CMMG

Ontem teve lugar o corta mato escolar. Não há muito a dizer sobre o evento. Houve, no entanto, algo que, uma vez mais, estranhamos. Parte-se do principio que as entregas de prémios deverá ser feita por eleitos. Os vereadores, os presidentes de Junta e até o presidente da AM ou das AF entregarem prémios é normal e esperado. Afinal foram eleitos. Serem chamados os presidentes de outras instituições que funcionam no concelho e que estão ligadas ao desporto teria também sido uma boa iniciativa. Mas não! A Cidália coloca o adjunto a fazer esse papel! É estranho que optem por colocar um boy a fazer o papel que deveria ser dado a quem tem funções de relevo no desporto do concelho. A Cidália parece não ter a noção do que faz ou permite que façam. Naturalmente que para o adjunto é bom porque dá o protagonismo que quem o conhece sabe que anseia, mas será que o concelho não merecia melhor? Será que optar por colocar um adjunto a fazer entrega de prémios e até posar para a foto é melhor do que colocar um qualquer presidente de um clube que dá o seu tempo em prol de outros? Não nos parece. Uma coisa é certa, ser boy com cartão do PS é sinal de se poder ser bem remunerado para não fazer nada.


Seguir
( 2 Seguidores )
X

Seguir

E-mail : *

Comentar com conta do Facebook

comentario(s) no Facebook

7 comentários

  1. Numa organização desportiva seria lógico a presença da Vereadora da Educação e do Desporto na entrega dos prémios, especialmente na primeira sessão.
    Visto a ausência da vereadora seria compreensível a sua substituição por quem terá promovido e organizado o evento. Quem esteve presente pode verificar a representatividade com graus de responsabilidade diferentes na dinâmica do encontro através das bandeiras içadas no palanque de atribuição de medalhas.
    Seria lógico que na primeira entrega de prémios, deveria estar ao encargo da Presidente da CMMG e da Presidente da JFMG e o terceiro elemento o representante do Desporto Escolar ou da DGEstE ou o Diretor do Agrupamento.
    Não ocorrendo esta situação é, na minha opinião pessoal, uma quebra de protocolo e mais grave a representatividade ser atribuída a um elemento contratado para o desempenho de funções num gabinete de apoio à Presidente.
    Incompreensível e total falta de respeito por todos que desenvolveram este evento.

  2. Ou seja, A Cidália tem sido congruente desde que foi eleita! Parabéns pelo boy. Falta saber se dura mais do que o anterior a distribuir medalhas…

  3. Espera-se a reação da Vereadora Alexandra já que em Agosto de 2017 foi proibida pela então Vereadora do Desporto Cidália Ferreira, hoje presidente, de distribuir prémios no torneio de voleibol de praia de S.Pedro de Muel promovido pelo SOM.

  4. É estranho! tanta gente a opinar a entrega das medalhas e ninguém disse nada acerca das condições dadas para organização deste corta mato escolar (distrital). Não repararam onde os jovens atletas deixavam os seus pertences enquanto corriam, no chão! com o vento e frio que estava, podiam ter montado umas tendas para abrigo e arrumação das mochilas. Pergunto o Município e a Junta de Freguesia não pertenciam há organização, ou não tinham pessoal para montar ao menos uma tenda? É pena! A nível distrital passaram uma má imagem de apoio ao Desporto Escolar.

Deixe uma resposta

Seu endereço de e-mail não será publicado.

  
Please enter an e-mail address

Postar Comentário