CMMG

Não, não nos estamos a referir ao concelho. Se o quiséssemos fazer resumir a um título, escreveríamos ‘sem futuro’. Referimos mesmo a presente no sentido de lembrança, de oferta. Todos os anos, no dia da mulher, a câmara tem uma atenção para com as mulheres que trabalham para a câmara, oferecendo-lhes um presente. É algo simbólico, que não custa muito e fica bem. Este ano essa tradição repetiu-se com uma diferença! Em vez de serem agraciadas com um presente todas as mulheres que trabalham ou têm vínculo com a câmara, apenas as que trabalham no edifício da câmara tiveram direito a presente. As auxiliares que trabalham nos jardins de infância foram esquecidas. No dia em que se celebra a igualdade entre género e se pretende dar ênfase ao papel da mulher, a câmara, liderada por uma, esquece algumas!


Seguir
( 1 Seguidores )
X

Seguir

E-mail : *

Comentar com conta do Facebook

comentario(s) no Facebook

4 comentários

  1. Anonimo das 20:21, se calhar o anónimo das 15:51 era a pessoa incumbido de entregar as ofertas a todas as funcionárias, mas como se esqueceu está agora a tentar fugir com o rabo à seringa

Deixe uma resposta

Seu endereço de e-mail não será publicado.

  
Please enter an e-mail address

Postar Comentário