CMMG

As comemorações do 25 de Abril são sempre assinaladas com um discurso por parte de quem preside a autarquia. Este ano a Cidália fez o que deverá ter sido o discurso mais fraco de que temos memória. Notou-se que foi um discurso apenas para preencher o espaço dedicado a isso. Sem entusiasmo e sem nada que pudesse entusiasmar quem ouviu, o discurso foi igual ao que tem sido a sua gestão autárquica, fraco. Não deixou de ser interessante perceber-se que fez um discurso muito pouco virado aos munícipes, tendo-se inclusivé dirigido aos jornalistas, como se aquele fosse o momento de se dirigir à comunicação social. A Cidália esteve sozinha na varanda já que foi apenas para ela que falou e não em representação de todos os que ao seu lado deveriam estar a sentir-se representados pelas suas palavras.


Seguir
( 1 Seguidores )
X

Seguir

E-mail : *

Comentar com conta do Facebook

comentario(s) no Facebook

6 comentários

  1. Discurso? Não ouvi
    O que a Sra Professora Cidália leu muito mal foi uma redação de um dos seus alunos da 4a classe.
    A sua leitura sem entoação e sem brilho mais parecia um ditado dos velhos tempos.
    Nem para isto esta senhora serve, vai á tua vida Cidália e deixa-nos em paz porque quem vier a seguir por muito mau que seja será muito melhor que tu.

Deixe uma resposta

Seu endereço de e-mail não será publicado.

  
Please enter an e-mail address

Postar Comentário