CMMG

Os vereadores estão a discutir mais alterações ao orçamento que foi aprovado há uns meses. Na questão das festas da cidade, com a desculpa de que vai ser mais um dia para além dos três habituais querem aumentar a despesa de 194 para 285 mil euros. Até poderia não ser estranho este aumento se não soubessem que as despesas com as festas o ano passado ficaram na ordem dos 225 mil euros. Ou seja, o rigor com que o orçamento foi feito conclui-se não ser nenhum. Os deputados quando aprovaram o orçamento foram enganados. Não se trata de apenas fazer uma correcção motivada por um qualquer facto anormal. Quando a proposta de orçamento foi apresentada já levava um valor inferior ao que sabiam ter sido o custo do ano anterior. Mais do que a falta de rigor, a forma como o orçamento é elaborado mostra que existe incompetência na sua elaboração e vão remediando essa incompetência com sucessivas modificações. Será que é este o trabalho que o PS quer que seja deixado fazer? Será que é este o rigor que dizem ter?


Seguir
( 3 Seguidores )
X

Seguir

E-mail : *

Comentar com conta do Facebook

comentario(s) no Facebook

7 Comentários

  1. A CDU absteve-se na votação do orçamento para 2019, agora vota contra a alteração – coerente com as justificações do Zé Luis
    O MpM votou contra o orçamento para 2019, agora abstém-se na alteração. Afinal onde está a coerência do Aurélio?

  2. As barraquinhas já lá estão…
    Esta Cidália é muito à frente.
    Tá aqui tá no Governo do Costa!
    Cidália, o CR7 da política local! ao contrário…

  3. Aurélio… Aurélio… Aurélio…!
    Sempre Aurélio? É um fetiche?

    Pelos poucas publicações que li nesta página, vi que há uma GRANDE preocupação em pôr o homem abaixo, sem o conhecer, já vi quem anda a deixar uns quantos sem dormir.
    Srs (se vos posso chamar assim), cuidado que a oposição não é só o Aurélio, e se ele vos der muita comichão não podem dar tanto nas vistas, ele SABE que vos incomoda e vocês só lhes dão razão.

Deixe uma resposta

Seu endereço de e-mail não será publicado.

  
Please enter an e-mail address

Postar Comentário