CMMG

Tivemos conhecimento que está a ser pedido à entrada dos serviços camarários, melhor dizendo, no próprio edifício da câmara a identificação de quem quer lá entrar. Desconhecem-se as ordens que foram dadas por parte de quem coordena os serviços, mas não deixa de ser algo estranho. Em vez de facilitarem o acesso dos munícipes, parecem mais apostados em controlar o acesso. Não se percebem bem os motivos desta exigência tanto mais que não é conhecido qual o destino que é dado à informação que é recolhida. Numa altura em que o uso de dados pessoais é cada vez mais controlado, a câmara parece apostada em saber quem são os munícipes que recorrem aos serviços. É tudo muito estranho!


Seguir
( 1 Seguidores )
X

Seguir

E-mail : *

Comentar com conta do Facebook

comentario(s) no Facebook

11 comentários

    • Assim podem contar os amigos que os visitam. A Célita as suas comadres das festas e da academia de formação a quem deu uma escola, que não sai de lá, a sra presidenta os amigos do peito Curto e Comprido JPP para dar ordens…escumalha assim fica contada

  1. Não vejo mal nenhum. Pedem o primeiro e último nome, e onde vão. Até podem dar um nome falso.
    A pessoa que pede o nome também dá informações, em vez de entrar e andar a vaguear sem saber onde vai.

  2. É legítimo esse controle. Deviam era publicar o que anda a fazer o Sr Nelson Araújo em período laboral. Talvez ele fique comprometido… Não é sr Nelson? Afinal quem lhe paga? Haverá mais novidades… próximos dias….

  3. Controle? Já é normal… o tal Pirraça da Informática da Câmara tem ordens para controlar e informar da atividade das comunicações eletrónicas, email, web, mesengers, skype… talvez um dia vá de cana, ele e quem o manda invadir a privacidade. Boys… Boys
    Quem se ligar à rede wifi aberta da cânara corre o risco de ter a sua vida invadida… Deviam ser presos…

    • Como?! Isto é mesmo verdade?! Dos municipes que utilizam a rede aberta? Dos funcionários/vereadores que utilizam emails e demais aplicações internas/externas também? A ser verdade, isto é muito grave e vai contra todos os direitos constitucionais! Queira por favor esclarecer as suas afirmações, anónimo das 12:36.

  4. Só para informar os poucos esclarecidos informaticamente, de que, TUDO!!!!!!!! O que fazem os funcionários, ou alguém que use a rede, seja física ou por Wi-Fi, fica registado, e pode ser consultado!

Deixe uma resposta

Seu endereço de e-mail não será publicado.

  
Please enter an e-mail address

Postar Comentário