CMMGPS

Anunciado para hoje, a visita do Secretário de Estado das Florestas aqui ao concelho passou para sexta. Virá para apresentar o Plano Nacional de Investimentos para a recuperação das Matas Nacionais do Litoral e do Centro. Será mais um momento para marcar agenda agora que começa a ser importante mostrar que se faz alguma coisa já que as eleições se aproximam. Não é estranho que ele aqui venha como não é estranho que se andem a fazer visitas e mais visitas, mas que na prática não se veja nada a acontecer. O que é estranho é o facto de esta informação não ter sido dada pela câmara, mas pelo PS local! Sendo um assunto que deveria interessar ao concelho, é estranho que a câmara se tenha remetido ao silêncio. Será que também já começam a perceber que estas visitas são apenas momentos para que sejam tiradas fotografias?



Seguir
( 3 Seguidores )
X

Seguir

E-mail : *

Comentar com conta do Facebook

comentario(s) no Facebook

3 comentários

  1. Com o tempo que esteve hoje, as fotografias não iam ficar bem.

    Se tivessem gasto 10%, na Mata Nacional, antes do fogo, do que anunciam investir agora, se não tivessem acabado o contrato dos meios aéreos no final de Setembro, se não tivessem fechado postos de vigia e se não tivessem desmobilizado equipas de bombeiros, mesmo tendo em conta o risco de incêndio do dia 15 de Outubro (provavelmente um dos maiores de sempre em Portugal, se não o pior dia de sempre e que foi desvalorizado por quem não o devia), talvez hoje não precisássemos de anúncios de investimento de recuperação das Matas Nacionais do Litoral e do Centro. Quer dizer, até precisávamos, mas não pelos mesmos motivos.
    Isto é não ter vergonha na cara.
    Não foi o governo que empurrou o furacão Ofélia para passar em Portugal. Mas depois da protecção civil ter pedido para manter os meios ao dispor, dada as condições atmosféricas e o risco de incêndio, após 2 anos de seca e de um dos piores anos de sempre de incêndios, e este pedido não ter sido atendido politicamente, para poupar alguns tostões e 0.001% do défice, é uma falta de vergonha por aqui os pés seja para o que for.
    A pessoa que deu “o par de estalos” no Mário Soares, devia ter nome de rua na Marinha Grande, ou estátua. Pelo simbolismo.

    3
    1
    • Tudo é pretexto para a pitoresca presidente (ou antes, nós, contribuintes) pagar mais uma mariscada na Vieira! Beijos, muitos beijos às velhas pelo caminho até ao restaurante.. são as eleições a aproximar, por isso estes custosos sacrifícios, mucos e salivas de gente pobre, não é Cidália?

      1
      2

Deixe uma resposta

Seu endereço de e-mail não será publicado.

  
Please enter an e-mail address

Postar Comentário