caro Nuno. E onde é que está concretizada a parte ” se se faz é problema”? É que nada está feito…O que a Presidente devia ter era coragem para decidir. E fazer. O problema é que a senhora, idosa, é uma barata tonta, não decide nada, e enrola… enrola. Que faça! É o que se espera de um Presidente de Câmara a sério!

  7. O problema desta cidade, é ter no seu executivo, pessoas sem visão, sem ambição, sem qualquer estratégia de futuro, sem passado meritório, sem noção da responsabilidade que lhes foi entregue. Sem discernimento, para perceber a sua incapacidade.
    Tempo perdido!

Responder a Curioso Cancelar resposta

Seu endereço de e-mail não será publicado.

  
Please enter an e-mail address

Postar Comentário