CMMG

Ao que parece está tomada a decisão pelo executivo camarário e já aprovada pela A.M., da compra pelo município das antigas instalações da FEIS.

Quando alguém adquire algo, é porque tem em mente certamente qual o destino a dar a esse bem. No entanto não se conhece qual a intenção clara e objectiva por parte da câmara para ocupar todo aquele espaço! Será para voltar a vender? Será que têm alguma ideia para construir algo?

Desconhecemos! E mais que tudo, temos muitas duvidas que saibam qual o destino a dar-lhe. Ora se não tem qualquer destino previsto, por que não transformar este local num local para o mercado? Está bem situado… tem estacionamento e tem espaço.

Podia incluir um centro cívico, restaurantes, lojas e até as “startups”. A par disto, poder-se-ia preservar algum equipamento, transformando a área num museu diário, preservando assim na memória de todos uma fábrica que ficará para sempre ligada à cidade.

Mas isto não é novo… não somos pretensiosos, a ideia do modelo não é nossa. A ideia vem de espaço existente em Lisboa (Alcântara), denominado LX FACTORY – ver o site http://www.lxfactory.com/PT/lxfactory/ . Basta ver e lançar um concurso (palavra que o executivo detesta), de ideias.

Posto isto, somos da opinião que é o lugar certo, no momento certo para instalar o mercado!

 


Seguir
( 5 Seguidores )
X

Seguir

E-mail : *

Comentar com conta do Facebook

comentario(s) no Facebook

5 comentários

  1. A Cidália já tem tudo tratado, até já contratou um Arquiteto para isso.
    Aquela carola não pára… ainda vocês estão a pensar nas coisas já ela as está a executar, Ganda Noya esta nossa Presidenta.

  2. Caro Vilas
    Seria uma boa opção e assim acaba-se com a interminável indefinição do mercado municipal, mas o delinear de uma estratégia para o uso da FÉIS é muito complicado para este “espécie de executivo”.
    Daqui a uns 3 anos durante a campanha eleitoral, iremos assistir às promessas dos socialistas com ideias muito brilhantes mas que não irão passar disso.
    Serão precisos mais de 3 anos e um executivo competente para dar um uso adequado á FEIS.
    Com os melhores cumprimentos,
    Gustavo_S

    • Gostava de conhecer a estratégia do Gustavo_S para aquele espaço. Uma vez que acha que estaria resolvida a indefinição, já deve ter a sua estratégia delineada. Não quer aqui expor as linhas gerais da sua estratégia?

  3. Caro Gustavo_S
    Obrigado pelo seus comentários. Eles só vêm confirmar que não é preciso falar mal, denegrir e até insultar verbalmente quem aqui escreve, desinteressadamente e com o único propósito de “tornar a Marinha… Grande”. (creio que era este o slogan da campanha do P.S.)
    Comentar não significa… concordar!
    Concordamos com o que diz sobre a capacidade deste executivo, ter sérias dificuldades em levar por diante um projecto, que pensamos, e sem sermos “pretensiosos”, ser o melhor para a Marinha Grande.
    E será tão bom que nem os amigos do executivo se atreveram até à data escrever qualquer comentário, quer a favor que contra, o que sinceramente estranhamos e…muito!

    Só esperamos que o executivo, aproveite esta ideia…e lhe dê vida!

    Melhores cumprimentos

Deixe uma resposta

Seu endereço de e-mail não será publicado.

  
Please enter an e-mail address

Postar Comentário